Palavras de Lula ao passar o cargo

Será cerimônia tristíssima para ele, alegríssima para os outros, que só podem ser Dilma ou Serra.

(Lula poderia fazer como Floriano, que não entregou a faixa a Prudente. Copiando Figueiredo, que saiu pelos fundos do Planalto para não encontrar com o ex-amigo Sarney. Ou Lacerda, que renunciou para não ver o inimigo Negrão).

Lula entregará o cargo, quer aparecer mais uma vez. Para Serra, dirá: “Nos vemos dentro de 4 anos”. Para Dilma: “Enfim, sós”.

‘Los tres hermanos”

Lula não gostou da capa da revista “Brasília em Dia”, onde aparece caricaturado pelo excelente William, ao lado de Fidel e Raul Castro. Tentou protestar e reclamar, no fim de governo não é boa idéia.

Remédios mais caros

20 mil remédios terão os preços aumentados. Como quanto mais velho, menos dinheiro da aposentadoria e mais necessidade de medicamentos, e fácil descobrir quem será atingido. E Lula, fica em silêncio?

Fogaça, dois palanques

Senador não reeleito, se elegeu e se reeelegeu prefeito. Agora, candidato a governador, sobe no palanque de Dona Dilma, ao mesmo tempo que desce no de Serra.

A governadora em exercício, não se reeelege nem que a eleição vá para o terceiro turno.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *