Por que a pirralha incomoda o mundo? É porque somos prepotentes e despreparados

Greta Thunberg discursa durante evento da ONU sobre o clima, em Nova York

Greta discursa na ONU em evento sobre o aquecimento global

José Henrique Mariante
Folha

Segunda-feira, 19 de agosto. O dia já vinha feio, mas de maneira assustadora o céu de São Paulo virou noite no meio da tarde. Anunciado pelas redes, como um dia será, o apocalipse se tornou algo real quando a escuridão ganhou explicação nos noticiários: frente fria, nuvens carregadas e vento soprando material particulado de queimadas ocorridas no Paraguai.

Parecia fake news, mas não era. Logo depois, uma onda delas empurrou a origem da fuligem para pontos mais distantes, inclusive Amazônia, que já ardia e pouco depois faria arder a imagem no exterior do país de Bolsonaros que nos tornamos.

FUTURO RUIM – Onde quer que uma floresta tenha queimado, por horas habitantes de São Paulo entendemos que o futuro pode ser tão ruim como o descrito nos filmes de ficção científica ou nas páginas de ambiente, que muitos insistem se tratar da mesma coisa. Já estamos cheios de problemas, para que antecipar outros mais?

Surge então Greta Thunberg, sueca, 16 anos, esquisita. Fala o que não queremos ouvir. Diz que somos qualquer coisa entre prepotentes e despreparados e que estamos colocando em xeque não o nosso futuro, mas o dela e o de milhões de estudantes que já mataram aula em uma das últimas 69 sextas-feiras, em diversas partes do mundo.

Tudo isso para protestar e dizer o que parece óbvio a jovens de 16 anos: estamos destruindo, queimando, secando, poluindo, contaminando, plastificando e matando sem parar o próprio planeta.

RAIVA NOS OLHOS – Greta atrai crianças e adolescentes como um flautista de Hamelin. A adultos, discursa em inglês de vampiro solfejando cada parágrafo com raiva nos olhos, os mesmos que usou para fuzilar Donald Trump nos corredores da Assembleia da ONU.

O americano, com desdém típico de adulto, disse que ela parecia uma “garota muito feliz”. Bolsonaro também piscou, chamando-a de “pirralha”, depois de a jovem denunciar na Conferência do Clima, em Madri, as mortes de índios guardiões da floresta no Maranhão.

Por mais que desperte certa simpatia ao encarar os populistas de turno, Greta assusta também quem não pensa só com o fígado ou com o bolso. Sua pregação, como a de qualquer adolescente, não vê limites.

CONSUMIR MENOS – Pela saúde do planeta, vale interromper a cadeia produtiva, boa parte dos empregos, o capitalismo em geral. Temos que parar de consumir, simples assim.

Greta é a versão expandida, planetária, radical de quem nos condena diariamente pelo vício de usar sacolas plásticas para embalar embalagens de plástico no supermercado, por não conseguir abdicar da carne vermelha nem uma vez por semana, do utilitário esportivo, da viagem de avião, de votar em gente que acha que a crise climática é conspiração.

Bem na nossa vez, não podemos mais? Não. Xinguemos Greta, então.

PALAVRAS DO ANO – O aquecimento global rendeu as palavras —no caso, expressões— do ano, escolhas tradicionais feitas pelos principais dicionários do mundo. “Emergência climática” foi a eleita do Oxford. Já o Collins ficou com “greve do clima”, termo inspirado nas ações de Greta Thunberg.

79 thoughts on “Por que a pirralha incomoda o mundo? É porque somos prepotentes e despreparados

  1. Da mesma forma que a esquerda usa negros, gays, lésbicas e o outros, de minorias oprimidas, apenas para atacar seus desafetos, na verdade inimigos, por pensarem diferente dela, agora chegou a vez de vulneráveis como essa criança treinada também por ela.

    Usar vulneráveis, crianças e fanáticos, em palanques políticos é antigo. Nos comícios nazistas eles também faziam este mesmo papel.
    Qualquer dia vão treinar um papagaio para isso.

    O que se sabe sobre o clima do planeta, dita por especialistas, não é nada alarmista como se coloca por líderes e sacerdotes dessa corrente política, que na verdade só quer o poder.

    Aí vem essa coisa , só podia ser mesmo da Folha, que se diz jornalista, falar em sacolas plásticas, para usar como argumento de que, quem tem uma visão diferente de sua gente, é a favor das tais sacolas, da poluição.

    É sempre assim a esquerda, pelo poder mente, rouba e, quando não destrói moralmente um herege, ela até o mata.

    • Ps. Ninguém é a favor da poluição e a tecnologia está aí para provar, desde o fim do fogão de lenha, que polui e aquecia o planeta e que todos usavam, queimando trilhões de árvores, até hoje em que os veículos que usam petróleo estão com a sua morte anunciada com os carros elétricos e a hidrogênio.

      • “O que se sabe sobre o clima do planeta, dita por especialistas, não é nada alarmista como se coloca por líderes e sacerdotes dessa corrente política, que na verdade só quer o poder.”

        A maioria dos cientistas alerta sobre o aquecimento global.
        No meu entendimento, os carros elétricos não serão a solução, porque a confecção de baterias polui muito. O hidrogênio seria a solução, o problema é que a sua produção demanda mais energia do que esse gás gera.
        Há estudos de um reator de fusão nuclear controlada, contudo essa energia ainda é um sonho.

        • Não esquenta não Vidal, não se aqueça, a tecnologia avança a cada dia nos países capitalistas, pois ela busca o que o consumidor quer e ninguém quer poluição.
          As pesquisas não cessam como no caso da fusão nuclear. entre outras.

          Já a esquerda, que por ser esquerda é contra o capitalismo, já deu provas cabais a que veio, como por exemplo no caso de Chernobill construída sem blindagem externa, para economizar e deu no que deu, sem falar no mar de Aral, que ela destruiu. Fora o que não se soube.

          • Mario Jr., fazes uma confusão tremenda quando citas países capitalistas. Consegues citar dez países capitalistas (no teu entendimento)?

          • Podemos citar como países mais próximos do capitalismo, os EUA, em primeiro lugar e em seguida todos os países ricos, mesmo não tão iguais como o citado, que o praticam com algumas ressalvas, mas que ainda assim não inibem a produção como nos países socialistas, com suas excessivas legislações e mesmo nos sociais-democratas hoje como os da União Europeia, que por isso mesmo , dela, o Reino-Unido quer sair.

            Mises Institute
            Europa socialista

            tributação total representa 41% do PIB. Um cidadão trabalha quase metade do ano apenas para bancar seus governos.

            * As políticas públicas são cada vez mais direcionadas a tributar os produtivos para subsidiar os improdutivos. Na União Europeia, a alíquota média de impostos sobre os trabalhadores é de 45%. A

            * Empreender é mais difícil, caro e burocrático do que nas principais economias do mundo. A UE aprova, em média, 80 diretivas, 1.200 regulações e 700 decisões por ano.

            * Os países estão sujeitos a aproximadamente 135.000 regras compulsórias, incluindo regulações, diretivas, e especificações setoriais e industriais.

            * As maiores economias da UE continuam significativamente atrás das líderes em termos de liberdade econômica. A UE tem o dobro do desemprego dos outros países desenvolvidos, e a tributação afeta severamente o crescimento dos pequenos: a proporção de desenvolvimento das pequenas e médias empresas em relação às grandes é metade da dos EUA.

            Mises Institute
            Europa socialista
            tributação total representa 41% do PIB. Um cidadão trabalha quase metade do ano apenas para bancar seus governos.

            * As políticas públicas são cada vez mais direcionadas a tributar os produtivos para subsidiar os improdutivos. Na União Europeia, a alíquota média de impostos sobre os trabalhadores é de 45%. A

            * Empreender é mais difícil, caro e burocrático do que nas principais economias do mundo. A UE aprova, em média, 80 diretivas, 1.200 regulações e 700 decisões por ano.

            * Os países estão sujeitos a aproximadamente 135.000 regras compulsórias, incluindo regulações, diretivas, e especificações setoriais e industriais.

            * As maiores economias da UE continuam significativamente atrás das líderes em termos de liberdade econômica. A UE tem o dobro do desemprego dos outros países desenvolvidos, e a tributação afeta severamente o crescimento dos pequenos: a proporção de desenvolvimento das pequenas e médias empresas em relação às grandes é metade da dos EUA.

            https://www.mises.org.br/article/2780/a-uniao-europeia-e-um-arranjo-tao-esdruxulo-que-ate-mesmo-os-separatistas-sao-incoerentes?fbclid=IwAR1tdKDS3K0UQNjFtK-hAXJSd7Bu5Zo0ATHJ3Dw9DX0cXx7eexsFp_Hci2Y

          • Bem, muitos desse que citaste praticam a democracia social e muitos se desenvolveram praticando políticas intervencionistas e protecionistas.
            Por exemplo, os EUA, gastam mais em benefícios sociais que o Brasil.
            Cingapura, em grande parte sua economia é estatal.
            O Japão pratica a democracia social e seu mercado é bastante regulamentado.
            Sim, todos eles são capitalistas a seu modo. Assim, como a Alemanha, Suécia, Noruega.
            Também sou adepto do capitalismo, mas aquele que inclui o povo.

    • Desculpe-me senhor Mario Jr, mas o senhor não é conhecido como autoridade em meio-ambiente. Portanto, deixe as afirmações sobre o clima do planeta para os estudiosos no assunto. Eu me guio pelo que atestam as pessoas informadas – e elas afirmam que nós estamos caminhando para um ponto irreversível. E quem vai sofrer com isso não é o senhor nem eu – são nossos descendentes!
      Ademais, a menina que o Bolsonaro grosseiramente atacou faz o que faz porque sente necessidade de se envolver na batalha pelo clima (se o senhor não sabe, ela tem traços de autismo). Mas o Bolsonaro, babaca como é, pisou na caca do gato mais uma vez.
      Só para não me julgarem de esquerda, sou contra o STF, o Lula, e congresso medíocre que temos.

  2. As perguntas que não querem calar:
    A China é o maior poluidor do mundo. Por que a pirralha NUNCA, JAMAIS citou a China, nem falou de relance sobre a China em seus discursos?
    E por que ela também NUNCA falou sobre as queimadas na África?
    Seria medo do Putin cortar o gás a razão dela NUNCA ter criticado a sua vizinha Rússia?
    Ela estava viajando desde agosto até ontem, 15 de dezembro, segundo sua assessoria. Então qual o sentido dela propor greve às sextas-feiras se ela NUNCA vai à escola?
    A fioninha é um esfinge….

    • O que mais a esquerda quer, é ver o circo pegar fogo mesmo que lá dentro estivesse o palhaço maior ex presidiario luiz inacio ladrão da silva.
      Essa bandeira do que meio ambiente está mais encardida que o lula livre que foi solto para não poluir mais a PF com seus intermináveis discursos de auto piedade que a maioria dos ladrões tem quando pegos com a boca na botija.
      Paro com esse.mimimi esquerdopata que só faz mal.a ti e a quem consegue ler até o segundo parágrafo.
      Pois do contrário vamos ter que entrar.com uma.ação contra jornalista que não consegue escreve algo que os.leitores possam passar do segundo parágrafo.
      Materia infame, digna da Folha petista.

  3. O pior são esses repórteres mal intencionados dando guarita a uma fedelha dessas. José Augusto, você está corretíssimo em sua análise. Essa nossa imprensa é venal e entreguista infelizmente.

  4. O nosso problema com a questão do meio ambiente começou lá atrás, no ano de 2.003 quando Lula colocou Marina Silva como ministra do meio ambiente. Foram de uma tal servidão com as ongs e governos estrangeiros que está difícil mudar o cenário. Na realidade, estão sendo contrariados diversos motivos econômicos e Greta é apenas a pirralha que está à frente deles, a bucha de canhão, aliás, papel que ela faz com muito gosto e prazer. E as outras queimadas pelo mundo, porque não combatem. Simples, é porque os governos de esquerda franquearam a amazônia para seus companheiros esquerdistas mundiais e agora não querem perder a boquinha. Vão catar coquinho! Ah, acho que eles nem sabem o que é isso, já que destruíram suas matas.

  5. Pela saúde do planeta, vale interromper a cadeia produtiva, boa parte dos empregos, o capitalismo em geral. Temos que parar de consumir, simples assim.

    Corretíssimo, devemos parar de consumir mídia amestrada.

  6. O mais engraçado é que até agora não se diz e não se sabe de nada de interessante que a garota propôs para parar com a destruição do planeta só velhos chavões.
    O melhor que poderíamos fazer pelo bem do planeta era um suicídio coletivo de toda a população, só assim não iriamos mais poluir o planeta.

  7. Em primeiro lugar, ela é uma das nossas.
    Em segundo, não tenho notícias dela indo a nossa pátria-mãe plantando árvore alguma. Melhor fizeram John e Yoko na década de 70 oferecendo sementes e nos sugerindo que as plantássemos. Uma boa atriz, sim, ela é e herdou de sua mãe. Oportunamente, foi orientada a não criticar os dois maiores poluidores: USA e China. Pirralho é menino, guri, garoto. Já pensaram se fossem garotos de Portugal ? O povo de lá não daria a mínima se alguém comentasse “Os putos estão a falar pelos cotovelos”.

    Gostaria de ver os móveis da casa da guria, ver se a madeira usada seria cerejeira. Aqui no Brasil, os hipócritas de melhor poder aquisitivo exigem que os seus sejam fabricados com madeira de lei.

  8. Até um jornal da Austrália fez uma gozação com a pirralha, que não diz nada sobre os incêndios que ocorrem lá há mais de um mês e até agora não foram debelados.

    Enfim, a pirralha, como outras que já existiram no nazismo, no fascismo e no comunismo, está bem treinada para selecionar o que deve falar e contra quem.

  9. José Mariante está correto. A sua abordagem não visa a glorificação de Greta, mas chamar a atenção de todos para o fato de como somos despreparados e despreocupados.
    Todos entendem a situação e creem que alguém tem que fazer algo, porém a maioria quase unânime engana a si mesma por simples comodismo.
    A evolução da densidade populacional não é vista como preocupante. Mesmo as pessoas que constituem família, quando não desejam filhos os substituem por mascotes das mais diversas espécies. Assim, dia a dia a população cresce aumentando também a demanda dos recursos para a sobrevivência e comodidade.
    Não somente o consumo de carne faz crescer as ameaças ao ecosistema e ao esgotamento dos recursos de sobrevivência no planeta. Tudo o mais que nele encontramos sofre pressão para atender ao consumo.
    Isto que muitos ainda desconhecem a existência do que é produzido e carecem de acesso ao essencial.

  10. “Temos que parar de consumir, simples assim.”

    O autor do artigo ataca os efeitos e não a causa da destruição do planeta.
    Temos que parar de beber água?
    Temos que parar de comer carne, milho, arroz e soja?
    temos que parar de trabalhar?
    Temos que parar de nos vestir?
    Temos que parar de usar os meios de transporte?
    Temos que usar charrete, carroça e carro de boi?
    -Que tal se o autor do artigo passasse a ser o primeiro a fazer tudo isso?

    Senhores,

    A MAIOR AMEAÇA à humanidade é a SUPERPOPULAÇÃO. Ela, de longe, suplanta qualquer outra ameaça que paire sobre o modo de vida humano e à civilização como conhecemos.
    Quanto mais pessoas existirem, mais recursos naturais serão necessários para mantê-las vestidas, aquecidas, alimentadas e abrigadas – e mais LIXO e mais POLUIÇÃO SERÃO PRODUZIDOS; e mais áreas terão que ser desmatadas para a construção de cidades, para a agricultura e para a pecuária.
    Basta passarmos alguns anos sem irmos a alguma cidade para percebermos, ao voltarmos lá, que a periferia se expandiu por entre os morros, encostas e vales como metástase de uma doença, e, onde antes era visível o verde da vegetação, agora vemos o amarelo-ocre da alvenaria sem reboco…
    Ironicamente, quanto mais miserável e sem recursos é o agrupamento humano, maior é a quantidade de filhos por mulher e mais lixo e esgoto são jogados nos córregos e rios!

    Mas já que os recursos naturais são limitados, o crescimento populacional algum dia, terá o seu limite, seja por vontade política, seja por doenças, FOME, guerras ou catástrofes naturais. Quanto antes as autoridades perceberem isso e tiverem coragem política para fazerem um controle de natalidade realmente sério, melhor será o futuro dos nossos descendentes. O resto é poesia.
    Afinal, não precisamos cuidar do planeta para salvá-lo. Precisamos cuidar do planeta para nos salvar! E nos salvando, automaticamente as belezas e riquezas naturais do planeta serão “salvas” de acordo com as nossas conveniências.

    Vejam estes trechos do livro “A Mais Bela História da Terra”:

    “No decorrer de seus milhares de anos de existência, florestas deram lugar a desertos e desertos se transformaram em florestas. Mas tudo isso se constituiu de fato em algum problema para a terra?
    Ora, devemos ser honestos: o que julgamos bom ou mau depende, principalmente, da maneira como somos afetados. No que diz respeito à Terra, ela pouco se importa com a nossa história, que se passa dentro de um ínfimo espaço de tempo. Certamente, com os sem os homens, os continentes continuarão a derivar, oceanos nascerão e montanhas de erguerão. No decorrer de bilhões de anos vindouros, espécies desaparecerão, outras surgirão. Porém, o que nos interessa na história deste planeta somos nós e o nossos descendentes. É isso o que nos concerne, direta ou indiretamente.
    A Terra não precisa dos homens para continuar viva, mas os homens não estão nem perto de poder dispensar os ardores da Terra.

    Se fôssemos racionais, limitaríamos o crescimento da população no momento em que esta (população) não consegue mais satisfazer suas próprias necessidades. Muitos já tentaram, mas as tradições, as religiões e os arcaísmos diversos se opõem a essa medida. Dificilmente se pode dizer às pessoas: “Deixem de fazer filhos”, mas se não estabilizarmos o povoamento humano deste planeta, as consequências serão duríssimas. Ora, é uma coisa possível de ser feita; vários países já o fizeram, inclusive os que hoje estão em vias de desenvolvimento. Trata-se, antes de tudo, de uma questão educacional – principalmente das mulheres.

    Foi com o início da agricultura que realmente começamos a remodelar o planeta de forma espetacular. Suprimimos não só quase um décimo de toda a vegetação selvagem em favor da agricultura, mas também a mesma quantidade para a criação de animais. Mas deve´se compreender que já não podemos conservar uma mentalidade de CAÇADORES-ESTRATORES quando a população atual atinge a faixa de mais de SEIS BILHÕES DE PESSOAS! Provavelmente, a ideia de que podemos proteger o planeta criando grandes reservas ou parques naturais só se tornará realista quando conseguirmos estabilizar a população… Enquanto as pessoas tiverem fome, elas entrarão nos parques e matarão os animais, estejam protegidos ou não. Elas caçarão todos os animais possíveis, pois terão necessidade de proteínas.

    A China é um exemplo do que acontece quando a pressão populacional sobre o meio ambiente é fortíssima. Todos os Anos, mais de mil poços artesianos secos são abandonados. Mais de 200 mil novos poços são furados, que pouco a pouco vão exaurindo os lençóis freáticos. O lençol situado sob Pequim baixou mais de 60 metros desde 1965. O que acontecerá quando centenas de milhões de chineses começarem a não ter mais água?

    Deve-se, obrigatoriamente, compreender que o nível tolerável de povoamento de um certo território corresponde aos seus recursos (hídricos, principalmente) disponíveis. Você observa o mercado e diz: ”O preço dos cereais é o menor dos últimos 20 anos, o que quer dizer que temos um excedente de oferta, uma capacidade de produção muito importante”. Porém, observando a situação sob um ângulo mais distanciado, percebe-se que o excesso de bombeamento de água dos poços artesianos no mundo, não só na China e na Arábia, mas também nos Estados Unidos e na Europa, eleva-se em média a cada ano em aproximadamente 160 bilhões de toneladas de água, o que corresponde a 160 milhões de toneladas de grãos. A um terço de tonelada por pessoa – média mundial, essa quantidade consegue alimentar 480 milhões de pessoas. ou, dito de outra maneira, 480 MILHÕES DE PESSOAS se alimentam graças À ÁGUA NÃO RENOVÁVEL, ainda excedente. A fonte vai se esgotar algum dia e haverá cortes imensos na produção. O que acontecerá (com o preço dos cereais) quando países como o Paquistão, com 140 milhões de habitantes, ou a China, com 1,3 bilhão de habitantes, começarem a importar grandes quantidade de cereais? Os preços subirão absurdamente.
    A INSTABILIDADE POLÍTICA E AS MIGRAÇÕES POPULACIONAIS irão apavorar o mundo. Apenas nesse momento, diante da catástrofe, decidiremos começar o que deveríamos ter feito há muitos anos”

    “A Mais Bela História da Terra.”
    Autores:
    André Brahic, astrofísico.
    Paul Tapponier, geofísico.
    Lester R Brown, agrônomo.
    Jaques Girardon, jornalista.

    Abraços.

    • ET: leia-se extratores.

      Quanto ao desmatamento,vejam estes números, já publicados aqui mesmo:

      -ÁFRICA: Cobertura original 6.799. Hoje restam 7,8%.
      -ÁSIA: Cobertura original 15.132. Restam 5,6%.
      -AMÉRICA DO NORTE: Cobertura original: 10.877. Restam 34,4%.
      -AMÉRICA CENTRAL: Cobertura original: 1.779. Hoje restam 9,7%.
      AMÉRICA DO SUL: Cobertura original 11.709. Hoje restam 54,8%.
      EUROPA: Cobertura original: 4.690. Hoje restam 0,3%.
      RÚSSIA: Cobertura original 11.759. Hoje restam 29,3%.
      OCEANIA: Cobertura original 1.431. Hoje restam 22,3%.
      (fonte: Almanaque Abril 2014)

      • Francisco Vieira,
        nessa concordo contigo.

        E descobri isso há muito tempo. Porém, a implementação do controle de natalidade é algo que, embora racional, hoje não é aceita.
        Até coisas veiculadas que abordam o tema são criticadas. Mas não temos outro caminho. Teríamos que fazer isso, embora nos países considerados desenvolvidos, isso já é feito voluntariamente. Há países com crescimento demográfico negativo.
        Por que a imprensa, o Estado não incentiva essa prática? A de controle de natalidade voluntário (por enquanto).
        Será que o sistema econômico mundial acha isso interessante? Ou será que a demanda diminuiria e com isso teria de ser repensada a economia?

        Há pouco assisti um filme dos Vingadores em que um personagem adquiriu poderes absolutos e decidiu acabar com a metade da humanidade, porque achava que era a única solução racional para salvar o planeta. Claro que essa solução é impensável, contudo o mundo não aguentará muito tempo com a população em crescimento.

        A menina tem razão ao protestar contra as mudanças climáticas, porém ela não foca nas raízes. E a causa principal é o atual número de humanos.

        • Prezado Vidal,

          -No lugar onde eu atualmente moro, quinze anos atrás era possível ouvir o piado das codornas, escondidas no cerrado à frente, sentado na varanda do apartamento durante a tarde. Hoje tudo se transformou em moradias e asfalto e as codornas, seriemas, tatus e perdizes foram todos exterminados.

          -Milhares (ou seriam milhões?) de hectares de cerradão, formados por árvores e gramíneas, abrigos naturais da fauna local, foram derrubados para que os atuais jovens tivessem onde morar e pudessem criar os seus filhos. Em todo o Distrito Federal proliferaram os “condomínios”, para o azar da natureza e das imobiliárias que especulavam com aluguel.

          -Só que daqui a uns cinco, quinze anos, os filhos desses filhos (incluindo também os MEUS filhos e os TEUS filhos) também terão filhos ou netos e eles também precisarão de uma lugar para criá-los!

          E o ciclo de destruição e de exigência da natureza se fecha. Ou melhor, se perpetua em progressão aritmética, pois quando eu cheguei aqui, onde atualmente moro, a região também era um santuário de nascentes de água cristalina, animais e plantas.

  11. *Por que a pirralha incomoda o mundo? É porque somos prepotentes e despreparados*

    Troque por:

    Por que a pirralha incomoda o mundo? É porque ela é humilde e preparada.

    Coisa que, de fato, não é, como demonstrado pelo Mario Jr, Vidal, Aranha e os demais comentaristas.

    • -Viver dias e mais dias longe do carinho e abraços do pai e da mãe; se preocupar excessivamente com assuntos de adultos; se estressar, ao invés de estar brincando com as amigas; compromissos…
      -Assim como a infância, a adolescência também passa rápido e o saudável é viver cada fase da vida como devem ser vividas. Tem alguma coisa errada com o comportamento dessa menina.

  12. Bolsonaro chama Paulo Freire de Energúmeno

    https://www.youtube.com › watch

    Será?

    Nenhuma pedagogia que seja verdadeiramente libertadora pode permanecer distante do oprimido, tratando-os como infelizes e apresentando-os aos seus modelos de emulação entre os opressores. Os oprimidos devem ser o seu próprio exemplo na luta pela sua redenção
    Wiki

  13. Pelo amor de Deus, pessoal, pelo amor de Deus!

    Se não perceberam ainda, trata-se de uma menina, uma criança, que está sendo julgada POLITICAMENTE como se fosse uma criminosa, repentinamente o mal do mundo!

    Não entendo a politica querer predominar sobre o entendimento desta menina com relação à ecologia, à poluição, ao desmatamento …
    Na verdade, presidentes, primeiros-ministros, reis, rainhas, ditadores, deveriam se envergonhar de ser chamados à atenção por uma menina, uma adolescente!

    E, depois, quanta agressão à guria, quantos ataques infundados, e que revelem ódio até por uma criança quando esta diz a verdade!
    Ou, por acaso, ela está mentindo, ser irrealista?

    A adolescente quer apenas conscientizar os mandatários das nações que devem se preocupar com o meio ambiente;
    que de nada adiantam preocupações econômicas, relações comerciais, reuniões entre os mais ricos, mais pobres, os remediados, se não houver futuro e, este, queiram ou não, liga-se ao clima, ao planeta, ao ar puro, a continuarmos ter florestas, rios, lagoas, e um oceano que não seja mais o deposito de lixo mundial!

    E vamos e venhamos, mas chamar a menina de pirralha em tom pejorativo, de pertencer à esquerda, de ser usada para fins políticos, sinceramente, mas a mente humana se encontra em um estágio muito mais grave que a Natureza, e que a brava Greta tem advertido!

    Perdemos o senso?
    Não sabemos mais tratar uma adolescente?
    Não queremos mais sequer ser compreensivos com crianças?
    Mas aonde queremos chegar?
    Que nível de radicalismo deveremos permitir através da política desonesta, deplorável, insana, que até mesmo crianças devem ser rechaçadas?

    Não aceito esta conotação que querem dar aos protestos de Greta com tendências de esquerda, pois altamente tendencioso e absurda esta intenção dos que pulam nas patas de trás para insultar a menina!

    Que decepção a minha, francamente!

    Quando leio comentários com tanta gana, tanta raiva, tanto ódio, tanto atrelamento à atuação de Greta, E NÃO LEIO NADA COM RELAÇÃO À NOSSA POLÍTICA corrupta, desonesta, incompetente, perdulária, que transformou em castas o legislativo e judiciário;
    o nosso grosseiro e mal educado presidente chamando a menina de “pirralha”, indiscutivelmente a humanidade ingressou em outro patamar da sua história e, nós, os brasileiros, inauguramos esta fase de total intolerância, agora até mesmo contra a juventude engajada.

    O endeusamento da política, tanto faz se de direita ou de esquerda, e joga-se na fogueira quem ousar criticar uma ou outra tendência, INCLUSIVE E, PRINCIPALMENTE, pirralhas, fedelhos, a juventude que berra e grita que devemos cuidar do mundo para que eles, NOSSOS FILHOS E NETOS, tenham futuro, ultrapassa a razão da existência do ser humano!

    Greta, te mando um beijo e abraço emocionados deste avô, deste brasileiro de setenta anos, e que aplaude a tua coragem, disposição, determinação por um planeta melhor!

    Muitos líderes que o mundo ainda reconhece e admira, jamais pisaram os pés em uma sala de aula.
    Não é o conhecimento que ensina preocupação com as pessoas, com a Natureza, com o bem alheio, muitas vezes pelo contrário.

    Porém são lutadores por uma vida melhor para todos, que desejam e lutam árdua e ardentemente em prol do bem comum, que se expõem sem medo de críticas, comentários ofensivos e ataques pessoais, que fazem a diferença, que constroem, que nos obrigam a pensar e ter consciência quando estamos errados e escolhemos o caminho sem volta!

    Parabéns, Greta!
    Segue nesta tua luta sadia, do bom combate, de despertar nas mentes embotadas, limitadas, um pouco de consideração por esta nave que nos transporta há bilhões de anos pelo Universo, que não temos direito algum e seja lá em nome de quem e de quê, que não devemos preservá-la em nome de desenvolvimentos, avanços, necessidades econômicas ou intenções de explorar a Natureza para dividendos pecuniários para meia dúzia de vândalos e de predadores humanos!

    • É por isso que vc tem causado atritos com comentaristas aqui, porque distorce seus discursos e suas opiniões, que são fundamentadas na realidade dos fatos, ao contrario das suas, como essa de afirmar que somos contra a pirralha e não aos que a manipulam.

      • O problema, Mário Jr, é que por mais que eu me esforce não consigo seguir as tuas instruções.

        Pensamentos, ideias, interpretações, cada ser humano possui a sua, logo, tentativas de pasteurizá-las, como esta tua intolerância com a esquerda, teu amor e carinho pelo capitalismo selvagem, jamais tu vais encontrar em mim teu apoiador, pelo contrário.

        A prova é que imediatamente postaste uma resposta ao meu texto acima, acusando-me infantilmente de causar atritos com comentaristas (sic).

        Ora, ora e a democracia?
        A liberdade de expressão?
        A TI à disposição dos que pensam diferente?
        Não queres?
        Não gostas?
        Deveriam prevalecer as tuas conclusões e conceitos, e deletadas aquelas que não aceitas?

        Das duas uma:
        ou pensas que és o dono da verdade ou imaginas que as tuas críticas desconexas e infundadas, podem formar um pensamento único neste blog, neste espaço … democrático, para teu desespero e motivo de te atritares com os ousados!

        Cresce, Mário Jr.
        Tá na hora e, até mesmo tardia, de seres adulto.

        • “Pelo amor de Deus, pessoal, pelo amor de Deus!

          Se não perceberam ainda, trata-se de uma menina, uma criança, que está sendo julgada POLITICAMENTE como se fosse uma criminosa, repentinamente o mal do mundo!”

          Vc tá pior que Lula, que nega o que falou ou escreveu, mesmo estar ele gravado.

          • Limitado Mário Jr,

            Citei algum nome?
            Logo, meu comentário foi para aqueles que concordam que a menina é uma pirralha e que não deveria estar se intrometendo em assuntos de adultos!

            Como tu a maltrataste, acusando-a de ser usada pela esquerda, sabotando a opção que a Greta fez pela preservação do planeta e não a respeito de tendências políticas, montaste nas tuas patas de trás.

            Não nego o que escrevi de forma alguma, a começar que assino meus textos.
            Agora, contigo não sei porque perco o meu tempo, se não tenho a menor ideia de quem se trata!

            Ah, Lula é bem melhor que tu nas suas opiniões, pois ele as assina, assim como faço.
            No mínimo, hás de convir que somos muito mais corajosos que as tuas opiniões anônimas.

            Greta te bota no bolso em valentia, mesmo sendo uma menina!

          • Mais uma sua:
            “Ora, ora e a democracia?
            A liberdade de expressão?
            A TI à disposição dos que pensam diferente?
            Não queres?
            Não gostas?
            Deveriam prevalecer as tuas conclusões e conceitos, e deletadas aquelas que não aceitas?”

            Quem não aceita a democracia é vc, que acusa quem a pratica, por ter opiniões diferentes das suas e pior, que vc as distorce e quer censurar.

          • Tá bem, Mário Jr, tá bem.

            Não adianta eu querer fazer um asno entender.

            Se democracia é liberdade de expressão, posso concordar com textos alheios como posso discordá-los.

            Quando alguém publica algo que não se identifica conosco, podemos postar nossos pensamentos que diferem do registrado.

            Não se trata de eu querer deletar ou que desejo que mudem as suas opiniões, mas quero publicar a minha ideia a respeito, mesmo que não a aceitem.

            Esta é a tua dificuldade em entender liberdade como atrelada exclusivamente à ideologia.
            Erro crasso, e de pessoas com mentes dotadas de poucas luzes.

          • Vc não rebateu os comentários e sim desqualificou quem os fez, acusando-os de achacar a tal pirralha.

            ““Pelo amor de Deus, pessoal, pelo amor de Deus!”

            “Se não perceberam ainda, trata-se de uma menina, uma criança, que está sendo julgada POLITICAMENTE como se fosse uma criminosa, repentinamente o mal do mundo!”

    • Caro Bendl,
      Parabéns pelo excelente comentário.
      Vale qualquer argumento em defesa do Bolsonaro, só falta dizer que a Greta é comunista e esquerdopata.

      • Jacob, meu caro amigo,

        O radicalismo na política brasileira tem nos levado a conclusões nada aceitáveis, nada reais, pelo contrário, demonstramos a cada dia mais intolerância e preconceitos.

        Aqui, na TI, deves ter lido que a Greta já foi acusada de seu usada pela esquerda, mesmo ela tendo iniciado os seus protestos absolutamente sozinha em frente ao seu colégio.

        Pior:
        o radicalismo político se mostra tão estúpido, imbecil e idiota, que a direita e também a esquerda não se dão conta que a guria está acusando a ambos, e não apenas os governantes do momento!

        Se a Amazônia diminuiu de tamanho ultimamente, em face das queimadas expandirem espaços para lavouras e criações de gado, a região vem sendo desmatada há tempo!
        Não é Bolsonaro o culpado, porém seus antecessores, que jamais deram a devida importância à Amazônia!

        Por outro lado, se houvesse mesmo uma fiscalização adequada, planos de desenvolvimento e progresso para o norte do Brasil, a floresta teria uma demarcação oficial a respeito de onde e quanto ela poderia ter as suas árvores postas abaixo para que tenhamos mais alimentos!

        Ora, ora, preserva-se a Natureza, mas que morra o ser humano de fome!

        Por que não debateram com a Greta este tema dessa forma?
        Podemos viver muito bem com a Natureza, até porque quando ela se rebela nos aniquila aos milhares em poucos minutos!

        Nevado del Ruiz, Colômbia, em 85, quando o vulcão entrou em erupção, descongelou a montanha, e uma onde de trinta metros de lama matou mais de 25 mil pessoas;
        o tsunami de 2004, que matou perto de 250 mil almas;
        o terremoto no Japão, ocasionando vários tsunamis que mataram perto de 25 mil japoneses em 2011, e que existem vídeos em profusão para que vejamos a força destruidora da Natureza!

        Logo, o desmatamento, a poluição, a extinção de espécies da fauna e da flora, um dia vão cobrar do ser humano o preço desta imprudência, desta violência contra o planeta porque que somos seus autores!

        Aonde o crime de Greta ou aonde está a esquerda que a manipula e a usa despudoradamente?
        Por que a menina não poderia estar sendo um recado da direita para os países de esquerda, tais como a Rússia, China, Índia ….

        A viseira ideológica, Jacob, delimita a visão para poucos metros adiante do nariz, então deixa de ver o que acontece um pouco mais adiante, e sai disparando impropérios, ofensas, agressões, até mesmo contra uma frágil menina, porém com o seu belo rostinho de brava!

        Forte abraço, meu caro.
        Saúde.

    • Prezado Francisco Bendl,

      Comungo inteiramente com suas sábias palavras. Como você nota, há dentre os comentaristas da TI fanáticos de extrema direita que não conseguem enxergar que a destruição do meio ambiente inviabilizará a vida de nossos netos e bisnetos e porá fim à vida na Terra.

      Por mais que os fatos demonstrem que Bolsonaro, Olavo de Carvalho, Trump et caterva estejam na contra-mão da história (e irão para o lixo da História) com seus discursos e ações agressivas, contra pessoas de bem, e contra o meio ambiente, estes fanáticos, embora alfabetizados, irão defender a ação deletéria contra a Natureza porque parecem ser funcionários milicianos de Bolsonaro, e concordam com tudo o que este diz, sem argumentos ou dados que possam convencer a qualquer leitor. Inclusive conseguem difamar a adolescente Greta Thunberg , adjetivando-a pejorativamente como “pirralha” , “comunista”, entre outros adjetivos abjetos.

      Ela tem 16 anos, é verdade, mas tem mais discernimento sobre o perigo das queimadas, da devastação das florestas, da emissão de gases que impedem o oxigênio de nos suprir a respiração, do que estes supostos adultos que ao meu ver ofendem você, quando você se coloca em contrário àquilo que é indefensável.

      Não à toa Greta Thunberg foi escolhida (é a primeira menor de idade escolhida em todos os tempos) como Personalidade do Ano pela Revista Time, e não é por falta de mérito que Greta Thunberg foi convidada e foi a principal oradora no Fórum sobre o Clima, acontecido recentemente em Madri, na Espanha, forum ao qual Jair Bolsonaro sequer compareceu.

      E estes mesmos tarados fanáticos apoiam Jair Bolsonaro, sabidamente agora um idiota, dizer que o maior educador de todos os tempos no Brasil, Paulo Freire, é um energúmeno ! Energúmeno, quem mostrou ser, foi o próprio Jair Bolsonaro, bem como seus três filhos, com nomeações bizarras (quando não suspeitas) para os seus ministérios e empresas estatais e órgãos da administração direta como Funai, Fundação Palmares, Ministério da Educação, entre outros.

      Sem falar das suspeitas do envolvimento desta família, com milicianos, homenageados pelos Bolsonaros em plenário, e ligados ao assassinato da vereadora Marielle Franco.

      A família de Marielle, já sabendo disso, lutou na Justiça para que a investigação sobre a morte de Marielle não fosse federalizada, porque suspeitava de envolvimento de autoridades federais, e pediu que as investigações continuassem a cargo do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e da Polícia carioca, que também não são lá essas coisas, mas federalizar poderia ser muito pior, sabia a família.

      Então, quero parabenizá-lo por mais esta sua lúcida resposta aos fanáticos da extrema direita (pau que nasce torto não tem jeito, morre torto ! ) e aproveito para desejar-lhe e à sua digna família muita paz, alegria e saúde, até porque precisamos de você, aqui na TI , para iluminar este ambiente escuro e perigoso que neste blog promovem os fanáticos por Bolsonaro e Trump.

      Abraços,

      Ednei José Dutra de Freitas

      • Caro dr. Ednei Freitas,

        Obrigado pelo comentário a mim dirigido, em princípio.

        O meu objetivo primordial, doutor, foi excluir a menina de qualquer conotação política, mas publicar que devemos entendê-la nessa sua luta elogiável em defesa do planeta.

        Evidente que quando éramos jovens, fomos influenciados por vários movimentos que vinham de fora para o país:
        A música americana;
        o rock, americano;
        os conjuntos de rock, como The Beatles e Rolling Stones;
        o movimento hippie;
        a mulheres com a minissaia;
        o movimento feminista;
        a pílula, que alterou o comportamento feminino – para melhor! – no que tange à sexualidade;
        assim como a AIDS modificou a liberdade sexual pelos riscos de se contrair o vírus.

        Até mesmo quando tivemos os combates entre a UNE e o regime militar, nossos estudantes não estavam sendo originais, mas agindo conforme seus colegas europeus fizeram em seus países.
        Evidente que não retiro nada quanto à coragem e determinação que os motivaram para o enfrentamento.

        Mas, a guria sueca, bonita e com rosto de feroz, de brava, foi original no seu protesto, pois começou com ela sozinha empunhando cartazes que protestavam contra o modo como tratamos o meio ambiente e os ecossistemas.

        Deixou de frequentar as aulas um dia por semana, e passou a ser vista como um ícone nesta necessária e improrrogável atenção e cuidados com este planeta.

        Mas, antes de qualquer análise atrelada à política, deveríamos era elogiar a menina, incentivar que a juventude tivesse uma consciência humanitária e natural com relação à situação da Terra, menos criticá-la como se ela tivesse cometido algum mal!

        Muito menos que ela tivesse concordado em ser usada pela esquerda ou direita, para enaltecer ou uma ou outra tendência, quando as suas palestras, suas entrevistas, dizem apenas e tão somente que devemos cuidar do planeta.

        Os incêndios na Amazônia foram, sim, usados com más intenções políticas, como sempre.
        Repentinamente, Bolsonaro decidira atear fogo à região e permitido que suas florestas fossem dizimadas para a produção de grãos e pecuária.

        Em governos anteriores, a Amazônia ainda era a mesma desde a sua formação há milhões de anos, mas foi a extrema direita que entendeu exterminá-la!

        Só mesmo idiotas e mal intencionados para levar em conta esta afirmação ridícula, e destituída de verdade, que o governo recém eleito tinha como objetivo dizimar a fauna e a flora na Região Norte!

        A Greta surgiu agora, depois que o tema foi discutido à exaustão, e com o Brasil sendo culpado pela devastação da Amazônia, principalmente pelo presidente da França, cujo olhar mirava a internacionalização da região, e seu país obviamente ser um dos administradores!

        Comparar a atuação de Greta, de uma jovem, de uma adolescente, com a conduta da França, Alemanha e Noruega, sinceramente, mas estou diante da irracionalidade manifesta mediante uma política que pretende mesmo aniquilar com a espécie humana.

        Evidente que, mesmo nos dias de hoje, existem nações que são altamente poluidoras, e que outras, no passado, dizimaram com suas florestas, afora a derrubada de árvores aos trilhões com as guerras constantes na Europa e Ásia, mais o crescimento americano que também devastou matas inteiras.

        Logo, os protestos de Greta são legítimos, verdadeiros e originais.
        A intenção de ligá-la à esquerda, então as agressões, manchetes deprimentes, classificando-a como enganadora, acusando-a de maneira sórdida e covarde, mais se voltam contra seus autores, que foram flagrados em suas omissões e desconsiderações para com a Natureza, e que dela todos nós fazemos parte!

        Ora, dr.Ednei, é o mesmo que eu ser convidado para ficar na sua casa alguns dias, e passo a quebrar a louça, rasgar a roupa de cama, queimar seus eletrodomésticos, riscar paredes quando não pondo abaixo o reboco, e o senhor for avisado por uma criança, que é seu vizinho.

        Maus pensamentos, pessoas mal intencionadas, querem chamar à atenção do guri porque ele não tinha o “direito” de lhe avisar porque um pirralho, um fedelho.
        No entanto, a sua casa viria abaixo tempos depois!

        Nada diferente com a Greta,a não ser pelo fato de ela ser autêntica, verdadeira, e obrigar os governantes a saírem de suas zonas de conforto, para trabalhar em prol desta residência que nos acomoda, e que ainda nos fornece o alimento e a terra!

        Um forte e fraterno abraço, dr.Ednei.
        Saúde, extensivo aos seus amados.

  14. Foi o brasileiro mais homenageado da história, com pelo menos 35 títulos de Doutor Honoris Causa de universidades da Europa e América; e recebeu diversos galardões como o prêmio da UNESCO de Educação para a Paz em 1986.

    Obras

    1959: Educação e atualidade brasileira. Recife: Universidade Federal do Recife, 139p. (tese de concurso público para a cadeira de História e Filosofia da Educação de Belas Artes de Pernambuco).
    Paulo Freire. A propósito de uma administração. Imprensa Universitária; 1961.
    1963: Alfabetização e conscientização. Porto Alegre: Editora Emma.
    Paulo Freire. Educação como prática da liberdade. Paz e Terra; 2000. ISBN 978-85-219-0109-9
    Paulo Freire; Raul Veloso; Luís Fiori. Educação e conscientização: extensionismo rural. CIDOC; 1968.
    Paulo Freire. Extensão ou comunicação?. Paz e Terra; 2001. ISBN 978-85-219-0427-4.
    Paulo Freire. Ação cultural para a liberdade e outros escritos. Paz e Terra; 2007. ISBN 978-85-7753-023-6.
    Paulo Freire. Cartas a Guine-Bissau: registros de uma experiência em processo. Paz e Terra; 1984.
    Paulo Freire. Os cristãos e a libertação dos oprimidos. Edições Base; 1978
    1979: Consciência e história: a práxis educativa de Paulo Freire (antologia). São Paulo: Loyola.
    1979: Educação e mudança. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 112 p.
    1979: Multinacionais e trabalhadores no Brasil. São Paulo: Brasiliense, 226 p.
    1980: Quatro cartas aos animadores e às animadoras culturais. República de São Tomé e Príncipe: Ministério da Educação e Desportos, São Tomé.
    1980: Conscientização: teoria e prática da libertação; uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. São Paulo: Moraes, 102 p.
    1981: Ideologia e educação: reflexões sobre a não neutralidade da educação. Rio de Janeiro: Paz e Terra.
    1982: Sobre educação (Diálogos), Vol. 1. Rio de Janeiro: Paz e Terra ( 3 ed., 1984), 132 p. (Educação e comunicação, 9).
    Paulo Freire; Antonio Faundez. Por uma pedagogia da pergunta. Paz e Terra; 2002
    Paulo Freire; Adriano Nogueira; Débora Mazza. Fazer escola conhecendo a vida. Papirus; 1986
    Paulo Freire; Sérgio Guimarães. Aprendendo com a própria história. Editora Paz e Terra; 2000. ISBN 978-85-219-0371-0
    Paulo Freire; Adriano Nogueira; Debora Maza. Na escola que fazemos: uma reflexão interdisciplinar em educação popular. Edit. Vozes Ltda.; 1990. ISBN 978-85-326-0237-4.
    Paulo Freire; Adriano Nogueira. Que fazer: teoria e prática em educação popular. Vozes; 1989.
    Paulo Freire. Paulo Freire conversando con educadores. Ed. Roca Viva; 1990.
    Paulo Freire; Donaldo Pereira Macedo. Alfabetização: leitura do mundo, leitura da palavra. Paz e Terra; 1990
    Paulo Freire, A Educação na cidade. Cortez Editora; 1991.
    Paulo Freire, A importância do ato de ler: em três artigos que se completam. Cortez; 2008
    Paulo Freire. Pedagogia da esperança: um reencontro com a Pedagogia do oprimido. Paz e Terra; 1997. ISBN 978-85-219-0010-8.
    Paulo Freire, Professora sim, tia não: cartas a quem ousa ensinar. Olho d’Água; 2008
    Paulo Freire, Política e educação: ensaios. Cortez Editora; 1993.
    Paulo Freire, Ana Maria Araújo Freire, Cartas a Cristina: reflexões sobre minha vida e minha práxis, 2003, Editora UNESP, ISBN 978-85-7139-483-4
    Paulo Freire, ‎Frei Betto, Essa escola chamada vida, 1994, Ed. Ática, ISBN 978-85-08-02764-4
    Myles Horton; Paulo Freire; Brenda Bell. O caminho se faz caminhando: conversas sobre educação e mudança social. Vozes; 2003. ISBN 978-85-326-2815-2.
    Paulo Freire, Ana Maria Araújo Freire, À sombra desta mangueira, Olho d’Água. 1995, ISBN 978-85-85428-15-0.
    Paulo Freire, Sérgio Guimarães, Moacir Gadotti, Pedagogia: diálogo e conflito, 1986, Cortez Editora Autores Associados
    Paulo Freire, Ira Schor, Medo e ousadia: o cotidiano do professor, 1997, Paz e Terra
    Paulo Freire, Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa, 2009, Paz e Terra, ISBN 978-85-7753-015-1, Ver artigo Pedagogia da Autonomia
    Paulo Freire, Pedagogia da indignação: cartas pedagógicas e outros escritos , 2000, Editora Unesp, ISBN 978-85-7139-291-5
    Paulo Freire, Sérgio Guimarães, A África ensinando a gente: Angola, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, 2003, Paz e Terra, ISBN 978-85-219-0646-9
    Paulo Freire. “Pedagogia do Oprimido”. Editora Paz e Terra; 1968 [2014] Última Edição .

      • O caso desse Paulo freire é que ele, com sua “educação” fundamentada em seu misticismo ideológico, desconecta da realidade quem a absorve. Daí, no mínimo o transforma em um chato, quando não num perigoso inimigo da humanidade como assassinos como Fidel, que escraviza os cubanos e lhes ensina que isso é muito social. Muito solidário.

    • -Pois é!
      -Por que será que não usaram os ensinamentos do Paulo Freire durante os treze anos de governo petista e do FHC?
      -As crianças e adolescentes, hoje analfabetos, nasceram nos últimos vinte anos e poderiam muito bem terem sido usados para a comprovação da teoria.

      “Como a Polônia virou uma potência em educação em apenas 20 anos – e o que o Brasil pode aprender com isso.

      Na edição mais recente do Pisa, exame internacional que em 2018 avaliou 600 mil estudantes de 15 anos em 79 países ou regiões (Brasil entre eles), a Polônia ficou entre os dez melhores colocados do mundo nos exames de leitura, matemática e ciências.
      Para efeitos comparativos, os estudantes poloneses fizeram, em média, quase 100 pontos a mais que os brasileiros em leitura: 512 contra 413. E ficaram 129 pontos à frente na avaliação de matemática. A prova, aplicada pela OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), visa medir a habilidade de alunos globais em compreender textos, captar informações-chave, entender e aplicar conceitos matemáticos e científicos em seu dia a dia. O sucesso polonês — cujas pontuações superam, inclusive, as médias da própria OCDE — chama a atenção por ocorrer em um país que, até poucas décadas atrás, era inexpressivo na educação. E que tem um passado recente de destruição e pobreza…”

      Artigo completo:
      https://www.bbc.com/portuguese/internacional-50787081

    • Não entendo nada de educação de pedagogia, não conheço a fundo quem é paulo freire e sua obra. Mas partindo do principio que o cara era isso tudo que vc mostrou acima, alguma coisa tá muito errada, ou é incompetência de seus seguidores e propagadores de suas ideias ou suas ideias.
      Pois o tempo de aplicação de seus métodos foi suficiente para mostrar seus méritos, mas até agora só deméritos.
      Quem acha que o bozo e o doido do mec estão errados é que sejam honestos de mostrar o erro de quem emporcalhou o nome de paulo freire desvirtuando seu ideário.

  15. Greta Thunberg não incomoda o mundo, muito pelo contrário. Ela tem multidões de admiradores em todo o mundo e foi capa como personalidade do ano na revista Time

    Greta Thunberg incomoda tão somente Jair Bolsonaro, Donald Trump et caterva, que, ao contrário de Greta Thunberg , estão incentivando as queimadas, destruição de florestas, emitindo gases que irão promover o aquecimento global, já em curso, por causa da deliberada destruição do meio ambiente em seus países.

  16. A menos que a nossa covardia, passividade, falta de iniciativa, COMPROVAM que INVEJAMOS quem luta, quem deixa de ir à aula para protestar, quem é corajoso, quem desfralda uma bandeira sadia, verdadeira e incontestável.

    Que a maioria desejasse que não houvessem vozes dissonantes do establishment, pois afinal de contas a humanidade irá desaparecer de uma forma ou outra, então apressemos este fim para o quanto antes.

    Ou, lá pelas tantas, o alerta da menina nos incomodou, perturbou, porque para muitas pessoas do jeito que está é como deveria ser, ou seja, a pessoa ter uma bela casa, sítio, casa na praia, salário excelente, diploma de curso superior, carros, viagens nas férias para outros continentes … e vem uma pirralha se meter na vida de quem “não faz nada”, e muito menos faz à preservação do planeta que tantas regalias proporcionou!

    Mais ou menos como alguém dormindo no seu quarto luxuoso, deitado em lençóis de seda javanesa, a cama em cima de tapetes persas, o banheiro com sua banheira em Mármore de Carrara, torneiras folheadas a ouro, e ouve berros que a sua mansão está pegando fogo!
    Incomodado com os gritos abre a janela, e joga seus chinelos em quem o avisa da tragédia antes que a sua vida seja ceifada pelo incêndio.

    – Essa gurizada não tem mais o que fazer, a não ser perturbar os adultos??!!

  17. UM IMBECIL CHAMA UM GÊNIO BRASILEIRO DE ‘ENERGÚMENO’

    CORREIO BRAZILIENSE – 16/12/2019

    Bolsonaro diz que TV Escola ‘deseduca’ e chama Paulo Freire de ‘energúmeno’

    Reportagem de Rodolfo Costa

    https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/eu-estudante/ensino_educacaobasica/2019/12/16/interna-educacaobasica-2019,814436/bolsonaro-diz-que-tv-escola-deseduca-chama-paulo-freire-de-energumeno.shtml?utm_source=onesignal&utm_medium=push

    • Provavelmente o paulo freire não é um energúmeno, energúmeno são aqueles que por incompetência má fé ou energumenisse mesmo fizeram do nosso sistema educacional uma fabrica de debiloides.

  18. A nosso ver, Forças poderosas de Países já Desenvolvidos estão usando a Adolescente GRETA THUMBERG para seus interesses.

    O que Srta.GRETA THUMBERG deveria dizer na ONU, COPs, etc:

    Nossa Civilização ( Padrão de Vida) está baseada na produção de Energia pela combustão de Combustíveis a base de CARBONO ( Lenha, Carvão, PETRÓLEO/GÁS, Bio-Massa, etc) geradores de CO2 e Água.
    O gás CO2 é o maior causador do Efeito Estufa na Atmosfera. A cada Ano estamos atualmente injetando +- 37 Bilhões Toneladas de CO2.

    População Terra 2019……………..7.700 Milhões
    Pico População Terra 2100……..12.000 Milhões.

    Solução:
    Atenuar ao máximo o crescimento da População da Terra.
    Produzir o máximo de Energias limpas ( Solar – Hidroelétrica- Nuclear, FUSÃO NUCLEAR quando a dominarmos, etc).

    O contrário da COMBUSTÃO geradora de CO2 é a FOTOSÍNTESE gerada via REFLORESTAMENTO absorvedora de CO2 da Atmosfera. Começar pelas margens dos cursos de água, etc.
    A Empresa Canadense Carbon Engeenering financiada por grandes petroleiras retira CO2 diretamente da Atmosfera via reações químicas ainda a um Custo alto de US$ 100/Tonelada CO2, Custo que deve baixar muito a medida que a Indústria se desenvolva.

    A Ciência seguramente apresentará solução para controlar o Efeito Estufa a um Preço razoável.

    O risco é muito maior de uma Guerra Termo-Nuclear começada até por acidente, ou de um super-vírus/bactéria acabar com 2/3 da Humanidade em Prazo curto.

    • Caro Bortolotto.

      Não vale protestar contra a OTAN e contra as armas nucleares, clube do qual o país da menina deve fazer parte.

      -O negócio é chutar galinha morta como o Brasil, um país que só entrou na REVOLUÇÃO INDUSTRIAL com a criação da CNS, perto de ano de 1946, enquanto os maiores poluidores do mundo vem desde 1840 destruindo o mundo em benefício próprio. Faça as contas e veremos que o Brasil precisa poluir muito para chegar ao nível do que hoje falam em “aquecimento global”.

      Abraços.

      “Guerra nuclear: As novas armas que aumentam as chances de um conflito global.”

      https://www.bbc.com/portuguese/internacional-47200806

    • Não, ela só atacou um país inteiro por ter incêndios em florestas, como acontece o mesmo agora em dezenas de países.
      Como Bolsonaro representa o país….

  19. ….”Suspeita-se dos espertos,dos velhacos; dos farsantes; no entanto , não poderíamos atribuir-lhes nenhuma das grandes convulsões da história; não acreditando em nada, não vasculham nossos corações, nem nossos pensamentos mais íntimos; abandonam-nos à nossa indolência, ao nosso desespero ou a nossa inutilidade; a humanidade deve a eles os poucos momentos de prosperidade que conheceu: são eles que salvam os povos que os fanáticos torturam e os idealistas arruínam.” CIORAM

      • Caro Eliel,

        Esse tipo de manchete depreciando Greta que me revolto e fico indignado (evidente que sei da tua intenção, por favor, pois não estou me dirigindo a ti, porém à mídia alemã).

        Observa, a imprensa germânica desmascara e revela a mentira da guria sueca, vocifera.
        Convenhamos, leste ultimamente manifestações dos jornais alemães contra a China, Rússia, americanos, ingleses, franceses … ?
        Não?
        Pois eu também não li a forma agressiva e desnecessária que postaram contra esta menina, como se ela fosse uma política eleita e a tivessem desmascarado posteriormente, que ela iria implementar a ditadura em seu país!

        Che, mas que barbaridade!
        Que terrorismo psicológico contra essa adolescente!
        Que mal ela fez para merecer manchetes desse tipo?
        Qual foi o crime que a menina cometeu para ser assim destroçada e desmoralizada como quer a política deletéria, deplorável e corrupta internacional?

        Logo os alemães?
        Logo os germânicos, que através do nazismo queimaram milhares de inocentes nos fornos crematórios dos campos de concentração?!
        Agora a inimiga do sistema é uma guria, que deve ser eliminada, destroçada pela porca e comprometida mídia mundial?!

        Uma vergonha o jornal que publicou a manchete alemã sobre esta menina, um ato de subserviência e de submissão odiáveis porque covarde, enquanto a sueca demonstra uma valentia que os machões da imprensa não possuem, e outros que a desqualificam chamando-a de pirralha, pejorativamente.

        Que tristeza!
        A que ponto chegamos!
        Vários presidentes de nações se unem para combater um inimigo comum, um inimigo poderoso, fortemente armado, praticamente invencível:
        uma menina e sua voz, sua atitude, sua determinação em prol de um mundo habitável!

        Hoje estou envergonhado de ser humano, sinceramente!

        Abraço, Eliel.
        Saúde.

  20. Francisco Vieira – Brasília DF,

    Apesar desta teu invejável poder de síntese, duvido que uns e outros entendam a diversidade de pensamentos!

    Aliás, exatamente a forma de cada um de nós compreender e de se manifestar sobre algo, que a humanidade chegou até os tempos de hoje, pois se o pensamento dominante fosse um só não existiria mais a espécie humana.

    Logo, quando iniciei o meu primeiro comentário exclamando:
    “Pelo amor de Deus, pessoal, pelo amor de Deus …”
    a minha intenção foi que não deveríamos tratá-la como um agente político, ainda mais radical.

    Trata-de de uma menina, e como tal a sua luta deve ser entendida e aceita por todos nós, independente se de esquerda ou de direita.

    Abraço.

    • Prezado conterrâneo, a luta da Greta está correta, disto ninguém ou poucos duvidam, a motivação ainda é parte de névoa que cobre o assunto. E como é extenso a mídia ansiosa glamouriza a mais não poder a menina.

      A parte o adjetivo “fedelha” (todos nós gaúchos já fomos chamados assim quando crianças, né?), é inusitado uma adolescente tomar para si a missão de indicar aos países industrializados qual o caminho político (e humano) a seguir.

      E como tem a atenção geral pela precocidade (“fedelha”…rsrs), acabou virando uma…tchan: ativista. O ego, Ednei, ele mesmo vai estragar esta menina.

      Certo ou errado?! Manipulada ou não?!

      Vamos ter que engolir esta zagala por um bocado de tempo. Esperem…
      Abraço.

    • Prezados Bentl e Miguel.

      -A luta dela é, deverasmente (como dizia o Odorico Paraguaçu) correta.
      -Só não acho correto é ela direcionar o jato de indignação contra o Brasil, um país que nunca causou nenhuma guerra mundial, nunca destruiu a Europa ou Asia, nunca explodiu qualquer bomba atômica sobre os oceanos, nunca afundou navios carregados de petróleo e/ou combustíveis fósseis, nunca bombardeou recifes costeiros, nunca jogou agentes químicos sobre florestas, etc, etc.
      -Somos um país que tem uma grande população de miseráveis e desassistidos e que apenas ontem entrou para o mundo dos países industrializado e que precisa, urgentemente, dar condições dignas para essas pessoas.
      -Ora,se o país tem florestas NATIVAS para queimar no Século XXI só pode ser porque soube preservá-las até então, ao contrário dos que hoje pregam o ecologismo radical, mas ficaram ricos graças ao uso dos recursos naturais.
      Portanto, não precisam querer ensinar o padre-nosso para o vigário.

      Abraços e saúde.

      “OSLO (Reuters) – Um tribunal de Oslo aprovou nesta quinta-feira os planos da Noruega para mais exploração de petróleo no Ártico, descartando um processo aberto por ambientalistas que disseram que o projeto violava o direito das pessoas à sustentabilidade ambiental.
      A acusação, apresentada pelo Greenpeace e pelo Nature and Youth Group, argumentou que uma rodada de licenciamento de petróleo em 2015 no Ártico que rendeu concessões à Statoil, Chevron e outros foi inconstitucional.”

  21. Acompanho este Blog desde 2009
    Já fiz muitos comentários por aqui.
    Minha frequência e meus comentários se tornaram mais escassos por falta de tempo e por não poder contribuir em R$ com o Blog.

    Conheço daqui o Francisco Blend desde 2010, se não me falha a memória.
    Devo ter lido 60% de todos os seus comentários. Claro, não concordo com tudo que ele escreve e com algumas das suas posições na Economia e na Política. Mas, num todo, vamos dizer assim, eu gosto dos seus comentários e Artigos. E o admiro por saber que ele não tem formação superior, mas escreve bem, sabe argumentar sobre política, economia, socialismo etc. O Francisco Blend deve ser um devorador de Livros.

    Desde 2009 por aqui passaram muitos bons comentaristas e eu tinha o prazer de ler seus comentários.
    Atualmente, por falta de tempo, leio + ou menos uns 40% de todos os comentários. Confesso que, além do Blend sou leitor do Mario Junior e de mais uns 4 comentaristas.

    Sem citar o nome o senhor Ednei José Dutra cita “fanáticos comentaristas de extrema direita”.
    Creio eu que, entre os tais fanáticos de extrema direita o senhor Ednei deve achar que o Mario Jr. é um deles.
    Ora, o senhor Mario defende o Capitalismo e critica por razões óbvias o Socialismo.
    O senhor Mario é pro capitalismo.
    O senhor Ednei é anti Bolsonaro, anti Trump, então creio que ele está mais à Esquerda do que à Direita.
    Os EUA e o Capitalismo defendido pelo senhor Mario não pode ser culpado pela morte de mais de 100 milhões de seres humanos.
    Os defensores da Esquerda (principalmente os mais inteligentes) deviam fazer uma reflexão e se desculpar perante o mundo por ter ceifado a vida de CENTO e tanto milhões de seres humanos.

    O senhor Mario Jr. é infinitamente mais culto do que esse aqui que vos escreve. Seu cacife intelectual lhe leva a saber como se defender das críticas sofridas, mas tenha santa paciência, ser tachado de Extrema Direita pessoas que apoiam Capitalismo, o Livre Mercado e não o Socialismo com sua economia planificada aí já é demais.

  22. Comecei a ler o Livro:
    A mente imprudente
    Os intelectuais na atividade política

    Descrição do Livro:
    Os intelectuais na atividade política. A mente imprudente mostra um perfil de pensadores que se deixaram iludir de tal maneira pelas ideologias e convulsões da sua época que fecharam os olhos ao autoritarismo, à brutalidade e ao terrorismo de Estado, com resultados graves para nossa vida intelectual e política. Traçando perfis de seis destacados pensadores do século XX — Martin Heidegger, Carl Schmitt, Walter Benjamin, Alexandre Kojève, Michel Foucault e Jacques Derrida —, Mark Lilla explora a psicologia do compromisso com o pensamento político, explicando de que modo intelectuais que se revelam incapazes de dominar as próprias paixões podem ser arrastados para uma esfera política que mal compreendem.

    Opino:
    Ou seja, o que se passa na mente de pessoas inteligentíssimas quando decidem apoiar pessoas do nível de Stalin, Lenin, Fidel, Mao Tsé Sung, Pol Pot e outros Ditadores que foram responsáveis por milhões de mortes e mataram o seu próprio povo.
    Nem posso dizer: Com a palavra os comunistas, pois, não têm o que de concreto responderem, talvez só uma desculpa esfarrapada.

  23. Sim, a Greta foi eleita a personalidade do ano pela revista Time. E daí? O Trump também foi. A revista quando elege pessoas não significa que será por sua bondade para com o mundo, para com os povos.
    Eu diria que, a pessoa eleita de alguma forma causou impacto com certa profundidade ao ponto de causar emoção, tragédia, melhora ou piora na vida das pessoas durante o ano.
    Se diz que é eleito alguém que “para o bem ou para o mal, mais influenciou eventos no ano”.
    Lembro que em 1979 quando a revista elegeu o Khomeini a revista perdeu muitos assinantes e leitores. Foi divulgado na época.
    Hitler, Stalin, Yuri Andropov e muito presidentes americanos (principalmente os republicanos) odiado pela esquerda já foram eleitos a pessoa do ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *