Revista britânica considera François Hollande ‘perigoso’ para a Europa

A agência France Presse revela que a eleição de François Hollande como presidente da França seria negativa para o país e para a Europa, segundo a influente revista britânica The Economist, que chama o candidato socialista de “perigoso” na capa.

Em um editorial mordaz, a revista destaca que se tivesse a oportunidade votaria no atual presidente conservador e candidato à reeleição, Nicolas Sarkosy, no segundo turno de 6 de maio, “não tanto por seus méritos, mas para manter Hollande fora”. O texto também ressalta a necessidade de reformas na França.

O editorial explica que Hollande pretende elevar impostos, reconhece o mérito do candidato enfrentar a dura austeridade defendida pela Alemanha que coloca em perigo a recuperação da Eurozona, mas considera que ele faz isso por motivos equivocados.

O deputado socialista Michel Sapin, coordenador do programa presidencial de Hollande, respondeu  em uma entrevista à rádio Europe 1 que a revista é “conhecida” por ser “antifrancesa e antissocialista” e preferiu recordar o jornal Financial Times, que destacou a necessidade de promover o crescimento na Europa, como defende o socialista.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG – Nas pesquisas, o socialista Hollande mantém grande vantagem sobre Sarkozy e promete equilibrar os gastos e o crescimento do país, enquanto Sarkozy assusta o próprio partido com uma estratégia em direção à ultradireita, racista e reacionária.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *