Por causa da pandemia, Justiça concede prisão domiciliar para o médium João Deus

João de Deus será monitorado por tornozeleira eletrônica

Rafael Oliveira
G1

A juíza Rosângela Rodrigues dos Santos, da Comarca de Abadiânia, concedeu prisão domiciliar a João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, de 78 anos, que foi condenado a quase 60 anos de prisão por crimes sexuais. A magistrada afirma que, entre outros motivos, a medida se faz necessária pela pandemia de coronavírus.

“Como se vê, embora esteja sendo acusado por fatos de extrema gravidade, o requerente é idoso, acometido por doenças graves, por isso inserido no denominado grupo de risco para infecção pelo coronavírus, principalmente diante das más condições da cela (paredes mofadas, insalubridade) propícia à disseminação da Covid-19”, escreveu a juíza na decisão.

GRUPO DE RISCO – O advogado de defesa de João de Deus, Anderson Van Guarlberto, disse que pediu o cumprimento da pena em casa em razão da idade avançada e dos problemas crônicos de saúde, como remissão de câncer, hipertensão e problemas de coração. A defesa diz que o cliente segue, até esta segunda-feira, dia 30, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, e aguarda a emissão do alvará de soltura.

A Gerência de Cartórios e Movimentação de Vagas da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) informa que, até as 17h30 desta segunda-feira, “não foi oficialmente notificada sobre decisão judicial que trata do cumprimento de prisão domiciliar ao custodiado João Teixeira de Faria”.

O promotor de Justiça Luciano Miranda, coordenador da força-tarefa do Ministério Público de Goiás que investiga os crimes cometidos por João de Deus, informou que, assim que tiver acesso ao conteúdo da decisão, vai recorrer.

RESTRIÇÕES – A decisão foi proferida na quinta-feira, dia 26, e impõe restrições, como a entrega do passaporte ao Judiciário, uso de tornozeleira eletrônica e proibição de frequentar a casa Dom Inácio de Loyola em Abadiânia, onde realizava sessões espirituais, e de manter contato com vítimas e testemunhas dos processos de crimes sexuais, que tramitam em segredo na Justiça.

João de Deus também não pode sair de Anápolis, a 55 km de Goiânia, onde reside. Ele deve comparecer ao Judiciário todo mês para informar as atividades exercidas na prisão domiciliar.

A decisão atende a uma recomendação do Conselho Nacional de Justiça para que os Judiciários e magistrados de todo o país revejam as prisões preventivas e provisórias diante da pandemia de coronavírus.

CONDENAÇÕES – Em janeiro deste ano, a mesma juíza condenou João de Deus a 40 anos de prisão em regime fechado por crimes sexuais. No ano passado, ele pegou 19 anos de prisão pelos mesmos crimes. João de Deus está preso desde o dia 16 de dezembro de 2018 no presídio de Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital.

Até janeiro deste ano, João de Deus foi condenado três vezes: Por posse ilegal de arma de fogo, condenado a 4 anos em regime semiaberto, novembro de 2019; crimes sexuais cometidos contra quatro mulheres, condenado a 19 anos em regime fechado, dezembro de 2019; crimes sexuais cometidos contra cinco mulheres, sentenciado a 40 anos em regime fechado, janeiro de 2020.

Até então, a juíza ainda tem 10 processos em seu gabinete aguardando respostas de Judiciários de outros estados para voltar a dar andamento aos procedimentos.

8 thoughts on “Por causa da pandemia, Justiça concede prisão domiciliar para o médium João Deus

  1. Conversa entre um *Russo* e uma *Brasileira*:
    *Russo* – Como eu amo a liberdade
    *Brasileira* – É. Não há nada pior que a ditadura.
    *Russo* – Mmmm ? Vocês também tiveram ditadura no Brasil ?
    *Brasileira* – Ô ! E como tivemos ! Os militares deram um golpe e tomaram o poder.
    *Russo* – Mas como ? Fuzilaram o congresso todo ?
    *Brasileira* – Não exatamente. Foi o próprio congresso que instituiu.
    *Russo* – Mas você não disse que foi um golpe?
    *Brasileira* – Sim.
    *Russo* – Não entendi. Mas enfim …. Quantos morreram pelo menos?
    *Brasileira* – 357 pessoas !!!!
    *Russo* – É … Para um dia só é bastante.
    *Brasileira* – Não, 357 no total.
    *Russo* – No total do que ?
    *Brasileira* – Da ditadura !
    *Russo* – Peraí, mas foi só uma coisa de uns dias e depois acabou ?
    *Brasileira* – Que uns dias que nada ! foram 21 anos de opressão !
    *Russo* – E quem foi esse ditador “genocida” que matou 357 pessoas em 20 anos.
    *Brasileira* – Foram 5 ditadores.
    *Russo* – De uma vez só ?
    *Brasileira* – Não, um depois do outro.
    *Russo* – Um depondo o outro ?
    *Brasileira* – Claro que não ! Terminava o mandato e vinha outro.
    *Russo* – Tipo presidente ?
    *Brasileira* – É … Mas so que não. A gente não podia votar !
    *Russo* – Então ao invés de um ditador, vocês tiveram 5 representantes com mandato temporário e que matavam 17 pessoas por ano ?
    *Brasileira* – Sim. Mas o povo se levantou e tirou eles de lá !
    *Russo* – Ah no fim depuseram os militares?
    *Brasileira* – Pode se dizer que sim. Eles saíram do poder.
    *Russo* – Mas tá estranho isso. Eles não controlavam o exército ? Como o povo conseguiu isso ? Ou eles se armaram também, ou atacaram em grande número. De uma forma ou de outra deve ter sido a maior carnificina !
    *Brasileira* – Até que não. Os militares anunciaram eleições democráticas e deixaram o poder.
    *Russo* – Deixaram ???? como assim ? tipo por conta própria?
    *Brasileira* – É que o povo, no fim, já tava meio contra também …
    *Russo* – No fim ??? Mas péra ! Para sair assim, na boa, so podem ter levado uma fortuna antes ! Devem estar tudo ricos hoje !
    É certo que ditadores deixam os países minguados, sem infraestrutura, as pessoas passando fome, a economia falida, aumento da criminalidade ….. e fogem.
    *Brasileira* – Hummm … Não exatamente. Pelo contrário, foi o melhor período econômico do nosso País. Para se ter uma ideia, em 21 anos de ditadura crescemos cerca de 3 (três) vezes mais do que os 21 anos seguintes de democracia.
    As infraestruturas criadas na época são as principais até os dias de hoje, algumas delas são as únicas do setor, da região.
    As pessoas não passavam fome, pois viviam com dignidade.
    Os índices de criminalidade eram insignificantes, comparados com os dos dias atuais.
    Não fugiram, as famílias vivem até hoje com os recursos que eles receberam trabalhando, de forma simples.
    *Russo* – Cara, eu respeito sua historia e tal, mas tá meio difícil de acreditar que vocês tiveram uma ditadura.
    *Brasileira* – Como assim?¹ A opressão era real ! Morreram muitos heróis lutando pela nossa liberdade!
    *Russo* – Então havia até mesmo uma oposição?
    *Brasileira* – Ah se havia ! Eles matavam soldados, sequestravam gente importante, roubavam bancos, plantavam bomba em quartéis.
    *Russo* – Que horror ! E os revolucionários, como combatiam isso ?
    *Brasileira* – Não, caramba ! Tô falando dos heróis, os revolucionários! Presta atenção!
    *Russo* – Tá bom, entendi. Mas esse lance de matar soldado, explodir bomba… hoje em dia isso não seria terrorismo?
    *Brasileira* – Talvez. Não sei. Mas na época era justificado. Tinha que derrubar aquele governo cruel.
    *Russo* – Mas e roubo a banco e sequestro… não é crime isso dai também?
    *Brasileira* – É …Talvez …. mas eles tinham que tirar dinheiro de algum lugar para manter o movimento , né?
    *Russo* – Sim, mas do povo? …
    *Brasileira* – Não tinha alternativa ! a União Soviética não estava mais sustentando a revolução como antes…
    *Russo* – Opa ! Um momento ! A gente que estava financiando vocês contra os militares?
    *Brasileira* – Sim. Os comunistas soviéticos estavam nos ajudando a derrubar a ditadura e instaurar a democracia no Brasil.
    *Russo* – E você acreditou ? Pois a nossa ditadura foi comunista! Matou 21 milhões, durou 74 anos e deixou o país afundado! Você nunca conheceu opressão, e por isso mesmo não entende o que é liberdade!
    (Autor desconhecido)

  2. Ninguém, ninguém consegue tirar da minha cabeça que o tarado abusou sexualmente do Lula…imagine chegar no inferno, falar para o tinhoso que traçou um presidente da República que enganou milhões, o responsável pelo maior escândalo de corrupção da história da humanidade?Um troféu digno de elogio, kkkkkkkkkkkkkkkkk!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *