Piada do ano: Sérgio Cabral não aceita mais ‘intimidade’ com fornecedores. Cavendish está inconsolável.

A Folha de S. Paulo revela que, menos de um mês após divulgação de fotos de Sérgio Cabral (PMDB) em viagem com empresários a Paris, o governador do Rio ampliou o Código de Conduta da administração estadual.

A partir de agora, as autoridades estaduais devem “guardar distância social no trato com fornecedor de materiais ou contratantes de prestação de serviços ao Estado”. Esse item não estava previsto na primeira redação do código, de julho do ano passado. A nova redação do código prevê ainda que o servidor deve evitar locais frequentados por prestadores de serviço e “aparentar intimidade” com fornecedores.

O decreto que criou o código foi publicado dias após Cabral viajar em um avião do empresário Eike Batista para uma festa de Fernando Cavendish, então, presidente da Delta Construções, no sul da Bahia.

Se estivesse em vigor, o código puniria, por exemplo, a presença de Cabral e integrantes do primeiro escalão do governo com os empresários, entre eles Cavendish, em Paris, em 2009.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGFernando Cavendish está inconsolável. Acha que é muita ingratidão de Sergio Cabral, depois de tudo que fizeram juntos, tudo que passaram juntos, chegaram a ser concunhados, até que o acidente de helicóptero destriu tudo e levou as ilusões. Realmente, Cavendish tem toda razão. Cabral está sendo ingrato demais.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *