Piada do Ano! Bolsonaristas dizem que assédio na Caixa não tira votos, mas evita crescimento

Irritado, Bolsonaro distribui respostas estúpidas após avalanche de críticas - Correio do Brasil

Bolsonaro demorou a demitir Guimarães e se complicou

Valdo Cruz
G1 Brasília

As denúncias de assédio sexual na Caixa Econômica Federal, que derrubaram o presidente do banco, Pedro Guimarães, não devem tirar votos do presidente Jair Bolsonaro, mas vão dificultar a conquista de novos votos, principalmente entre as mulheres.

A avaliação é de integrantes da campanha de reeleição do presidente da República, que defendiam uma demissão sumária do auxiliar de Bolsonaro, e não um pedido de demissão.

MELHORAR A IMAGEM – Aliados do presidente no Centrão consideravam o caso de assédio sexual na Caixa, do qual é acusado Pedro Guimarães por funcionárias da instituição, uma oportunidade para Bolsonaro tentar melhorar sua imagem junto ao eleitorado feminino, que tem uma forte rejeição ao chefe do Executivo Federal.

Por isso, defendiam que o presidente da Caixa fosse demitido, com o presidente se posicionando publicamente em defesa das funcionárias do banco, mesmo com a ressalva de que Pedro Guimarães tem direito a se defender. Mas aconteceu exatamente o contrário. Bolsonaro ficou em silêncio sobre o caso até agora e aceitou que o seu auxiliar pedisse demissão, divulgando antes uma carta se defendendo e afirmando que as acusações não são verdadeiras.

ALA IDEOLÓGICA – Acabou vencendo a ala ideológica, que apoia Pedro Guimarães, que sempre se colocou em defesa das teses defendidas por esse grupo dentro do governo. Guimarães se transformou num dos assessores mais próximos do presidente da República, chegando a articular uma tentativa de ser o candidato a vice na chapa de Bolsonaro na eleição deste ano.

Para aliados de Bolsonaro no Centrão, a opção do presidente pela ala ideológica é um erro.

Se o seu grupo fiel de eleitores não deve abandoná-lo por causa das acusações de assédio sexual, o presidente acaba ficando preso à sua bolha, dificultando a conquista de novos apoios, principalmente entre as mulheres.

SEGUNDO TURNO – Sem conseguir ampliar sua intenção de voto, Bolsonaro pode ir até para o segundo turno, mas não ganha a eleição, alertam interlocutores dele no Congresso.

Os integrantes da ala ideológica saem em defesa do presidente argumentando que ele não é o acusado, mas sim Pedro Guimarães, e por isso não pode ser penalizado por causa do episódio.

Mas a ala política rebate esse argumento dizendo que o presidente tem uma imagem ruim com as mulheres, por causa do seu estilo agressivo, machista e truculento, e que condenar o caso da Caixa seria uma oportunidade para amenizar essa avaliação do público feminino.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
A campanha de Bolsonaro parece estar sendo dirigida pelos Trapalhões. É como se houvesse um movimento interno para inviabilizar a reeleição. (C.N.)

16 thoughts on “Piada do Ano! Bolsonaristas dizem que assédio na Caixa não tira votos, mas evita crescimento

  1. Mas não deixa de ter razão, uma vez que quem ainda o apoia mesmo com o pais atolado no lodo o faz por cegueira ideológica mesmo. Dirão os bolsonaristas que a culpa foi das mulheres por usarem roupas muito provocativas.

  2. Certamente, as piriguetes raivosas, venenosas,histéricas, iludidas e bitoladas que tem o hábito de comentar em um determinado blog , tem a mesma posição, quero dizer: NEGAÇÃO.

  3. Se analisarmos friamente , Bolsonaro nada tem a vê com as taras dos seus subalternos.
    No entanto como ele tb já mostrou diversas facetas de machista está com sua imagem colada a do ex Presidente da CEF.

  4. Mulheres para estes enrustidos, são meros objetos.
    Servem apenas como depósito de esperma, para criar suas proles e cuidar dos fazeres domésticos
    As carícias e atenções, eles despendem para aqueles do mesmo sexo.
    São, embora enrustidos.

  5. A Petrobras construiu monopólios regionais de refino no Brasil isso quer dizer que cada refinaria que a governo vende deixa de ser um monopólio do estado e vira um monopólio de uma empresa privada! É por isso que onde foi privatizado o combustível é mais caro PRIVATIZA QUE PIORA

    A Petrobras detém o monopólio do refino? Sim e não. Detém porque só ela investiu na construção de refinarias no Brasil e não porque só ela podia fazer isso. É bem diferente. O mercado é livre é aberto a mais de 20 anos e nenhuma outra empresa investiu aqui PRIVATIZA QUE PIORA

    A iniciativa privada está investindo no refino no Brasil? Ah pronto! E quantas refinarias estão em construção? ZERO! investimento privado é tomar controle das refinarias da Petrobras e não aumenta um barril na capacidade de refino e ainda aumenta o preço final PRIVATIZA QUE PIORA

    https://twitter.com/digoferri/status/1542500156066643968

  6. Esse caso do presidente da Caixa é uma vergonha. Os relatos de explosão, assédio moral, ameaças de violência contra funcionários para entregar melhores resultados e feiras de agronegócios, são passíveis de prisão. Em um episódio ele ameaçou estuprar quem não melhorar o desempenho e mesmo assim tirava as funções das funcionárias.
    O presidente se recusou a demitir esse crápula. Se fosse da oposição, da esquerda, o Bolsonaro já estava fazendo live exigindo os piores castigos. Mas, como Guimarães é da sua copa e cozinha ele pediu ao ASSEDIADOR para pedir demissão.
    Esse caso medieval, merece uma punição severa. Estamos vivendo um retrocesso pré histórico.
    Nesse governo, o Humanismo tende a zero.

  7. Última pesquisa no MS, aponta empate técnico entre o Dórico e o Lula. Dados da pesquisa:
    Bolsonaro 35,2%.
    Lula 32,5
    Margem de erro 1,8%%.
    População do MS 2,840 milhões.
    População de Campo Grande 916 mil ( aproximadamente).
    Bolsonaro: 999,680 votos.
    Lula: 923000
    Como podemos constar, a diferença e mínima.
    Segundo especialista, com base em dados estatísticos, a diferença tende cair ainda mais.
    Vamos avaliar os demais 26 outros estados?

  8. Esperar o que do Valdo Cruz, um convertido.
    Bolsonaro deveria se declarar bicha e feminista para ganhar esses votos e ser reeleito?
    Essa mudança de comportamento fez o Cara se declarar “Lulinha paz e amor’.
    Bolsonaro não vai fazer o que a esquerda quer, ela fica dando dicas para ele se reeleger.
    O homem ainda é um soldado da velha Brigada.
    E quem não gostar não vote nele, Lula paz e amor taí mesmo para abocanhar os votos feministas e da turma do arco íris.

    Estamos juntos.

    https://www.youtube.com/watch?v=eUGu4Kw6FHw

  9. Me divirto com as análises dos especialistas em análises furadas sobre o Presidente Bolsonaro.
    Esse aí acha que o PR NÃO vai perder votos; aguardarei, ansioso, a análise do Sr Pedro do Coutto dizendo exatamente o oposto.

  10. Os relatos das vítimas do presidente da Caixa, de assédio sexual e assédio moral contra as funcionárias e também funcionários, aproveitando- se do poder concedido pelo presidente é tão nojento e escabroso, que não deveria ser tratado sob a perspectiva eleitoral e sim no âmbito do Código Penal. Trata-se de um crime tipificado em Lei.
    Como tal, o Guimarães incorreu em grave ilícito penal.
    Se tira votos do candidato, se não acrescenta ou diminui, isso e de menor importância.
    O governo perdeu a oportunidade, de demitir o executivo, antes do escândalo vir a tona, pela simples razão, de que quase todo o mundo político em Brasília já sabia dos relatos, que estavam sendo investigados pelo Ministério Público. O setor de Compliance da Caixa, quedou-se inerte diante das denúncias.
    É muito desalentador, constatar, que a tal de Compliance, só existe para inglês ver, pura demagogia e não é só na Caixa Econômica. A Compliance, quando investiga, alcança somente os funcionários sem cargo de confiança, os mortais da Presidência e da Diretoria, nunca são alcançados.
    Nunca o ente menor, tem condições de punir o Poder maior. Pura lógica cartesiana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.