Repórter do Estadão acertou em cheio, ao prever o resultado da votação no Supremo

Carlos Newton

Impressionante a precisão do repórter Felipe Recondo, da Sucursal do Estado de S. Paulo em Brasília. Na véspera da votação, ele escreveu o seguinte:

BRASÍLIA – Por maioria apertada, o Supremo Tribunal Federal (STF) deve garantir ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) o poder de abrir investigações contra magistrados suspeitos de irregularidades, segundo prognósticos que os próprios ministros da Corte Suprema fizeram nesta terça-feira, 31, ao Estado.

Não deu outra. O placar foi de 6 a 5, mais apertado do que isso, impossível.

Parabéns ao jornalista. Arriscou um prognóstico em julgamento tão polêmico e disputado, e acertou na mosca, como Helio Fernandes sempre fez, em relação às questões no Supremo.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *