Principal lição do genial Adam Smith terá de ser aprendida à força pelo Brasil

Resultado de imagem para adam smith e a mao invisivel

A “mão invisível” de Smith existe, mas não pode se aplicar a tudo

Carlos Newton

Tenho especial admiração por determinados pensadores que se dedicaram a estudar a Civilização e, especificamente, a Teoria Econômica, a meu ver a mais importante e intrincada das ciências sociais, por ser inexata e imponderável, permanecendo como um eterno enigma a desafiar o conhecimento humano. Sou fascinado pelo trabalho desses estudiosos, como os alemães Karl Marx e Friedrich Engels, que operavam em dupla, o escocês Adam Smith, os britânicos John Maynard Keynes e Kenneth Clark, que nem economista era, mas estudou a Civilização como ninguém, e o canadense/americano John Kenneth Galbraith, que revisou os conceitos econômicos no Século XX.

É claro que há muitos outros que deveriam ser citados aqui,  mas hoje vamos nos fixar em Adam Smith, que viveu no  século XVIII, a Era do Iluminismo, é considerado o pai da economia moderna e  o mais importante defensor do liberalismo econômico.

SÓ NA TEORIA… – Acredito que, como teoria, o marxismo seja o ideal, mas só poderá ser aplicado quando o ser humano evoluir, se despojar da ganância e das fraquezas, tornando-se mais  espiritualista e menos materialista, o que só acontecerá daqui a 5 mil anos, conforme prevê nosso amigo Antonio Santos Aquino.

Enquanto a humanidade não chega lá, vamos analisar a fase atual do Brasil, para reconhecer a teoria da “mão invisível do mercado”, criada por Adam Smith.

Realmente, essa “mão invisível” existe e se aplica à muitas situações, mas sem os excessos do “laisser faire” (liberalismo desenfreado), é claro, que foi um equívoco bizarro de Adam Smith. 

CODINOME – Hoje em dia, a “mão invisível” pode também ser conhecida pelo codinome de “maioria silenciosa”, identificada no século passado por Richard Nixon e que agora se manifestou no Brasil durante a eleição de Bolsonaro, quando se misturaram a “mão invisível” e a “maioria silenciosa”.

Bolsonaro só foi eleito porque os brasileiros não aguentam mais. Sabem que o país está inviável, exigem solução para a impunidade, a insegurança, a desigualdade social, o desemprego e tudo o mais. Na verdade, a maioria preferiu Bolsonaro por entender que os outros candidatos não iriam agir com o rigor necessário, que Bolsonaro tanto propagava.

O fato é que as pessoas de bem estão exauridas, querem voltar a sair às ruas com tranquilidade, exigem tolerância zero contra os criminosos. Se for decidir no voto, a maioria defenderá a pena de morte e a execução sumária de qualquer criminoso que estiver portando fuzis, metralhadoras, lança-granadas ou qualquer arma de uso restrito, como propõe o governador Wilson Witzel.

DIREITOS HUMANOS – Contra a tolerância zero se levantam os defensores dos direitos humanos dos criminosos. Notem que os repórteres sempre entrevistam os parentes dos bandidos mortos em confronto, e eles logo alegam que a vítima era “trabalhador”. Quando admitem que era traficante, dizem que não oferecia perigo, pois nem andava armado, coisas desse tipo.

Assim, as reportagens acabam sendo publicadas a favor do crime e denunciando excessos dos policiais, como aconteceu sexta-feira passada no Rio de Janeiro, quando 13 criminosos foram mortos em operação contra o tráfico.

PROFISSÃO PERIGO – Os repórteres esquecem que hoje a profissão mais perigosa do mundo é ser PM no Brasil. Os policiais que patrulham  as ruas e enfrentam as facções criminosas, jamais sabem se estarão vivos no dia seguinte. A vida deles é uma roleta sinistra.

Com Jair Bolsonaro e Sérgio Moro, a tolerância zero está garantida, mas será uma guerra longa e desgastante, que ninguém sabe quando vai acabar. 

###
P.S. 1 – A “mão invisível do mercado” e a “maioria silenciosa” estão dando força total aos policiais na guerra contra o crime. E o defensores dos direitos humanos dos criminosos ficarão falando sozinhos. O Brasil não é a Suíça nem a Dinamarca, muito pelo contrário. Está no meio de uma guerra de sobrevivência, e não é mais possível ser complacente com os inimigos da sociedade.

P.S. 2 O grande jornalista Elio Gaspari fez neste domingo uma homenagem a Jorge Béja, ao republicar trecho do artigo do jurista, escrito aqui na Tribuna, sobre o projeto de Moro: Escreveu Gaspari em sua coluna na Folha e em O Globo: De um sábio que entende de leis: “Ao nominar o PCC e outras facções de criminosos, o ministro Sérgio Moro deu-lhes um verdadeiro CNPJ”. No caso, o sábio citado é o nosso querido amigo Béja. (C.N.)

10 thoughts on “Principal lição do genial Adam Smith terá de ser aprendida à força pelo Brasil

  1. Newton

    De que adiantam todas estas teorias, se os registros da atividade econômicas são falsos ou inexistem. No Brasil os que levam a sério este detalhe, são os Bancos. A única contabilidade feita com criterio no país é a Bancária. O resto é resto mesmo.

    São 5570 municípios sem o minimo de controle. Não existem Contadores versados em Contabilidade Pública, para controle e ordem nas contas destas entidades. Quem pensou e iniciou uma administraçao correta e calculada de administração publica, foi Carlos Lacerda.

    SMJ , um abraco.

  2. Respeito seu ponto de vista ideológico, mas fico com Adam Smith.
    Elio Gaspari é figura manjadíssima, o leme do barco dele sempre esteve virado a bombordo e sempre que leio algo dele, viro meu leme a estibordo.
    Calos Newton, vamos bater boca até destroncar a queixada e vamos varar os seculos vindouros discutindo o sexo dos anjos, vamos fazer igual aos cristãos bizantinos de Constantinopla que discutiam quantos anjos caberiam numa cabeça de alfinete, enquanto os turcos estava destruindo as muralhas da cidade, o sultão Mahamad chegou la tomou na marra.
    Enquanto verificar gente fugindo para os infernos capitalistas e não o contrário, vou continuar aplaudindo Adam, e metendo a ripa na cacunda do Karl Marx.
    É como voto, hehhehehe

  3. “Ao nominar o PCC e outras facções de criminosos, o ministro Sérgio Moro deu-lhes um verdadeiro CNPJ”.

    Mas esse “verdadeiro” CNPJ já existe!
    O Estado não pode é permanecer com a cabeça enfiada no buraco igual avestruz. Continuar ignorando os levará, muito em breve, a disputar eleições diretamente, junto aos nossos congressistas !!!

  4. “Acredito que, como teoria, o marxismo seja o ideal, mas só poderá ser aplicado quando o ser humano evoluir, se despojar da ganância e das fraquezas, tornando-se mais espiritualista e menos materialista, o que só acontecerá daqui a 5 mil anos, conforme prevê nosso amigo Antonio Santos Aquino.”
    .
    O desprezo cabal da nossa natureza de milhões de anos com a pretensão de que podemos modificá-la com as boas e velhas falsas moral de ideologias ou de religiões, que são a mesma coisa e que criminaliza aquilo que no fim das contas é que salvou a vida de bilhões de seres humanos.

    O marxismo é isso: o ódio e a inveja daqueles que se empenham em lutar e melhorar de vida com as próprias mãos conforme é da nossa natureza, em detrimento das taras morais estabelecidas por essa religião nefasta.

  5. Correção do último parágrafo:

    O marxismo é o ódio e a inveja ÀQUELES que se empenham em lutar e melhorar de vida com as próprias mãos conforme é da nossa natureza, em detrimento das taras estabelecidas por essa religião nefasta.

    • “Suspeita-se dos espertos, dos velhacos, dos farsantes; no entanto, não poderíamos atribuir-lhes nenhuma das grandes convulsões da história; não acreditando em nada não vasculham nossos corações, nem nossos pensamentos mais íntimos, abandonam-nos à nossa indolência, ao nosso desespero o à nossa inutilidade; a humanidade deve a eles os poucos momentos de prosperidade que conheceu: SÃO ELES QUE SALVAM OS POVOS QUE OS FANÁTICOS TORTURAM E QUE OS IDEALISTAS ARRUÍNAM.” (CIORAN)

  6. Ideologia política, doutrina econômica, receita de pizza…. O Brasil é a nação mais sui-generis do planeta: as fórmulas que se apresentam como paradigmas mundiais, quando aqui são concebidas, já começam tão desfiguradas, que pouco lhes restam dos traços essenciais.
    Cá, tudo é de improviso, conforme as conveniências da ratazana que estiver no controle da rédea

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *