Sarney: discurso de posse repetido insensatamente

Hoje, às 11 horas, Cristovam Buarque encerrava o trabalho (?), começava o recesso, já não aparecia mais ninguém. Imediatamente, por ordem do próprio Sarney, começava a repetição do seu discurso de posse.

Sarney dizia: “É a terceira vez que ocupo esta presidência, por CONVOCAÇÃO de meus companheiros”. E continuou nessa linha, sem qualquer veracidade ou credibilidade, apenas a idéia de relembrar, “TIVE 49 VOTOS”.

Teve mesmo, hoje não tem nem 20. E ninguém esquece. Além do próprio Sarney, são acusados: filhos, netos, noras, sobrinhos e apaniguados. E não existe qualquer possibilidade de Sarney permanecer, sem o APROFUNDAMENTO da crise. (Exclusiva)

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *