PT está no vermelho e não tem como devolver R$ 19,4 milhões gastos por Lula

Resultado de imagem para pt sem dinheiro

Charge do Simanca (Arquivo Google)

Rayanderson Guerra
O Globo

A procuradora-geral Eleitoral, Raquel Dodge , pediu nesta sexta-feira que a coligação  O Povo Feliz de Novo , que teve Fernando Haddad (PT) como candidato à Presidência, devolva ao Fundo Partidário os valores gastos para financiar a campanha presidencial enquanto o ex-presidente Lula figurou como candidato. O pedido foi feito na ação que analisa as contas de campanha apresentadas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pela coligação.

De acordo com Dodge, parte do dinheiro público foi utilizado “indevidamente e representa gastos ilegais, uma vez que — como já havia sido condenado em segunda instância — Lula sabia que era inelegível e assumiu o risco ao requerer o registro de candidatura”. A coligação informou que no período em que o ex-presidente encabeçou a chapa presidencial foram gastos R$ 19,4 milhões do Fundo Especial de Financiamento de Campanha.

JUROS E CORREÇÃO – A procuradora-geral pediu que o valor utilizado no período em que Lula era candidato seja restituído com juros e correção monetária. O objetivo da medida, segundo a PGE, é evitar que recursos públicos sejam utilizados por candidatos “manifestamente inelegíveis”.

No documento, a Procuradoria diz que são passíveis de devolução os valores dos fundos usados “para promoção político-eleitoral direta e indireta”. De acordo com a PGE, o dinheiro gasto com o deslocamento, com os eventos do então candidato a vice-presidente, Fernando Haddad, despesas com telefonia, pesquisas e testes eleitorais são considerados como “utilização indevida” de recursos do fundo. Para a procuradora-geral Eleitoral, a obrigação de restituir os recursos é evidenciada “pelo fato de que a campanha ilegal foi prorrogada o máximo possível: somente no último dia de prazo recursal foi solicitada a substituição de Lula”.

HOUVE MÁ FÉ – Dodge ainda sustenta que houve má-fé por parte de Lula ao concorrer ao cargo. Para a PGE, o pedido de registro de candidatura teve efeito apenas protelatório. O ex-presidente já estava preso, cumprindo pena pela condenação em segunda instância, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

O objetivo, segundo Raquel Dodge, era manipular os eleitores pela eventual continuidade do futuro candidato substituto e viabilizar o gasto desnecessário de verba pública. O entendimento é de que tudo foi feito “em prejuízo da isonomia entre os candidatos, da normalidade e legitimidade do pleito e da salvaguarda do erário, bem como do exercício consciente do sufrágio”.

Raquel Dodge também destaca que os atos de campanha, como a caravana feita pelo interior do país na pré-campanha, não “o exime de responsabilidade” pelo gasto de verbas públicas. “Tornar legítimo o dispêndio de verbas públicas com a candidatura ilegal seria solapar de vez o princípio republicano e criar inédita hipótese de irresponsabilidade na gestão de verbas públicas”, enfatiza a Procuradoria.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Acontece que o PT não tem dinheiro para pagar a campanha de Lula. Acabou o primeiro turno com déficit de mais de R$ 4 milhões e pediu que militância colaborasse. Agora, vai ficar difícil fazer uma vaquinha de quase R$ 20 milhões. Não tem fidelidade partidária que aguente. Mas não há problema. A Justiça Eleitoral é uma mãe joana, muito tolerante, e o PT vai pagar com dinheiro do próprio Fundo Partidário. Ou seja, quem pagará a multa do PT somos nós os contribuintes. (C.N.)

11 thoughts on “PT está no vermelho e não tem como devolver R$ 19,4 milhões gastos por Lula

  1. RENDIÇÃO POLÍTICA: Aderindo à onda das privatizações sob a ótica de maior fluxo de caixa, Haddad pisa tão leve sobre o lombo do governo Bolsonaro que até soa como massagem. Não é por menos que cita como exemplo a primeira fase do período Fernando Henriqeu Cardoso, quando sob liderança de Lula as bancadas petistas amaciavam votando a favor de medidas pra lá de entreguistas e conservadoras como aquela famigerada Lei de Patentes, que abriu o país à indústria farmacológica internacional abdicando da oportunidade de produzirmos aqui em larga escala os medicamentos mais sensíveis à saúde da população. https://politica.estadao.com.br/noticias/geral,em-ny-haddad-diz-que-brasil-pode-crescer-com-governo-liberal-de-bolsonaro,70002627762?utm_source=facebook%3Anewsfeed&utm_medium=social-organic&utm_campaign=redes-sociais%3A112018%3Ae&utm_content=%3A%3A%3A&utm_term&fbclid=IwAR017LmTFhAtE69Cjcv2wHeLklUnmg_W3SMIOHxJI1yhH3YHlIv6XMBzXHs

    • Me corrija se eu estiver errado ou esquecido, pelo que me lembro o Brasil quebrou a lei de patente, para podermos fabricar aqui os remédios para a AIDS, e o gov da época brigou e ganhou nos órgãos internacionais, me lembro que tudo que o gov fazia o pt era contra mesmo que fosse bom, lembro também que no final do gov do fhc teve votação da lei do cheque o cpmf, e o pt foi contra, e uma das primeiras coisas que o lula fez foi voltar com a cpmf, ou eu tô embaralhando as lembranças poque já tomei umas.

  2. Qualé? Como não tem dinheiro? Bom lembrar que o beiçudo do STF, quando apenas os petistas estavam sob a vara da lava-jato e enquanto os corruptos do PSDB não estavam, ainda, na berlinda, ele, o magnânimo laxante – que solta tudo que é merda -, declarou que o PT tinha dinheiro para manter-se no poder até 2032. Confira: http://g1.globo.com/politica/noticia/2015/09/para-gilmar-mendes-pt-tinha-plano-perfeito-para-se-eternizar-no-poder.html

  3. Basta uma mochila do Vaccari para pagar essa dívida. Sem essa, o PT roubou centenas de milhões. Talvez eles estejam em Cuba ou em algum país da África ou no norte, norte da Suiça! (imitando Juca Chaves)

  4. Acho curiosa essa ação seletiva.
    A PGR e o Ministério Público Eleitoral por acaso atuaram requerendo a devolução de centenas de outros políticos que tentaram elegerem-se e foram, depois, barrados?Rajada nesses vermes que só querem treta.

  5. Os crimes aumentam e as penas continuam as mesmas, tem que esse cara ir para o regime fechado e com visitas semanais como qualquer preso, ele e seus “iguais dos 3 Podresres” praticaram Crimes contra a Humanidade !!! E o TSE em cima de Bolsonaro com “aprovaçao de contas com ressalvas” ! E lula sem pagar é o quê senhores do TSE ???

  6. É claro que o pêtê tem dinheiro – dos outros, é óbvio – lá fora, naturalmente. Depois do mensalão os políticos larápios só deixam trocados no Brasil – para passar a impressão que estão durangos – mas no exterior a burra está cheia, estufada mesmo. Basta a Lava Jato repatriar aqueles trinta dinheiros… digo, milhões – daquela conta que o Ode Bretch abriu pro Nine – que ainda sobrará pra outras multas. Ô corja de vagabundos endinheirados! E a receita dormindo em berço explêndido… Só pega pé rapado.

  7. Há muito este partido deveria ter sido extinto. Está na lei que receber recursos externos é crime com extinção do partido. E quantas provas mais será preciso para que se cumpra a lei?

  8. Boa noite , leitores(as):

    Lembrete , a fatura deveria ser enviada e cobrada dos juízes do “TSE – TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL” ,pois foram eles quem liberaram à candidatura e recursos públicos financeiro para o condenado ,com o agravante do judiciário e polícia federal de Curitiba permitirem que o condenado de transformasse sua prisão em escritório politico/eleitoral .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *