Parlamentares articulam para proteger Flordelis e senador da cueca e evitar abertura de processos de cassao

Deputados e senadores adiam a reabertura dos Conselhos de tica

Jorge Vasconcellos e Fernanda Strickland
Correio Braziliense

Uma srie de manobras no Congresso tem tornado cada vez mais remota a possibilidade de abertura de processos de cassao dos mandatos da deputada Flordelis (PSD-RJ), acusada de homicdio, e do senador Chico Rodrigues (DEM-RR), flagrado pela Polcia Federal com R$ 33 mil escondidos na cueca. Tanto na Cmara quanto no Senado, parlamentares articulam para adiar a reabertura dos respectivos Conselhos de tica, em que os processos devem tramitar. Esses colegiados esto com as atividades suspensas por conta da pandemia.

Na Cmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o corregedor, Paulo Bengston (PTB-BA), tentaro, mais uma vez, votar em plenrio, na prxima semana, o Projeto de Resoluo (PRC) da Mesa Diretora, que autoriza a retomada das reunies do Conselho de tica, por videoconferncia. A proposta tambm prev a reabertura de trs comisses: a de Constituio e Justia, a de Finanas e Tributao e a de Fiscalizao Financeira e Controle. Por falta de acordo, a votao que estava marcada para o ltimo dia 9 foi suspensa. E muito provvel que isso volte a acontecer na semana que vem.

DIFICULDADE – A discusso sobre a reabertura do Conselho de tica, tanto na Cmara quanto no Senado, desagrada boa parte dos parlamentares, sobretudo os acusados de quebra de decoro e seus aliados. O presidente do colegiado, Juscelino Filho (DEM-MA), admitiu a dificuldade para se colocar o Projeto de Resoluo em votao.

Alm da falta de acordo em torno do texto, ele disse ao Correio, por meio da assessoria, que est preocupado com a obstruo dos trabalhos do plenrio pelo Centro, o maior bloco parlamentar da Casa e que d sustentao ao presidente Jair Bolsonaro. O grupo decidiu que continuar obstruindo as votaes enquanto no houver soluo para o impasse em torno da presidncia da Comisso Mista de Oramento (CMO).

Juscelino Filho afirmou que, caso, finalmente, o Conselho de tica tenha as atividades retomadas, a representao contra a deputada Flordelis ser o primeiro item da pauta da reunio do colegiado. A partir da, conforme o Regimento Interno, ser sorteado um relator para dar prosseguimento apurao de quebra de decoro.

FLORDELIS BENEFICIADA – Esse conjunto de obstculos tem beneficiado a deputada fluminense. Integrante do Centro, ela responde a processo na Justia pela acusao de ser a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo. Ele foi executado com mais de 30 tiros, em junho de 2019, em Niteri (RJ).

Graas ao mandato, Flordelis, que alega inocncia, segue em liberdade, protegida pela imunidade parlamentar congressistas s podem ser presos em flagrante e por crimes inafianveis.Na ltima quarta-feira, a Mesa Diretora decidiu, por unanimidade, encaminhar ao Conselho de tica a representao contra a deputada, mas o caso s ter prosseguimento com a retomada dos trabalhos do colegiado.

J no Senado, ainda no h qualquer definio sobre quando o Conselho de tica da Casa examinar o caso do senador Chico Rodrigues, suspeito de liderar um esquema de corrupo no setor de Sade do estado. O parlamentar nega envolvimento em irregularidades. Ele est em licena do cargo, por 121 dias. Da mesma forma que Flordelis, ele segue em liberdade, assegurada pela imunidade parlamentar.

AFASTAMENTO – Quando da operao, a Polcia Federal chegou a pedir a priso preventiva de Chico Rodrigues, mas o ministro Lus Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, negou. Ele determinou somente o afastamento do parlamentar, por 90 dias. Pressionado, porm, por colegas do Senado, o poltico de Roraima resolveu pedir suspenso das funes por 121 dias.

Em meio s indefinies, outros casos importantes aguardam a anlise do Conselho de tica da Cmara. No ano passado, o colegiado teve um dos perodos mais tumultuados de sua histria, em razo do clima de forte polarizao poltica. Ao todo, foram protocoladas 21 representaes contra deputados suspeitos de quebra de decoro parlamentar o maior nmero desde 2006 e o terceiro mais alto da histria do rgo.

O principal alvo de acusaes no conselho o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que tem trs processos em aberto dois por conta da declarao em que sugeriu a volta do AI-5 e um envolvendo ataques virtuais contra a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), no auge da crise do PSL. A maioria dos alvos das representaes de parlamentares desse partido.

15 thoughts on “Parlamentares articulam para proteger Flordelis e senador da cueca e evitar abertura de processos de cassao

  1. Felipe Quintas (via Facebook)

    Outro anncio de 1989. Diferente do que a grande mdia sempre disse, a Odebrecht nunca foi simplesmente uma empreiteira (como se ser apenas uma empreiteira fosse demeritrio), mas um dos maiores conglomerados industriais do Brasil, 100% nacional, com um portflio bastante diversificado. Mais ainda: sem nunca ter aberto o seu capital em bolsas de valores, provando, assim, que no preciso estar ligado especulao financeira para produzir, empregar e desenvolver o pas, e que, fora dela, possvel obter melhores resultados dos pontos de vista empresarial e nacional.

    Criada em 1944/45 na Bahia, em plena Era Vargas e, no por coincidncia, fora do ncleo industrial paulista j bastante comprometido com interesses estrangeiros -, a histria da Odebrecht acompanha os caminhos e descaminhos do desenvolvimento brasileiro. Sim, desde que surgiu, ela se beneficiou bastante de contratos com o Estado como qualquer grande empresa em qualquer pas capitalista decente pois essa uma das funes do Estado, proteger e promover as empresas avanadas do seu pas. JK, ACM, Medici, Geisel, Lula e Dilma, entre tantos outros governantes brasileiros que estabeleceram parcerias com a Odebrecht, no fizeram em relao a essa empresa nada diferente do que os governos dos EUA, do Japo, da Alemanha, da Frana e da Sucia, por exemplo, sempre fizeram com as principais empresas dos seus pases.

    O que os liberais fizeram ento na Lava Jato? Em conluio com os EUA e para a alegria de vrios outros pases, usaram o Estado mais especificamente o Judicirio e o Ministrio Pblico, os setores mais privilegiados e improdutivos da mquina pblica para quebrarem a empresa privada mais dinmica do Brasil. Eles fizeram tudo o que eles dizem que os populistas e comunistas gostariam de fazer. Praticaram sem d nem piedade o patrimonialismo no sentido dado pelo liberal de ms intenes Raymundo Faoro que supostamente tanto combatem. Destruram empregos, famlias, localidades, a projeo internacional do Brasil, tudo. Liberalismo no ideologia poltica, arma de guerra contra a nao.

    https://www.facebook.com/felipe.quintas.1/posts/1447476908782892

  2. VIRA-LATAS bolsonaristas covardes j comeam a CONSERTAR a garganta, para CONCERTAREM um novo latido:

    Ala poltica do governo defende ‘mudana de discurso’ se Trump no se reeleger
    Integrantes do Itamaraty foram aconselhados a diminuir o tom e a procurar representantes da campanha de Biden para iniciar um dilogo em caso de vitria.

    https://g1.globo.com/google/amp/politica/blog/andreia-sadi/post/2020/11/02/ala-politica-do-governo-defende-mudanca-de-discurso-se-trump-nao-se-reeleger.ghtml

    • Sr. Paulo

      Tudo continuar na mesma, tanto com Biden ou com Trumpete.
      A submisso a Matrix vem de longe.
      E os Bolsonelsons vo l ficar na mesma posio em que o Napoleo perdeu a guerra..

  3. Este congresso existe em causa prpria assim como o judicirio e o executivo.
    Se tiverem alguma dvida; analisem a reforma da previdncia.
    Quem perdeu direitos, quem manteve os seus (por mais indecorosos que sejam).
    E por a vai. S no imagino como vamos nos livrar disso a.
    No venham dizer que quando soubermos “votar” pois nos partidos tambm est tudo dominado e s entra quem “danar conforme a msica”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.