Piada do Ano: Odebrecht diz que não é do cartel nem paga propina

Deu na Folha

Única das grandes empreiteiras do país a não ter executivos presos na Operação Lava Jato, a Odebrecht remeteu à Polícia Federal documento em que nega integrar cartel para fraudar licitações ou ter feito pagamento de propina na Petrobras.

“Nem a Organização Odebrecht nem as empresas que a compõem, como tampouco seus empregados, participam de esquemas ilícitos, menos ainda com a finalidade de pagar vantagens indevidas a servidores públicos ou executivos de estatais”, afirma trecho do documento.

A manifestação foi fruto de um movimento dos próprios advogados da Odebrecht, que pediram ao juiz federal Sergio Moro para se pronunciarem em investigação da Polícia Federal sobre uma das subsidiárias do grupo.

O magistrado deferiu e a PF questionou intimou a companhia, com perguntas genéricas, a responder se havia se reunido com outras empresas para direcionar certames da estatal ou pago suborno.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
A situação da Odebrecht é sui generis na Operação Lava Jato. O juiz Sergio Moro e a força-tarefa da Procuradoria da República e da Polícia Federal transformaram a empreiteira numa estranha exceção. Nada acontece a ela nem a seus dirigentes, não é acusada de nada e ainda se dá ao luxo de disputar a Piada do Ano, ao negar que faz parte do cartel e proclamar que jamais subornou ninguém. Francamente… (C.N.)

3 thoughts on “Piada do Ano: Odebrecht diz que não é do cartel nem paga propina

  1. Será necessária a colaboração do FBI ? Aparentemente, eles lavaram a sujeira no exterior, mas deve ter ficado um rabinho pra trás. Ou será que os estádios da copa não tiveram um “ligeiro” sobre preço, a fim de premiar alguns “amigos” ? Mas, realmente, é muuuuuito estranho.

  2. A Odebrecht é muito grande para ser atingida, tão grande, tão grande, que se insere na categoria de empresa acima de qualquer suspeita. É o que se depreende dos rumos da Operação Lava Jato.

  3. Como o juiz Moro está atuando como enxadrista, imagino que ele está poupando ataques diretos ao “rei”, evitando desperdiçar jogadas nesta etapa do jogo. Quer primeiro destruir a linha de defesa comendo peões, bispos, torres e cavalos. E como a odebrecht é o refúgio do rei lula, só deve ser atacada no final.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *