Parar o Congresso Nacional, pelo bem da democracia

Resultado de imagem para congresso nacional charges

Charge do Clayton, reproduzida de O Povo/CE

Vladimir Safatle
Folha

Você deixaria o seu futuro e o futuro de seus filhos ser decidido por criminosos ou por pessoas com fortes suspeitas de crimes? Pois é isso que está acontecendo agora. Questões fundamentais para o seu futuro, como o sistema de aposentadorias e as leis trabalhistas, estão sendo decididas por pessoas indiciadas na participação em crimes milionários ou que são réus em ações penais correndo no STF. Só na última lista da Lava Jato são 24 senadores e 39 deputados indiciados, inclusive os atuais presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. Além disto, quatro senadores e 50 deputados respondem atualmente por ações penais no STF.

Como se isso fosse pouco, ficou claro como todo o sistema político-eleitoral brasileiro é a expressão de uma máquina criminosa de financiamento visando preservar uma oligarquia cuja maior função é defender interesses de seus financiadores. Isso não é uma democracia, mas uma simples plutocracia violenta, com um braço policial descontrolado, que vê agora desnudada suas redes de corrupção e cooptação.

PRESIDINDO A CÂMARA – O mesmo presidente da Câmara, sr. Rodrigo Maia, que afirmava há alguns dias que a Justiça do Trabalho não deveria nem sequer existir, foi acusado por um delator da Odebrecht de receber R$ 350 mil diretamente em casa. Como alguém com tais acusações nas costas, em qualquer reles democracia liberal no mundo, poderia continuar presidindo a Câmara e decidindo modificações constitucionais?

Depois que o país viu exposto o grau de corrupção de seu sistema, toda e qualquer legitimidade de seus Poderes, em especial o Legislativo e o Executivo (já que do Judiciário até agora a população brasileira não teve o direito de saber nada), acabou.

Independentemente de ser um sistema presidencialista ou não, o mínimo a fazer seria dissolver esse Congresso, parar toda tramitação de qualquer tipo de emenda constitucional e discutir a única coisa que realmente importa agora, a saber, a reinstauração da institucionalidade política brasileira. Esse Congresso não existe mais.

FARSA DEMOCRÁTICA – No entanto, de nada adiantam novas eleições, pois o que está em questão não são apenas os ocupantes atuais do poder mas o caráter completamente farsesco do que se convencionou chamar de “democracia” no Brasil.

É certo que estes indiciados e réus procurarão se defender dizendo serem “representantes” do povo. Mas, se 93% do povo é contrário à reforma previdenciária tal como está, e 80% contrário à terceirização irrestrita (Instituto Vox Populi), então quem exatamente essas pessoas “representam”? Como é possível que a vontade da maioria seja “representada” por algo que não é a vontade da maioria? Na verdade, esse sistema é claramente um mero processo de “espoliação da vontade”.

De toda forma, talvez seja o caso de lembrar que a soberania popular, o único fundamento possível de um regime democrático, não se representa. Um povo livre nunca delega sua soberania para quem quer que seja. Ele a conserva sempre junto a si. Passar sua soberania para outro é perdê-la. É como passar minha vontade a um outro e esperar que a vontade de um outro tenha alguma forma de identidade absoluta com a minha. Nem no amor isso é possível, quanto mais na política.

“COMISSÁRIOS” – Deputados, presidentes não são “representantes” do povo. No máximo, eles são seus “comissários”, como dizia Jean-Jacques Rousseau. Por isso, uma verdadeira democracia deveria ter, ao lado dos Poderes Executivo e Legislativo, a figura da assembleia popular a ratificar leis e apor seu aceite ou sua recusa. O povo deve ter as estruturas institucionais que lhe permitam continuamente se defender de quem procura lhe usurpar o poder.

Alguns dirão que questões econômicas são muito complexas para serem decididas pela soberania popular. No que eles mostram como seu conceito de governo não é uma democracia, mas uma tecnocracia. Só que as tecnocracias que conhecemos atualmente são tecnocracias da catástrofe, responsáveis normalmente pela pauperização crescente da população.

Contra isso, há de sempre se lembrar: quem paga a orquestra escolhe a música. Mas no caso brasileiro a pergunta que fica é: quem paga atualmente a orquestra?

                              (artigo enviado por Mário Assis Causanilhas)

45 thoughts on “Parar o Congresso Nacional, pelo bem da democracia

  1. Não estou de aniversário, mas ganhei um belo presente com este artigo de Vladimir Safatle!

    Escrevi ontem na TI, neste espaço democrático, que não podemos deixar que os criminosos parlamentares decidam o nosso futuro, tanto pelo acinte quanto pelo descaso que fazemos de nós mesmos.

    Pois leio deste autor, se não as mesmas palavras que empreguei ontem, um texto muito parecido com o meu, que me deixa alegre por um lado, da concordância, mas me deixa pesaroso pelo outro, que precisamos alertar o povo quanto ao seu comportamento omisso e alienado, e vou até mais longe, irresponsável!

    Com a resignação de que precisamos obedecer e outorgar poderes nos anulamos, transferimos para bandidos as decisões que seriam nossas, sobre o que queremos para nós e famílias deste país.

    E assim tem sido ao longo dos últimos cem anos, quando os governantes decidiram que o povo sempre ficaria à margem de suas decisões, pois simplesmente teria de obedecer às determinações dos presidentes e do parlamento.

    Certamente a única administração que concedeu à população direitos e a visão de um futuro tenha sido Getúlio Vargas, curiosamente um ditador, pois durante os períodos democráticos que tivemos só contabilizamos corrupção e desonestidade, roubos e desvios de verbas do erário!

    E teremos de aceitar que esta gentalha decida por nós?!

    Ladrões e criminosos determinando o tempo que teremos de trabalhar e quais serão as novas leis que irão reger o trabalho?!

    E o deles?!

    Suas aposentadorias milionárias e condutas ilícitas, de traidores, de ladrões, e ainda impunes pelos sistemas de proteção que possuem?!

    Ah, mas um dia de greve vai resolver o problema!

    Santa imbecilidade e idiotice, um povo conduzido pr sindicatos e associações de pelegos, que estão cumprindo exatamente as ordens do governo, pois o Planalto e o Congresso já decidiram favoravelmente às “reformas”, ou seja, mais sacrifícios para o povo sustentar a corja com sangue, suor e lágrimas!

  2. Mais um dado estarrecedor e que nos obriga a clamar pelo fechamento do Congresso, o antro da bandidagem, da rafuagem, dos ladrões:

    O IBGE publicou agora, pela manhã, que atingimos a soma inacreditável e altamente preocupante de CATORZE MILHÕES E DUZENTOS MIL DESEMPREGADOS!!!

    E ontem tive de assistir porque os jornais televisivos mostraram, sentado nas cadeiras do plenário da Câmara, dos bandidos menores, Eliseu Padilha, confraternizando com seus pares as aprovações das medidas contrárias ao povo!

    Ladrões se divertindo com o nosso sofrimento.
    Até quando?!

  3. Joca,

    A bem da verdade, que os petistas foram os maiores ladrões que tivemos, o Congresso vem sendo rapina desde antes de o PT assumir o poder.

    Este antro venal e de ladrões, vem se aperfeiçoando em crimes contra o povo e país há 32 anos, e seu início foi com o mestre de todos, Sarney!

    Entretanto, um dia ia explodir o covil diante de tantas falcatruas e maracutaias, e como não bastassem os crimes praticados, voltaram-se contra o povo, nos transformaram em seus inimigos!

    Ou fechamos esta pocilga ou os porcos devorarão a todos!

  4. Caro Bendl, assino em baixo, realmente a “Folha” e o Artigo do Vladimir, prestam um grande serviço à Nação. realmente, estamos vivendo em “republiqueta democradura”, governada por hipocritas ladrões “da vida” digna do Cidadão-trabalhador. Minha infância, e juventude, foi sob Getúlio Vargas, idealista, por um Brasil decente e justo, Ditador, sim, mas, que trabalhava por valorizar o trabalhador, deposto, voltou como Presidente eleito, e deu sua Vida, para não se dobrar ao “poder econômioco”, e ficar na memoria do povo trabalhador, como exemplo de Dignidade e Amor fraterno, só lamento ele ter saido ´pela porta do suicidio, que Deus, em sua Misericórdia, “por sua “Obra de Amor fraterno” o recebeu sua Alma de braços abertos.
    Hoje, temos traidores, corruptos, Almas trevosas, destruindo o Legado de Getúlio, escravisando 220 milhões, transformando o Brasil em grande senzala, colocando nossa Soberania de Nação, sob o “tacanho” da maldade.
    Roguemos a Deus Pai, por sua Misericórdia, e proteção e iluminação, de seu filho Sergio Moro, que está com o “bastião” da Srª Justiça, a aplicar Justiça, em favor do povo brasileiro, espoliado pela corja.
    Forte abraço, e muita saude e longa vida, do irmão em Deus, Théo.

    • Meu caro Théo, e decano da Tribuna da Internet,

      Precisamos nos unir e exigir que sejam feitas reformas eleitorais e políticas.

      Basta de criminosos se arvorarem direitos de mandar no povo e no país, e de haver uma falsa democracia onde até votar é obrigatório!

      Na verdade estamos sob a égide de uma cleptocracia, que une os Três Poderes de forma abjeta e deletéria na exploração do povo e dilapidar o patrimônio nacional para pagamentos de salários milionários acompanhados de penduricalhos imorais e ilegais!

      Acompanha esta conduta perniciosa, danosa e lesiva ao bolso do contribuinte, os crimes praticados pelos parlamentares, e que os deixam impunes às leis porque o STF os protege, deixando-os livres, leves e soltos, enquanto manda prender o povo quando comete seus ilícitos.

      O uso de dois pesos e duas medidas no cumprimento da Constituição, e as vistas grossas que a Alta Corte tem com os bandidos parlamentares e membros do Executivo, comprovam que estamos abandonados, à mercê de ordens e determinações de ladroes, de vigaristas, e temos de dar um fim a tantos desmandos e descalabros!

      Eis o momento crucial para repetirmos o grito de Independência ou Morte, desta vez com relação aos poderes constituídos, que nos elegeram como seus escravos, e que temos de sustentá-los porque assim também exigem!

      Um abraço, Théo.
      Saúde e paz.

  5. Nosso futuro na mão de investigados… Muito diferente das pessoas comuns, trabalhadoras e honestas, que nunca colocaram um pé numa delegacia, e que se isso acontece, chegam a passar mal de tanta vergonha. É quanto a greve de hoje, apesar das manifestações não serem intensas e de vulto, muito maior é a manifestação das mentes e da indignação, e que muito mais danos se dará nas urnas. Muito maior também é a manifestação daqueles que ficam em casa hoje é que estão se abstendo de não gastar em nada, o reflexo de um dia, num país inteiro, sem circular dinheiro, o prejuízo é imenso.

  6. 1) Temos uma democracia burguesa, então é natural que o sistema legislativo vigente privilegie os valores burgueses (exploração dos trabalhadores).

    2) Mídias burguesas tb vão fazer a cabeça do povo espelhando valores escravistas (opressão do operariado).

    3) Infelizmente as esquerdas que estão nas mídias são burguesas.

    4) A saída é um labirinto dificílimo de encontrar.

  7. O artigo e o comentário do Bendl são perfeitos.
    Tudo isso é produto do sistema, principalmente o eleitoral, com as urnas eletrônicas e voto obrigatório, em que a maioria do povo, desinteressado por política, vai votar obrigado, vai para a urna sem saber em quem votar, vota no primeiro prospecto do candidato, que recebe de um militante de boca de urna.
    Lembro-me de uma historia, que uma pessoa em diálogo com um desses desinteressado em política disse: quando Brizola morreu. Imediatamente o ignorante politico, surpreso, pergunta: o Brizola morreu?
    É assim a maioria do nosso povo, é ela que elege esses malandros oportunistas.
    Eleições no Brasil é uma farsa, ganha quem tem mais dinheiro, quem recebe mais doações, para depois da posse atender os pedidos dos doadores. ( a Lava Jato tem provado isso) Só através de um plebiscito ou na marra, para mudar esse sistema.
    Para o bem do Brasil é imperativo enxugar o máximo esse congresso e criar um novo sistema…

  8. A realidade escancarada é:

    Uma raposa velha, que repele votos, no poder ha um ano, com baixissima popularidade, mas craque ha decadas nas manobras do Congresso, que é seu habitat de locupletamento ilícito.

    Eleito como vice de uma chapa indivisivel, indissociavel, que prometia: não mexeremos em quaisquer direitos trabalhistas ou previdenciarios.

    Que apos a conspiraçao calçada por Eduardo Cunha, prometeu recuperar a economia e agradar o mercado.

    Que, depois de um ano de sofrimentos e estagnaçao, com seu grupo, foge e combate a Lava Jato, usa Gilmar Mendes como advogado particular e, com manobras e influencias protelatorias, transforma o TSE em injustiça manifesta enquanto corre para 2018.

    Que força, sem qualquer dialogo, reformas durissimas e que atingem diversos grupos sociais, que representam a grande massa da populaçao brasileira.

    Que precipita com sua atuaçao o pais no caos e que nao demonstra ter outra intenção senao a de provocar dolosamente mais uma ruptura institucional em nossa historia.

    “Ainda somos os mesmos e vivemos como os nossos pais”

    • Maximino,

      Não podemos esquecer que o PMDB era o aliado mais íntimo do PT, portanto, Temer quando assumiu tinha como obrigação seguir a mesma administração de Dilma, com um mínimo de mudança.

      Temer não só deu continuidade à corrupção petista, elaborando um gabinete de ladrões e envolvidos na Lava-Jato, como jamais se importou com os catorze milhões e duzentos mil desempregados no dia de hoje, e mais de sessenta milhões de inadimplentes!

      Temer, o temerário, apenas se preocupou com a política abjeta e deletéria que move as quadrilhas de ladrões, travestidas em partidos políticos, concedendo-lhes mais poder e regalias, a ponto de confessar que mantém com o antro de canalhas, a mais estreita relação!

      Não com o povo, surpreendentemente, não com os necessitados, com os pobres, com os desempregados e endividados, mas com os LADRÕES!!!

      Pois é esta corja de bandidos que tem o nosso futuro em suas mãos sujas, imundas pela corrupção e desonestidade!

      Aceitaremos pacificamente que venais e criminosos decidam as nossas vidas?

      Ou que associações e sindicatos pelegos nos determinem greves, enquanto as “reformas” são efetivadas?

      Ou o que deveríamos fazer era acampar simultaneamente em frente ao Planalto e Congresso e exigir que essas mudanças sejam canceladas, mediante ameaças de invasão e quebra-quebra?!!?

      Agora, greve?!

      Mais um dia para os vagabundos viajarem para fora do país, gastando os salários nababescos que lhes pagamos para também roubar o povo e Brasil?!

      É muita safadeza dessas entidades que dizem representar o povo, associações, sindicatos, centrais, mas são pelegos, onde se assentam as bundas sujas e fétidas de parlamentares e governantes!

      O povo está só e abandonado!

  9. Jacob, meu caro,

    Grato pelo comentário.

    Precisamos antes de mais nada é nos conscientizarmos que não será por este processo eleitoral e falsa democracia que resolveremos a questão da corrupção instituída nos Três Poderes!

    Do modo estabelecido, que não muda há décadas, e dificultado pelas urnas eletrônicas, o voto está completamente desmoralizado, perdeu o seu valor porque ou cooptado ou comprado, então muitos dos eleitos não tiveram a preferência dos eleitores, que ganharam alguns tostões ou benefícios com seus sufrágios depositados em nomes de corruptos e desonestos!

    A necessidade de compensar ser comandado por ladrões, e também auferindo alguma vantagem com a corrupção desmedida e instituída é votar em criminosos, em vigaristas, alimentando permanentemente este círculo vicioso, que deve ter um fim e imediato!

    E só tem uma maneira:
    Fechar o antro dos ladrões, dos venais, os traidores, dos vendilhões da Pátria!

    Um abraço, Jacob.
    Saúde e paz.

  10. A opinião da maioria nem sempre reflete a solução correta. Por exemplo, se fizerem um pesquisa popular nacional para saber se os militares deveriam tomar o poder, colocar um civil honrado e capaz como chefe de estado com poder de iniciar uma reestruturação nacional visando a limpeza do judiciário e do legislativo, e varrer do executivo os sanguessugas, aposto que a maioria apoiaria a tomada pelos militares. E por que não fazemos?
    A premissa assumida pelo autor de que a maioria detém a verdade não é sempre verdadeira – é uma probabilidade baseada em estatística. Aprendi essa lição quando estacionei meu carro em lugar proibido só porque muitos outros carros estavam estacionados – a maioria estava errada e eu tomei uma baita multa!

      • 1) Amigo Bendl, a meu ver, sua frase:

        2) “Tenta eleger um ‘civil honrado’, tenta” = é a melhor frase do ano !

        3) Vc foi muito feliz e verdadeiro ao escrevê-la:

        4) Parabéns !

        5) Existem muitos civis honrados… mas eles não são candidatos …

        • Caro amigo e professor Rocha,

          O Brasil virou um país bizarro, onde os bons são postos de lado, e os maus são enaltecidos, transformam-se em autoridades!

          Justamente por ser do contra, pessoas honradas e honestas não se candidatam a participar de pantomimas “democráticas”, pois têm pleno conhecimento que serão enredadas em escândalos diários.

          Exatamente conforme as minhas palavras, se houvesse um parlamentar honesto e honrado no Congresso, ele teria de obrigatoriamente renunciar, haja vista conviver com ladrões, vigaristas, mentirosos, mal educados, traidores, perdulários e, todos, indistintamente, todos, VAGABUNDOS!!!

          Afinal das contas, pagamos-lhes salários milionários para pelo menos frequentar o antro de ladrões, mas nem isso, basta verificarmos as ausências ou os dias que estão presentes, para sabermos o quanto nos lesam também neste aspecto, de cumprirem uma jornada por mais lesiva que seja a nós, contribuintes!

          Um abraço.
          Saúde e paz.

  11. Eis a foto excepcional, que diz tudo:

    Jaboatão dos Guararapes, Recife, Brasil
    7 moleques numa cerca, um Banco Itau de fundo,
    E, no painel que eles desenharam para protestar na Greve, lê-se:

    PROTESTO DOS CHEIRA COLA

    Vou te falar, ver uma foto como essa da pra enfrentar até tanque de guerra; fazer alguma coisa contra essa desgraça social que estamos vivendo no Brasil, há tempos….

    PASSOU da hora, da arte-educação, desses macacos que estão no poder em Brasilia!

    o link da foto :

    https://twitter.com/diegoo1905/status/857924384031375361

  12. AndréBR,

    A meu ver, vítimas da omissão criminosa dos governantes com relação às drogas, com a permissão das cracolândias, símbolos inequívocos de desprezo pela população dos que comandam este país falido ética e moralmente!

    A gurizada ainda foi sincera e verdadeira, exatamente a falta que constatamos no Executivo e Legislativo, falsos e enganadores, ladrões e incompetentes!

  13. Tudo que acontece hoje é fruto de décadas de explosão de endividamento público privado e pagamento de juros extorsivos, além do desvio de bilhões de reais de dinheiro público através da corrupção de todos os partidos e políticos. Estamos todos revoltados, mas o pior que ao mesmo tempo impossibilitados de reagir. A greve por si só não evita que medidas impopulares sejam tomadas pelo Governo que já está se articulando para a reforma trabalhista ser aprovada no Senado.

  14. Para o bem do Brasil, não apenas o Congresso Nacional deveria ser fechado. O STF está tão podre, ou mais.
    O que precisamos é fechar TODOS os Poderes e convocar novas eleições

    • Convocar novas eleições, seu Yulo? Para eleger quem? Os homens capazes de consertar o Brasil não devem fazer política, meu caro, eles estão ganhando um bom salário no setor privado – são economistas, engenheiros, professores. Bundas moles é que procuram o voto popular para se realizar (com raras exceções). Quer exemplos?

  15. A grande e velha farsa da plutocracia com jeitão de cleptocracia e ares fétidos de bandidocracia, fantasiada de democracia, finalmente, está desmascarada. E agora temos a Alternativa da Democracia Direta com Meritocracia Eleitoral, que vale a pena experimentarmos, do Brasil para o mundo, tipo exportação. E por algum ponto temos que começar a fazer essa onda gigante adentrar ao congresso nacional, antes que roubem até o registro de nascimento do Brasil. E, face ao adiantado da hora, tendo em vista que a menor distancia entre dois ponto é a reta, vamos acampar a RPL-PNBC-DD-ME na Pça. dos Três Poderes, em Brasília, mansa e pacificamente, onde Ela ganhará a dimensão população necessária para adentrar ao congresso nacional e ao palácio do planalto, para fazer o que tem que ser feito, antes tarde do que nunca, sendo este o caminho indicado pela orientação Divina que há décadas tenho tenho implorado ao Pai. Amém.

  16. Eu sou mais radical, convocaria uma seção conjunta do congresso para aumento de sues salários, trancaria a porta e jogaria a Ma~e de Todas as Bombas.

  17. Se a democracia é a vontade do povo, quem pode mudar o resultado final?
    Gostaria e muito, de conhecer o resultado de uma eleição com dados abertos.
    Está mais do que provado e comprovado: os votos conscientes são bem menores do que os inconsequentes.
    Quem se arrisca a dizer como solucionar isto?
    Em 2018, muitos dos atuais detentores de mandatos, mesmo que corruptos e vigaristas, serão reeleitos.
    Culpa de quem? Das urnas? Da Globo? Das mídias corruptas? Da desinformação?
    Eleitor sem cérebro, sem responsabilidade, sem interesse ou com interesses escusos, tem cura?
    Estamos fazendo, todos os dias, a autópsia da política, quando deveríamos fazer sua biópsia!
    Fallavena

  18. A única solução é a volta dos militares.A situação está insuportável e não temos civis com moral, para assumir tal responsabilidade. Do alto dos meus 65 anos, nunca vi nada igual.

  19. Viram os “camisas vermelhas” do Lula, agredindo passageiros nos aeroporto Santos Dumont? Que venham, logo, os militares, que revoguem logo a tal da lei escancara fronteiras, antes que ocorra a guerra civil.

    • Vai pra fronteira você, ora ora. Os militares não são cidadãos como todos nós? E mais honestos! Vou citar alguns civis, escolha um meio honesto:
      Sarney, Cabral, Renan, Jucá, Collor, Eunício, Rodrigo Maia, Tiririca.
      Já sei, escolheu Tiririca!
      Give me a break.

      • São incompreensíveis algumas posições.
        Eu poderia dizer, nos momentos atuais, que aqueles que defendem mudanças e excluem a possibilidade do uso dos militares, de maneira CONSTITUCIONAL como prevista, exclusivamente para a manutenção da democracia e a garantia da nação, preferem a manutenção da baderna, da corrupção.
        Ora, esperar que milagres ocorram, que as coisas se ajeitem espontaneamente, mantido o contexto atual chegaremos ao caos completo. O crime livre e atuante, desemprego aumentando, ações para deter investigações e punições de ladrões/bandidos/corruptos e com o andamento de um grande acordo entre as facções políticas, onde chegaremos?
        Não concordo com um comando militar mas, se necessário, teremos de usar todos os meios LEGAIS E DEMOCRÁTICOS para a garantia do estado e da nação.
        Quem for contrário que lance sua proposta.
        Afinal, em não concordando, quais suas sugestões para iniciarmos a solucionar os problemas do país?
        Fallavena

        • Faço minhas, as tuas palavras! Temos que ser práticos, como os norte americanos, que resolvem tudo, rapidamente.Parabéns pelas lúcidas colocações.

  20. Werneck,

    Quando pessoas da tua estirpe concordam com gente que pertence à plebe ignara, como este escrevinhador, quando afirmo que o país faliu ética e moralmente alegro-me por um lado, mas, pelo outro, deploro o Brasil ter chegado a este estágio!

    E mais surpreso fico e curioso ao mesmo tempo, que por infinitamente menos – e tu és um conhecedor da História – Jango foi deposto sob a ameaça comunista!

    Bom, o comunismo está instalado no Brasil e alguns em postos no governo;
    Parlamento e Planalto sem qualquer autoridade moral;
    STF questionado quanto à conduta de seus ministros, tanta pela benevolência com ladrões do erário e do povo, quanto pela forma equivocada como entendem a Constituição;
    Ladrões e corruptos determinam o futuro do cidadão brasileiro;
    Os roubos são diários e as proteções dos parlamentares, que os deixam impunes pelos crimes cometidos, a Alta Corte segue à risca esse escudo deplorável, que permite os criminosos permanecerem livres, leves e soltos, apesar dos crimes praticados!

    Diante deste quadro dantesco e que nos conduz celeremente para o fundo do poço, também agora econômico e social, afora a decadência citada acima, a conclusão que se obtém e sem qualquer discussão é que,

    A continuar este antro de venais e toca de corruptos, Congresso e Planalto, respectivamente, somente fechando o primeiro e intervendo no segundo!

    Não existem mais paliativos, somente medidas drásticas, que impedirão quaisquer manobras elaboradas pelos venais, ladrões e vigaristas em forma de leis.

    No entanto, como resolver esta questão gravíssima que sacode o país e maios uma vez o povo é convocado para pagar a conta, se o comandante do Exército atesta que as instituições funcionam a contento?!

    A greve de hoje provou de forma absoluta que os sindicatos, associações e centrais estão contra o povo!

    Se estivesse em seu favor, o local dessa paralisação seria Brasília, em frente ao antro de corruptos e do Planalto, local de desonestos!

    E a violência empregada contra o próprio povo que queria ir trabalhar?!

    Fazem com os parlamentares essas agressões e ofensas?!

    Claro que não, pois são movimentos de uma gentalha QUE TERCEIRIZA OS BADERNEIROS, e os veste com camisetas que os identificam com o peleguismo existente, enquanto os diretores estão muito distantes do quebra-quebra!

    A falsa representação de classes nas mãos da quadrilha petista, o congresso agindo somente em causa própria, o Executivo apresentando projetos contra o povo, mas na ótica do general Villas Bôas, as instituições funcionam plenamente e a democracia cada vez mais sólida, resta ao cidadão o quê?!

    Um abraço, Werneck.
    Saúde e paz.

  21. “Certamente a única administração que concedeu à população direitos e a visão de um futuro tenha sido Getúlio Vargas, curiosamente um ditador, pois durante os períodos democráticos que tivemos só contabilizamos corrupção e desonestidade, roubos e desvios de verbas do erário!”

    Mais um lúcido trecho da lavra de Bendl , sobre o magistral artigo de Vladinir Safatle, que mereceu esplendidos comentários da maioria dos leitores de carteirinha da Tribuna da Internet.

    Creio que o tempo e hora dos paisanos governarem o país, já passou.
    Estamos,agora, nas mãos de corruptos e baderneiros.

    A falta de ordem e progresso para o Brasil, deve estar sendo observada com alto teor de civismo, disciplina e hierarquia, por quem de direito constitucional: as Forças Armadas.

    Essa bagunça que estamos vivendo, já foi longe demais…

Deixe um comentário para Ivano Rogério Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *