Placar da Previdência na Câmara: 272 votos contra e 99 a favor da reforma

Resultado de imagem para ladroes do inss charges

Reprodução de chargesdolane.blogspot.com

Deu em O Tempo
(Agência Estado)

A atualização do Placar da Previdência, levantamento realizado pelo Grupo Estado com deputados a respeito de reforma que tramita na Câmara, mostra que o número de parlamentares contrários à proposta continua em 272, enquanto o dos que são a favor subiu para 99. Às 15h30 deste domingo (dia 9), havia 35 indecisos; 61 não quiseram responder; 44 não foram encontrados, e um disse que deve se abster.

O levantamento também mostrou que 69 deputados são a favor, mas com alteração da idade mínima para mulheres e 53 apoiam as mudanças, mas com alteração da idade mínima para homens. Além disso, 73 são favoráveis, mas com criação de uma regra de transição para homens com menos de 50 anos e mulheres com menos de 45 anos, e 76 defendem a retirada da exigência de 49 anos de contribuição para ter o direito de benefício integral.

OUTRAS MUDANÇAS – O jornal priorizou esses pontos porque são considerados os mais importantes pela equipe econômica para não desconfigurar o texto enviado. Muitos deputados, porém, fazem questão de ressaltar que também querem outras mudanças. Eles querem abrandar as exigências para a concessão da aposentadoria rural e do benefício assistencial pago a idosos e deficientes da baixa renda.

Também não concordam com a proibição de se acumular aposentadoria e pensão, desde que respeitado o teto do INSS. O governo já sinalizou que está aberto a negociar esses pontos. A bancada do PSDB na Câmara, por exemplo, fechou questão e afirma que só aprovará a reforma se esses itens forem modificados juntamente com a regra de transição.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Perguntar não ofende, diria Agildo Ribeiro. O ministro Celso de Mello, do Supremo, deu prazo de dez dias para a Câmara e o Governo exibirem os cálculos atuariais que justificariam a reforma. Já se passaram 40 dias e não saiu nada na imprensa. Será que apresentaram os dados na encolha, como se dizia antigamente? A verdade é que esses dados não existem, o governo quer aprovar a reforma no peito, com um mínimo de debate, e o ministro Celso de Mello exigiu, mas não cobrou, e vai deixar passar em brancas nuvens. (C.N.)

15 thoughts on “Placar da Previdência na Câmara: 272 votos contra e 99 a favor da reforma

  1. A melhor definição do que querem fazer com a previdência que vi até agora:

    Querem que ela deixe de ser previdência social e passe a ser só econômica (em favor dos bancos).

    Não podemos permitir, dia 28 de abril todos na Greve Geral, vamos parar o Brasil !!!

  2. Precisa melhorar muito esta reforma da previdência.

    Baixa a idade para 60 anos

    35 anos para integral

    Melhorar as pensões para no mínimo 80%

    E permitir acúmulo de pensão com aposentadoria.

    E não desvincular receitas da seguridade social.

    Previdência social é um assunto que interessa a todos nós brasileiros.

    Aprovando isso a miséria será a regra, tem muita gordura para cortar da dívida pública.

    Principalmente fazendo-se uma auditoria dessa dívida.

  3. Pode-se usar as reservas externas para quitar a dívida pública. Só os juros é 5 vezes a despesa da previdência. Dessa forma acaba o déficit e será possível melhorar a previdência, dar um salário melhor aos mais pobres.

    • Caro paulinho e demais, não há Déficit no 1º “S” do INSS, o que há, é a safadeza do governo, que paga, a quem nunca contribuiu, misturando com o 2º “S” de ação social, que de ser bancada pelo Tesouro. O Governo incompetente, rouba o Direito do trabalhador, e ainda nos taxa de idiotas, na sua hipocrisia, Porque o Meirelles não pagou a divida da Friboi, quando foi Presidente, continua a não cobrar, e dos grande devedores, Meirelles, banqueiro, não “peita os Bancos, com seus juros de 400% ao ano, governar sacrificando com aumento de impostos é fácil, que o trabalhador eleitor, renegue esses traidores, em 2018,
      Roguemos a Deus para o Brasil ser decente e justo, e não uma republiqueta democradura, que ora vivenciamos.
      Dia 28, greve geral, é preciso, para sairmos pacificamente desta cloaca.

  4. Quem vai contribuir 49 anos como autônomo, para depois, a beira da morte se aposentar com 1 salário mixuruca?

    Será um péssimo investimento contribuir pelo carnê, mais vale aplicar na poupança, ou comprar alimentos e/ou remédios.

    Resultado: Fim dos contribuintes autônomos, menos milhões a pagar INSS.

  5. Caro Newton, o STF a muito é stf, 40 dias, e o sinistro não cobra, se fosse algo dos 3 Ps, já teria agido, com certeza!.
    O governo hipócrita, colocou uma propaganda mentirosa, sobre o assunto, quanto custou ao Cidadão trabalhador, surrupiado em 06 salários anuais em impostos!?? enquanto isso os Direitos básicos da Cidadania, estão no Caos.
    Porque o Meirelles, quando Presidente da Friboi, não pagou ao “S” do Seguro” a divida de quase 2 bilhões, que hoje já ultrapassa; e das grandes empresas??, o infeliz trabalhador, a pagar a safadeza, com suor e lágrimas.
    O que lamento, é a grande imprensa, não imprensar o Meirelles, mostrando a verdade “matemática”, que mostra, que o chamado Déficit, não existe, o que existe, é a mistura com “ação social do segundo “S”, que deve ser bancado com os Recursos do Tesouro, abastecido com os impostos. A verdade verdadeira, é: governos de Traidores do povo, que o Temer, levou ao supra sumo!!
    Tiradentes morreu, por um Brasil Soberano, pela Liberdade, e hoje o Brasil é uma grande Senzala, de 220 milhões de escravos, com mil “amos e senhores, 78% de rejeição, é dose de leão! Brasil acorda do pesadelo, ou vamos precisar de outra Princesa Izabel.
    Reguemos a Deus, por um Brasil decente e justo.

  6. Somente as loterias recolheram à Previdência a quantia de 2 bilhoes e 100 milhões em 2016.

    Descontam 30% de DRU (Desvinculação das Receitas da Uniao ) da Seguridade Social, para pagar juros aos Banqueiros

    Em 1933, Gustavo Barroso escreveu um livro. BRASIL, COLÔNIA DE BANQUEIROS.

    Cada governo tem um povo que o merece

    O rato acuado ataca. Será que o povo brasileiro é inferior a rato?

  7. Todos tem consciência de que uma reforma precisa se feita na previdência. Somente isso não vai resolver, mesmo a proposta mais radical dela. Precisamos de um conjunto de medidas para que as coisas deem certo, mas temer não tem a coragem para isso, ou tem muitas “amarras”. necessário é primeiro que os corruptos políticos sejam devidamente punidos, junto com uma reforma política robusta, dando provas de credibilidade e moralização do Estado. Também um enxugamento da maquina pública com cortes de regalias, assim como sanar a dívida pública. Sem isso a reforma da previdência somente recairá nos ombros do povo, e tampouco resolverá o problema Brasil, será apenas um paliativo.

  8. A insistência do governo Michel Temer, acompanhado pela mídia comprometida é estranha, porque não se aprofundam no assunto em vez de ficar repassando tudo que o governo diz, ontem na rádio band havia um debate a respeito da reforma da previdência e ouvi que o rombo no setor público é assustadoramente maior que e do setor privado, então, porquê não há um projeto para separar e criar previdência pública da privada, pois pelo que ouvi, a privada o rombo é muito inferior ao público.

  9. REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL (RPPS):
    Servidores públicos da União, Estados e Municípios, exceto os que estão no INSS =>
    Total = 4,2 milhões
    Benefício médio mensal = R$ 5.108,00
    Custo = R$ 256,01 bilhões
    Déficit = R$ 126,7 bilhões

    REGIME GERAL DA PREVIDÊNCIA SOCIAL (RGPS):
    Trabalhadores do setor privado, empregados domésticos, trabalhadores rurais e servidores públicos dos municípios =>
    Total = 28,3 milhões
    Benefício médio mensal = R$ 1.356,00
    Custo = R$ 459,99 bilhões
    Déficit = R$ 85,5 bilhões

    Numa análise rápida dá para ver que o grande vilão do déficit da Previdência não é o setor privado, e sim o setor público. E não são os salários dos Professores, Médicos, Policiais e grande parte dos trabalhos administrativos os grandes vilões. Nós sabemos quem são os que ganham salários vultosos com gratificações em cima de gratificações que vão incorporando para se aposentarem com 30, 40, 50 mil reais, ou mais.

    Ao contrário do que as pessoas pensam, a maior quantidade de ricos deste país não está entre os empresários que dão empregos a milhares de pessoas, e sim entre os do setor público, políticos, juízes, desembargadores etc.

    A Reforma da Previdência tem que passar primeiramente pelo corte destes privilégios.

  10. Sem ilusões! Esta reforma será aprovada às custas de cargos em diretorias nas estatais, verbas para obras de interesse dos senhores deputados, mensalinhos, mensalões, petrolinhos, petrolões, enfim, todo tipo de maracutaia muito comuns em nossa política.

  11. Um presidente com a popularidade abaixo do rabo do cachorro, vai aprovar uma coisa desta magnitude? Só se for através do antigo Sobrenatural de Almeida, do qual falava o Nelson Rodrigues.
    Com esta cambada de político “vaselina” que o Temer anda acompanhado, jamais vai conseguir alguma coisa.
    O próprio lula no auge da popularidade em 2003, teve que se valer do mensalão e principalmente de um baixinho paulista chamado de professor luizinho, que andava chantageando os contrário com um hipotético dossiê, do qual dizia ter todas as sacanagens do chantageado e que por terem a consciência pesada, votaram com o governo.
    Agora não tem nada disso, nem cargos para distribuir, haja visto que a a maioria da petralhada ainda esta pendurada nas boquinhas.
    O Teme, feito um beato Salu, vai ficar pregando o apocalipse previdenciário sem ser ouvido por ninguém.
    O governo Temer já acabou antes mesmo de ter começado.

  12. Se a aposentadoria é baseada na expectativa de vida e as mulheres vivem mais tempo que os homens, porque as mulheres têm que se aposentar com menos idade que os homens? e o direito que tando as mulheres defendem de igualdade de condições.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *