PT passa por uma situação catatônica

Heron Guimarães

Após reunião com deputados e ministros do Partido dos Trabalhadores no início da semana, Lula começou a colocar em prática a estratégia de se reaproximar do povo e “ajudar” Dilma Rousseff a sair do buraco em que se meteu. Diferentemente do que dizia antes da viagem da presidente aos Estados Unidos, em sua última aparição pública, quando palestrou para petroleiros, o líder petista não atirou contra o plano econômico do governo e praticamente soletrou aos companheiros o que a sua colega deve fazer a partir de agora.

“Colocar a cabeça no colo do povo e dialogar”. O conselho de Lula, paternal por natureza, chega a ser carinhoso e afável, mas, na real, não adianta muito, pois relativiza em demasia o terrível momento pelo qual passam o país e o seu partido.

Lula fala o que deve ser feito, mas não mostra como deve ser feito. Vagamente, sugere a Dilma que coloque os pés na rua e leve seu ministério a tiracolo, mas se esquece de que não estamos mais nos saudosos anos de seu governo, quando, apesar das denúncias do mensalão, tinha bala na agulha para agradar à população, sobretudo a mais carente.

VAI SE ATOLAR MAIS…

Se Dilma puser o pé na rua, corre o risco de se atolar ainda mais. Suas palavras não são claras o suficiente, e tudo o que ela anda dizendo tem somente acentuado a percepção de que temos uma presidente atordoada e sem rumo.

Queira ou não assumir, o PT passa por uma situação catatônica, em que seu maior capital político, o povo, está se desvalorizando rapidamente. Esse pacto, que esteve fortalecido por mais de uma década, está agora sendo desfeito, e isso não está acontecendo por causa das infinitas denúncias de corrupção.

Em tese, algo muito simples de se entender transforma o conselho de Lula em palavras ao vento. O custo de vida e o desemprego aumentando, ao mesmo tempo em que o poder de realização material da sociedade diminui, impedem que Dilma coloque a cabeça no colo do povo, como quer o padrinho. Com a despensa vazia, o povo não lhe dará esse colo de que ela tanto precisa. E o mundo real é constituído por Eduardo Cunha e seu PMDB, uma oposição fortalecida, uma Polícia Federal atroz e uma Justiça propícia a condenar.

IR PARA A RUA?

Não é mais como era antigamente. Talvez tenha chegado o momento de o PT enfrentar suas celeumas de uma maneira diferente. Ir para a rua, claro, mas negar o que é óbvio só piora.

As evidências, surgidas dia após dia, mesmo que sejam frutos de “vazamentos seletivos”, como reza o mantra petista, estão aí, ao alcance de todos. Serão elas que tornarão qualquer entoada da presidente e de aliados perigosamente vulnerável. Lula também torce para Dilma não perder a tranquilidade. Para que sua estratégia obtenha êxito, é melhor pedir a Deus que a paciência de nossa população continue sendo de Jó.

5 thoughts on “PT passa por uma situação catatônica

  1. ENTRE TANTOS MOTIVOS PELO QUAL O PT TEM QUE SER VARRIDO DO BRASIL EU CITO 3:
    1º Motivo – Veio como o partido salvador da pátria, o partido da ética, o partido anticorrupção e trabalhador.
    Seu governo foi REPROVADO neste quesito, pois provou ser um partido sem ética, o mais corrupto da história do Brasil e em vez de salvarem o Brasil eles estão salvando seus próprios bolsos.

    2º – Por ser um governo com tendência socialista e querer nos transformar numa Venezuela e futuramente em uma Cuba. Além do mais não existe como exemplo a seguir nenhuma nação socialista/comunista próspera e inserida no clube dos países desenvolvidos, os chamados de 1º Mundo.
    Também, para o bem da nação, neste quesito seu governo tem que ser REPROVADO. Temos como exemplo 100 milhões de mortos causados por esta seita maldita.

    3º – O governo petista além de corruto mostrou ser governado por pessoas incompetentes. No partido do PT não existem mentes brilhantes. Por não terem um grande economista eles pegaram um do 3º escalão do Bradesco.
    Também, para o bem da nação, neste quesito seu governo tem que ser REPROVADO. A Dilma não tem competência alguma para governar uma nação deste porte. Vê-se agora que ela não sabe como contornar essa baita crise que está nos assolando.

    Estes (acima) são em minha opinião os três motivos.
    Acrescento mais outro: Essa sua insistência (que graças a Deus não vai acontecer) em se perpetuar no poder por 20 ou mais anos. O Roberto Jefferson falou que a motivação dos 2 GRANDES escândalos O Mensalão e Petrolão era financiar o PROJETO DO PT PARA SE PERPETUAR NO PODER.

    MENTES BRILHANTES NO PT? SERÁ QUE TEM? DESCOBRIRAM QUE A DILMA NÃO TEM DOUTORADO EM ECONOMIA. E O MERCADANTE?
    O Aloísio Mercadante (que eu pensava ser um grande economista e seria ministro da fazenda no governo Lula) em um debate da campanha ao governo de São Paulo em 2006 disse que fez mestrado e doutorado em economia na Unicamp. Logo logo descobriram que ele tinha mentido. Foram buscar as informações na universidade e lá descobriram que o mesmo acompanhou algumas aulas do doutorado. Como não apresentou a tese, foi desligado do programa.
    Anos depois, em 2010, lá foi ele apresentar sua “tese de doutorado” na Unicamp.
    E claro, para defender sua tese ele usou como tema a economia no governo Lula. Deitou falação em defesa das conquista do governo Lula, como se tivesse em palanque e como sempre criticando o governo FHC.
    Na banca examinadora estava Delfim Netto, João Manuel Cardozo de Mello, Luiz Carlos Bresser Pereira e Ricardo Abramovay.
    Delfim Netto, professor titular da USP, deu o primeiro freio à pregação petista. “Esse negócio de que o Fernando Henrique usou o Consenso de Washington… não usou coisa nenhuma!, disse, arrancando gargalhadas. “Ele sabia era que 30% dos problemas são insolúveis, e 70% o tempo resolve.” Irônico, Delfim evocou o cenário internacional favorável para sustentar que o bolo lulista não cresceu apenas por vontade do presidente. “Com o Lula você exagera um pouco, mas é a sua função”, disse. “O nível do mar subiu e o navio subiu junto. De vez em quando, o governo pensa que foi ele quem elevou o nível do mar…”
    Repito o que o Delfim Neto falou: “O nível do mar subiu e o navio subiu junto. De vez em quando, o governo pensa que foi ele quem elevou o nível do mar…”

    É o que sempre comentei com os defensores do PT: Forças externas nos empurram pra frente.
    Nosso país sempre andou parado em relação às nações desenvolvidas.
    Vivemos na inércia, como um corpo em repouso. De repente uma força resultante age sobre este corpo incompetente e preguiçoso nos dando um empurrão, só assim nos desenvolvemos mais um pouquinho.
    O “dono” do Blog Tribuna da Internet costuma falar que o Brasil só cresse à noite, pois é quando os políticos estão dormindo.

    Não que eu pense que a Dilma seja incompetente devido não ter doutorado. Com ou sem, ela não tem cacife algum para governar esta nação. Só está aí porque Lula o colocou. Foi reeleita devido à popularidade do seu criador e com ajuda da maioria dos votos das pessoas menos instruídas deste país.
    O John Major, não fez frequentou a Universidade e foi primeiro ministro britânico. A bem da verdade ele não fez um bom governo e perdeu as eleições para o Tony Blair. MAS se bom ou ruim ele governou um país de gente culta e como foi fraco (não tão quanto o governo Dilma) o povo lhes tirou do poder.

  2. A empáfia do boquirroto. Imagina que tem conselhos a dar, quando ele é o grande culpado da situação crítica que vive o país. Mas sua máscara já caiu. Somente tolos (ainda temos o suficiente) lhe dão algum crédito.

  3. Prezado Sr João Souza

    Concordo com os motivos apresentados para que os brasileiros avaliem se querem permanecer neste modelo PTista.

    Em relação à ausência de “mentes brilhantes” no PT, volta e meia me pergunto: Como pudemos ter um presidente que, por seu nível de escolaridade, não poderia fazer concurso para gari? Deixo claro que não vai aqui nenhum preconceito em relação à essa briosa e importante classe trabalhadora. O que me faz desprezar o Lula como homem público e como líder de uma nação é o fato dele se orgulhar de não ter estudado e de dizer que “ler é muito chato”, além, obviamente, de tratar-se de um mentiroso e corrupto, conforme os fatos estão a comprovar. Espero que os que pensam o contrário não venham dizer que Mujica fez um bom governo no Uruguai. O Brasil não se compara ao Uruguai em nada, a não ser pelo fato de estar na América do Sul.

    Ratifico que a incompetência da Dilma não tem relação a ela não ser doutora, pois, se formação acadêmica “top” resolvesse tudo, depois de 8 anos de FHC teríamos nos tornado potência. É inaceitável uma nação da importância do Brasil ter como mandatária uma pessoa que não possui clareza de ideias, que não consegue falar “sujeito – verbo – predicado”, e que não tem capacidade nem para ser gerente de um pequeno negócio.

    O pior, insisto mais uma vez, é que a grande massa da população, aquela capaz de decidir um eleição, não enxerga isto.

  4. OS PETRALHAS ESTÃO QUERENDO VIR PARA AS RUAS?
    POIS QUE VENHAM DE PREFERENCIA COM O MULLA 9 DEDOS E COM A ANTA PRESIDANTA!
    JÁ ESTAMOS DE TACAPE E BORDUNA ESPERANDO-OS!
    PODEM VIR QUENTES QUE NÓS ESTAMOS FERVENDO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *