Pesquisa CNT/MDA indica que ainda há 27,1 de indecisos, brancos e nulos

Resultado de imagem para bolsonaro

Bolsonaro lidera e abre frente em relação a Haddad

 


Carlos Newton

A 140ª Pesquisa CNT/MDA, divulgada pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) neste sábado (dia 6), não traz novidades e mostra as preferências dos entrevistados em cenários de primeiro e segundo turnos e o limite de voto nos candidatos. O contrário dos outros institutos, que jamais divulgam no primeiro momento a pesquisa espontânea (“Em quem você vai votar pra presidente?”), o MDA divulgam em primeiro plano justamente esses dados, que são os mais importantes, porque mostram a intenção de voto consolidada, sem vacilações.

O resultado mostra que a eleição ainda é marcada por grande número de indecisos (17,4%) e brancos e nulos (9,7%), que juntos somam 27,1% e só ficam atrás do primeiro colocado Jair Bolsonaro (PLS), que agora tem 33,9% e abre uma distância enorme para Fernando Haddad (PT), que tem apenas 20,4%.

OS OUTROS –  O resultado da pesquisa espontânea Ciro Gomes em terceiro, com apenas 7,3%, seguido por Geraldo Alckmin: 4,1%; João Amoêdo: 1,8%; Henrique Meirelles: 1,2%; Marina Silva: 1,1%; Alvaro Dias: 1,1%; Outros: 1,8%; Branco/Nulo: 9,7%; Indecisos: 17,4%.

 A pesquisa foi realizada entre os dias 4 e 5 de outubro de 2018. Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 Unidades Federativas, das cinco regiões do país. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais com 95% de nível de confiança.

PESQUISA INDUZIDA – Os resultados da 140ª Pesquisa CNT/MDA mostram que, se a eleição fosse hoje, haveria segundo turno para a eleição presidencial.

A pesquisa induzida ou estimulada, na qual o entrevistador exibe ao eleitor a lista de candidatos, o resultado é a disputa ocorrendo entre Jair Bolsonaro (PSL), citado por 36,7% (42,6% dos votos válidos), e Fernando Haddad (PT), citado por 24,0% (27,8% dos votos válidos). Assim como na última pesquisa, Jair Bolsonaro e Fernando Haddad são os candidatos cujos eleitores se declaram como os mais decididos a confirmar o voto, com 90% para ambos nesse levantamento.

SEGUNDO TURNO – Em simulação de segundo turno, Jair Bolsonaro venceria Fernando Haddad, caso a eleição fosse hoje, por 45,2% a 38,7%. Jair Bolsonaro também venceria Geraldo Alckmin e aparece em empate técnico contra Ciro Gomes. Fernando Haddad perderia para Ciro Gomes, em eventual segundo turno e aparece empatado com Geraldo Alckmin.

Jair Bolsonaro confirma a tendência de crescimento na reta final, liderando os cenários de primeiro turno e ultrapassando Fernando Haddad no segundo. A rejeição do petista, agora, é a maior de todos os candidatos, com 53,2%, enquanto a rejeição de Bolsonaro é de 50,2%.

7 thoughts on “Pesquisa CNT/MDA indica que ainda há 27,1 de indecisos, brancos e nulos

  1. Inteligência da PF diz que há riscos de choque amanhã nas ruas.
    Vou sair com adesivo da hastag #EleNao e armado para caso algum valentão pró-bolso se aproximar querendo me intimidar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *