Procuradoria soube pela imprensa que traficante Andr do Rap era um dos principais lderes do PCC

Caso chegou PGR no dia 6, mas o rgo se manifestou s no sbado

Camila Mattoso
Folha

A Procuradoria-Geral da Repblica soube pela imprensa que Andr de Oliveira Macedo era Andr do Rap, um dos principais lderes do PCC. O caso chegou PGR na tera-feira, dia 6, mas o rgo se manifestou apenas no sbado, dia 10, um dia depois da ordem de soltura. Nesse nterim, mais dois obstculos: Augusto Aras estava em viagem particular e uma pane eletrnica fez o pedido de reconsiderao da priso demorar ainda mais para chegar ao ministro Luiz Fux.

Na manh de sbado, Humberto Jacques, vice-procurador, responsvel pelo planto da PGR, avisou o presidente do Supremo que entraria o quanto antes com a medida. Aras ligou a Jacques para pedir urgncia.

ATRASO – Uma pane no sistema, porm, fez com que a petio demorasse horas para entrar no site da Corte. Pelas regras do STF, manifestaes envolvendo habeas corpus s podem ser feitas de forma eletrnica e no em papel, o que poderia ter facilitado o trmite, j que estava pronto.

Andr do Rap foi solto por volta das 11h50 da manh do sbado, segundo dados da Secretaria de Administrao Penitenciria de So Paulo. A PGR no foi ouvida antes da deciso de Marco Aurlio. O ministro justifica dizendo que esperar um posicionamento do rgo tiraria o carter de urgncia que tinha o pedido da defesa.

O Ministrio da Justia incluiu o chefe do PCC em sua lista de procurados. Nesta tera-feira, dia 13, ele tambm entrou na lista da Interpol.

11 thoughts on “Procuradoria soube pela imprensa que traficante Andr do Rap era um dos principais lderes do PCC

  1. “O ministro justifica dizendo que esperar um posicionamento do rgo tiraria o carter de urgncia que tinha o pedido da defesa.”

    O sujeito estava preso h quantos meses? E o ministro no podia esperar quatro dias pela resposta do Aras porque “tiraria o carter de urgncia”? Errou ele mais do que a Procuradoria (que tambm errou) demorando a dar a resposta. Incompetncia geral, mas no Supremo bem mais sria.

  2. Aury Lopes Jr.
    12 de outubro s 14:27
    Fux fez populismo penal, ele sempre gostou de corresponder a?s expectativas sociais. Quando decidiu contra a lei da ficha limpa, em nome da presunc?a?o de inoce?ncia, os amigos do vo?lei viraram a cara pra ele, sua ma?e ficou com vergonha das amigas.. Depois disso ele aprendeu que o melhor era decidir de forma populista, ainda que esse na?o seja o papel de um juiz. O art 316 e? muuuito claro e representou um grande avanc?o no controle do prazo razoa?vel da prisa?o cautelar. Ainda na?o temos um prazo ma?ximo de durac?a?o da Prisa?o preventiva na lei, mas o dever de revisar a cada 90 dias ja? era um avanc?o. E a lei e? muito clara: tem que revisar, sob pena de ilegalidade da prisa?o. Enta?o, Marco Aure?lio fez o que se espera de um juiz diante de uma violac?a?o da lei, o?bvio. O problema, sempre diz Lenio, e? que no Brasil ser legalista e cumprir a lei, respeitando direitos e garantias, virou um ato subversivo… Sabe quando um presidente do STF cassaria a decisa?o monocra?tica de outro ministro do STF para garantir a liberdade? Nunca. Mas para garantir a prisa?o pode. Eu tenho um HC de re?u preso cautelarmente ha? 7 anos, que esta? parado no gabinete de um ministro, que na?o julga. Ja? impetrei varios HCs pela violac?a?o do prazo razoa?vel. Em todos a mesma decisa?o: na?o se conhece HC contra ato monocra?tico de um ministro. Ministro do STF na?o cassa decisa?o de outro, salvo se for para prender… ai? pode. Ahh mas o re?u e? perigoso, e bla?bla?bla?.. Bom, regras do jogo, como o dever de revisar, sa?o para todos. Ou na?o? E? a la carte? Lo?gica Fux? Vale a regra ou vale tudo?

  3. O que mais me revolta a pretenso de homens comuns se dirigirem uns aos outros com o tratamento de Vossa Excelncia. Era s o que faltava para afrontar o cidado. Tomem conscincia da insignificncia do que vocs realmente so – uns normais, como todos os mais.
    Alm disso no conseguem se expressarem sem o vcio do jargo deselegante e enjoado do ofcio.
    Os engenheiros e mdicos (para ficar em 2 exemplos) tambm tm as buzzwords dos seus campos, mas as evitam para no se tornarem autmatos sem imaginao na expresso do seu saber.
    No mais, tudo bem: Bolsonaro continua pastando, as rachadinhas rachando e os bandidos sendo soltos pelos companheiros.

  4. Todos tem uma parcela de culpa. E a bandidagem muito bem assessorada por excelentes advogados Tiram vantagem.
    Mas a maior culpa tem o MPF que apesar de ter uma invejvel folha de pagamento, NO trabalha! Se o cara bandido conhecido, chefo mesmo, 90 dias, so 3 longos meses para concluir todo o processo e enviar o caso etapa seguinte.
    Mas se o investigado ainda um iniciante, sem antecedentes, a at poderia justificar um pedido de maior prazo p investigao. O culpado maior o MPF.

  5. nisso que d botar qualquer Z Man no STF. Isso tem que mudar: tem-se que tirar do presidente esse poder e deixar para os rgos da rea escolher o que melhor preencher as qualificaes.
    Afinal, convenhamos, o que se espera da escolha de um Collor e um Bolsonaro e um Lula – s o pior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.