Reforma política com intimidações e o infame VOTO EM LISTA

Helio Fernandes

Apesar de terem dito, “o trabalho de modificar a votação, está pronto”, fizeram apenas a maquiagem que serve aos “líderes” dos maiores partidos. Só que completaram (?) apenas o arcabouço, falta todo o resto.

O mais importante para a cúpula do PT e do PMDB. O infame VOTO EM LISTA, FOI APROVADO. O que é isso? Simplesmente o cidadão deixará de votar em nomes, votará em partidos. Como estes não existem, são apenas fantasmas, aumentarão a restrição da representatividade.

Reduzindo e traduzindo: os deputados que não têm votos, serão colocados na FRENTE DA LISTA e “ganharão” sem precisarem de votação. (Como aconteceu sempre com Michel Temer, que ficava em ÚLTIMO LUGAR. Ou como aconteceu em 2006: não se elegeu, um deputado foi cassado, ele assumiu, ganhou o título, o lugar e o prestígio de deputado. Com todas as irregularidades).

***

O INSACIÁVEL GAROTINHO S/A

Deputado federal, que se candidatou apesar de estar I-N-E-L-E-G-Í-V-E-L, quer tudo e ainda mais. Vejam o que ele controla. 1 – A mulher, prefeita de Campos. 2 – O primo, vice-prefeito, também de Campos. 3 – O irmão, presidente da Câmara de Vereadores do importante município. 4 – O filho, presidente do PR. 5 – A filha, deputada estadual.

Agora, apesar de não votar com a base, quer nomear outro primo, Elias Assed, superintendente do DNIT no Rio. Que República.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *