“Pré-candidatos precisam se comprometer a renunciar em prol da terceira via”, diz Doria

João Doria Junior | PSDB - Partido da Social Democracia Brasileira | PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira

João Doria está demonstrando maturidade e desprendimento

Carlos Newton

Importantíssima a entrevista do governador paulista João Dória no programa “Amarelas On Air”, da revista Veja, transmitido no Youtube nessa segunda-feira, dia 4. A seu ver, se os candidatos que disputam a terceira via ficarem “fracionados”, não haverá alternativa em 2022 e o país terá de aturar novo mandato de Lula da Silva ou Jair Bolsonaro.

“Amarelas On Air” é o novo programa de entrevistas de #VEJA, comandado pela colunista Clarissa Oliveira. Na bancada de entrevistadores de Dória estavam também Carlos Melo, cientista político e professor do Insper, Fábio Zanini, repórter especial da Folha, e Pedro Venceslau, repórter de política do Estadão.

COMPROMISSO – Demonstrando amadurecimento e larga visão política, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que a terceira via é altamente viável e indicou que pode abrir mão de sua candidatura, em favor da união em torno do pré-candidato que demostrar maior viabilidade eleitoral.

“Todos nós, que somos pré-candidatos, temos que ter a disposição, a humildade de abrirmos mãos, se necessário, em torno de um nome que possa ser o vencedor”, afirmou.

A seu ver, esse compromisso precisa ser assumido por todos os pré-candidatos à presidência da República que se apresentem para enfrentar a polarização de Lula e Bolsonaro, como o governador gaúcho Eduardo Leite, que disputa com ele as prévias do PSDB, e os pretendentes de outros partidos, como Ciro Gomes (PDT), Sérgio Moro (Podemos), Henrique Mandetta (DEM), Alessandro Vieira (Cidadania), José Luiz Datena (PSL), Simone Tebet (MDB) e Rodrigo Pacheco (PSD, segundo as negociações em marcha.

DEPENDE DAS PRÉVIAS – Na entrevista, o governador de São Paulo, afirmou que, se perder as prévias, irá apoiar o candidato tucano Eduardo Leite e não pretende se candidatar ao governo de São Paulo novamente, por ser contra a reeleição.

Em tradução simultânea, é apenas nesse ponto que as declarações de Doria merecem reparo. Para que a terceira via vença, é preciso haver importantes aliados que se candidatem a governos estaduais. Por exemplo, caso não estejam à frente das pesquisas em março, Mandetta deveria ser candidato em Minas Gerais; Ciro no Ceará; Moro no Paraná: Doria em São Paulo; Leite no Rio Grande do Sul; Alessandro no Ceará; Simone no Mato Grosso do Sul; Pacheco em Minas, tudo em função das circunstâncias regionais, é claro e se um deles não for candidato a vice-presidente, o que seria desejável.

###
P.S.
Assim, teremos uma candidatura de terceira via capaz de balançar o coreto de Lula e Bolsonaro, essa dupla putrefata que não vale uma moeda de 3 reais. O Brasil precisa ganhar essa eleição, lembrem disso. (C.N.)

21 thoughts on ““Pré-candidatos precisam se comprometer a renunciar em prol da terceira via”, diz Doria

  1. Não acredito, nem um milímetro, nesse governador de São Paulo.
    Trata-se de um demagogo e mentiroso contumaz.
    A Terceira Via é ele mesmo.
    Tergiversador e até traidor. Ele abandonou seu criador, o ex governador Geraldo Alkimim.
    Na eleição de 2018, andava abraçado com Bolsonaro por São Paulo entoando o slogan BolsoDoria, quando o candidato do PSB estava na sua frente nas pesquisas. Foi eleito e em seguida rompeu com Bolsonaro ao começar a trabalhar para suceder Mito.
    A ambição de Dória não tem limites. Eleito prefeito de São Paulo, abandonou o cargo para disputar o governo do Estado. Eleito governador já quer ser presidente. Se pudesse, ele disputava a Casa Branca. Cuidado com Biden!

  2. Pode começar pelo Doria renunciando…

    Sem dúvida tem um nome muitíssimo rejeitado e não tem qualquer, nenhuma, simpatia das classes desfavorecidas – a não ser quando as compra com cimento, areia e tijolos como muitos outros políticos de direita. Mas não faz qualquer ação de governo direcionada para o social no sentido de reduzir as desigualdades. Seu governo de SP é elitista, machista, branco, hétero…

  3. Meu prezado Carlos Newton, faço como Garrincha, já combinaram com os russos?
    Nenhum oráculo, cigana ou macumbeiro vai prever os acontecimentos, sabem que políticos picados pela mosca azul do poder, vendem a alma para o diabo.
    O Partido Comunista Chinês está salivando e com muita bala na agulha e a ganância dos pescadores de águas turvas estão alerta para pegar qualquer cavalo encilhado que passar por perto.

  4. Carlos Newton, Carlos Newton, tu gosta tanto de um ultradireitista e declara eterno amor por Karl Marx. Tá com problemas cognitivos, meu bom?

    Talvez tu não estejas
    por aqui para assistir ao estrago de um Doria como presidente, a pobreza em índices haitianos e todos vocês que apoiaram esses devaneios do capitalismo tardio, sentados no colo do capeta.

    Carlos Newton, sugiro que leia “Sistemas De Poder” do Noam Chomsky que sei que não leu. Se lê-se, não escreveria tamanhos desatinos numa atmosfera de desgraça que vivenciamos.

    Ódio de classe não combina contigo, tampouco com a Tribuna Da Imprensa e com o saudoso Hélio Fernandes que lhe deu a régua e o compasso.

    Acorda, velho!

    • Acho que o raciocínio não é esse. Me lembro que ele e alguns outros aqui, eram pro Bolsonaro; e “coincidentemente” mudaram (e passaram a criticar), justamente quando o Bolsonaro mostrou que não sabia que eles existiam.

      Na atual “empreitada”; vê-se o doria bancando aquela jornalista do roda viva, com pixuleco do grosso; e ninguém reclama ou vê nada de errado, em a moça (jornalista) receber do doria para ter a única função de atacar o Bolsonaro.

      Além do doria precisar de muitos mais jornalistas se virar presidente; ainda tem o fato de “o antagonista” ter sido dispensado, para deixar bem claro, que só quem comer no coxo, será contratado.

      PS: Se hoje ninguém reclama de 3 doses da vacina do doria; imagine se o doria fosse presidente agora; 600 milhões de doses da vacina seria da coronavac. e imagine quantas doses iriam ser necessárias. Será que teria dinheiro para fazer uma “roda mais viva”, ou uma “roda bem maior”.

  5. Bom, dizer o quê, né?! Já, em inúmeras ocasiões, Dória mostrou que não é confiável e pauta suas atitudes olhando, somente, para seus interesses pessoais. Então, cuidado!!!
    Quanto a afirmação do PS, nivelando Bolsonaro a Lula, chega a ser quase criminosa. Os efeitos, para o Brasil e para a sociedade brasileira, das ações de cada um deles, são diametralmente opostos. Abra os olhos!!!

  6. DEPENDE DAS PRÉVIAS – Na entrevista, o governador de São Paulo, afirmou que, se perder as prévias, irá apoiar o candidato tucano Eduardo Leite e não pretende se candidatar ao governo de São Paulo novamente, por ser contra a reeleição.

    Sr. Newton, não caia na conversinha fiada desse comunistinha enrustido.
    È um psicopata mentiroso, a palavra dele vale o que tem dentro do Esgoto Coveiro, entre as Marginais…
    Na Eleição para Prefeito ele disse a mesma coisa que não queria a Reeleição para Prefeito, largou a cadeira de prefeito e o povo que lhe deu o voto e foi direto para o Palácio dos Bandeirantes, que por sinal quase perdeu para o outro comunistinha, só se elegeu porque grudou e surfou na onda dos Bolsorongas..
    E a diferença foi pequena para o comunistinha vermelhinho… 51,75% – 48,25.

  7. Esta múmia chamada Carlos newton, ataca o PT toda hora e, ainda tem a cara de pau de dizer q é um democrata.
    Torce de forma escancarada pela esta “indefinida terceira via”, de forma porca.

    • O Sr. é um tremendo mal educado com o dono do Blog!!!

      Por favor, coloque-se é deixe o Sr. Carlos Newton em paz!!

      Se não está satisfeito, VAZA!!

      Onde já se viu tremenda falta de respeito?

      Vaza!
      Sai fora!
      Xô!!!

      JL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *