Piada do Ano! Cada pessoa vacinada ganhará um chiclete e uma lata de leite condensado

TRIBUNA DA INTERNET | Sem noção, Bolsonaro repete que leite condensado é para 'o rabo' da imprensa

Charge do Aroeira (Portal O Dia/RJ)

Vicente Limongi Netto

A exemplo do consórcio de imprensa, que anunciou uma campanha para mostrar a importância da vacinação contra o coronavírus, o governo Bolsonaro também devia providenciar semelhante iniciativa para imunizar a população.

Enfatizando aos brasileiros o empenho e a sensibilidade que o chefe da nação demonstrou desde o início da pandemia, o próprio Bolsonaro abriria a campanha vacinando o notável trio símbolo da administração federal – os craques das “rachadinhas”, Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz e Arthur Lira.

PRÊMIOS PELA VACINAÇÃO – A seguir, Bolsonaro vacinaria a amiga da família Bolsonaro, a famosa Val de Angra dos Reis, vendedora de açaí. E toda pessoa vacinada, ganharia uma caixa de chiclete e uma lata de leite condenado. Aliás, uma imagem que emocionaria o mundo, provando que não existe miséria no Brasil, deveria focalizar um sorridente e orgulhoso Bolsonaro exibindo, como troféu, uma lata de leite condensado, a nova grife do governo.

Por fim, diante da nova agressão vil, torpe, covarde, leviana e irresponsável de Bolsonaro à  imprensa, sugiro que o presidente use o leite condensado para lavar a boca suja, porca e imunda, e o chiclete para lacrar a alma ignorante, rancorosa e analfabeta.

MISÉRIA NO FANTASTICO – O programa “Fantástico” anuncia matéria alertando sobre os malefícios do fim do auxílio-emergencial. Escrevi sobre o assunto bem antes. Dia 22. Em artigo aqui na Tribuna da Internet. Nele, fazia diversas perguntas. 

Recordo duas delas: Algum general precisará desenhar para Bolsonaro que será preciso manter o auxílio-emergencial, sob pena de ver a miséria aumentando no Brasil? Que sem o auxílio-emergencial muitos brasileiros precisarão roubar mercados e catar restos de comida nas latas de lixo?

COMENTARISTAS ESPORTIVOS – Respeitem nossos ouvidos! Socorro! O caos tomou conta do linguajar dos analistas, narradores, atletas, repórteres e dirigentes. Sobretudo agora, na reta final dos campeonatos brasileiros.

Para ver quem tem mais chances no topo e quais clubes serão rebaixados, abusam e fazem caras e bocas, alvejando a “Matemática”, quando o correto é falar em “Aritmética”. Deus nos acuda. Respeitem nossos ouvidos.

Vou desenhar: Matemática é a ciência dos números. Mas quem trata deles, adição, diminuição, divisão e multiplicação, é a Aritmética. Raros, raríssimos profissionais se expressam certo.

 

7 thoughts on “Piada do Ano! Cada pessoa vacinada ganhará um chiclete e uma lata de leite condensado

  1. Se o Grossonaro tivesse comprado a vacina da Pfizer não haveria essa dúvida com a vacinação dos idosos. Entretanto, sempre há uma rima para um canto: a vacina Novovax já está disponível e a da Johnson and Johnson.

  2. DOAÇÕES DOS GOVERNOS LULA e DILMA À DITADURAS VIA BNDES:

    1) Porto de Mariel (Cuba)
    porto-mariel-cuba.jpg

    Valor da obra – US$ 957 milhões (US$ 682 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Odebrecht

    2) Hidrelétrica de San Francisco (Equador)
    uhe-sanfrancisco-equador_1.jpg

    Valor da obra – US$ 243 milhões

    Empresa responsável – Odebrecht

    Após a conclusão da obra, o governo equatoriano questionou a empresa brasileira sobre defeitos apresentados pela planta. A Odebrecht foi expulsa do Equador e o presidente equatoriano ameaçou dar calote no BNDES.

    3) Hidrelétrica Manduriacu (Equador)
    manduriacu.jpg

    Valor da obra – US$ 124,8 milhões (US$ 90 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Odebrecht

    Após 3 anos, os dois países ‘reatam relações’, e apesar da ameaça de calote, o Brasil concede novo empréstimo ao Equador.

    4) Hidroelétrica de Chaglla (Peru)
    ala1.jpg Valor da obra – US$ 1,2 bilhões (US$ 320 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Odebrecht

    5) Metrô Cidade do Panamá (Panamá)
    panama-Metro.jpg

    Valor da obra – US$ 1 bilhão

    Empresa responsável – Odebrecht

    6) Autopista Madden-Colón (Panamá)
    sec_1_panama_11.jpg Valor da obra – US$ 152,8 milhões

    Empresa responsável – Odebrecht

    7) Aqueduto de Chaco (Argentina)
    img_964.jpg

    Valor da obra – US$ 180 milhões do BNDES

    Empresa responsável – OAS

    8) Soterramento do Ferrocarril Sarmiento (Argentina)
    1652110w645.jpg Valor – US$ 1,5 bilhões do BNDES

    Empresa responsável – Odebrecht

    9) Linhas 3 e 4 do Metrô de Caracas (Venezuela)
    01.-Metro-de-Caracas.jpg
    Valor da obra – US$ 732 milhões

    Empresa responsável – Odebrecht

    10) Segunda ponte sobre o rio Orinoco (Venezuela)
    ponte-rio-orinoco2_g.png

    Valor da obra – US$ 1,2 bilhões (US$ 300 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Odebrecht

    11) Barragem de Moamba Major (Moçambique)
    imagem-1228.jpg Valor da obra – US$ 460 milhões (US$ 350 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Andrade Gutierrez

    12) Aeroporto de Nacala (Moçambique)
    nacala_1.jpg Valor da obra – US$ 200 milhões ($125 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Odebrecht

    13) BRT da capital Maputo (Moçambique)
    Mhoje_baixa3_photo_jpg.jpg Valor da obra – US$ 220 milhões (US$ 180 milhões por parte do BNDES)

    Empresa responsável – Odebrecht

    14) Hidrelétrica de Tumarín (Nicarágua)
    Agua-Verm0801.jpg
    Valor da obra – US$ 1,1 bilhão (US$ 343 milhões)

    Empresa responsável – Queiroz Galvão

    *A Eletrobrás participa do consórcio que irá gerir a hidroelétrica

    15) Projeto Hacia el Norte – Rurrenabaque-El-Chorro (Bolívia)
    Evo-y-Lula-da-Silva.jpg

    Valor da obra – US$ 199 milhões

    Empresa responsável – Queiroz Galvão

    16) Exportação de 127 ônibus (Colômbia)
    120_transmilenio_1.jpg

    Valor – US$ 26,8 milhões

    Empresa responsável – San Marino

    17) Exportação de 20 aviões (Argentina)
    01942215000.jpg

    Valor – US$ 595 milhões

    Empresa responsável – Embraer

    18) Abastecimento de água da capital peruana – Projeto Bayovar (Peru)
    4568916331_6d20d28d33_z.jpg

    Valor – Não informado

    Empresa responsável – Andrade Gutierrez

    19) Renovação da rede de gasodutos em Montevideo (Uruguai)
    y-Gasoducto-Neuba-II-editada.jpg

    Valor – Não informado

    Empresa responsável – OAS

    20) Via Expressa Luanda/Kifangondo
    via.jpg

    Valor – Não informado

    Empresa responsável – Queiroz Galvão

    Como estes existem mais de 3000 empréstimos concedidos pelo BNDES no período de 2009-2014. Conforme mencionado acima, o banco não fornece os valores… Ainda.

    Todos nós estamos pagando esta conta superior a um trilhão de reais.

    https://www.mises.org.br/article/1985/20-obras-que-o-bndes-financiou-em-outros-paises

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *