Presidência da Alerj: cabralzinho e Brazão deram sinal de fraqueza

Helio Fernandes

Como tenho noticiado com exclusividade,  cabralzinho trata diariamente da eleição do substituto de Picciani. (Este ainda é presidente até o dia 31 de janeiro. Como a eleição é no dia seguinte, não tem mais importância).

***
BRAZÃO DIZ QUE FEZ ACORDO

Como estava marcado, ontem Domingo Brazão fez o segundo café da manhã. Mas decepcionou uns 20 ou 25 deputados que estavam querendo derrotar Paulo Mello. Textual: “Serei presidente da Alerj no biênio 2013/14”. Frustração. Dentro de 2 anos cabralzinho terá esquecido de tudo. Só que ele e Brazão, deram sinal de fraqueza.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *