Se Celso de Mello quiser processar Jair Bolsonaro, já existem provas mais do que suficientes

Celso de Mello será submetido a cirurgia e ficará afastado até 19 ...

Celso de Mello deve anunciar a decisão sobre o vídeo nesta sexta

Carlos Newton

Não é preciso ser nenhum gênio para concluir que Jair Bolsonaro não serve para governar. Até agora, com quase um ano e meio de governo, ainda não fez praticamente nada, o que se viu foi pouquíssima coisa em benefício do povo brasileiro. A meu ver, a decisão mais importante do governo foi impedir as manobras para recriar o Imposto Sindical Obrigatório. De resto, não cumpriu nem mesmo a promessa de permitir que cada cidadão pudesse ter uma arma em casa, para defender a família.

A reforma da Previdência foi um retrocesso, pois tornou-se destrutiva para a classe média e manteve os privilégios das elites da nomenklatura civil e militar. Além disso, a permanente campanha que o ministro Paulo Guedes faz contra o servidor público é odiosa, improcedente e canalha, precisa acabar.

COMBATE À CORRUPÇÃO? – Os fanáticos por Bolsonaro costumam dizer que o grande diferencial está na ausência de corrupção. Mas nem isso se aproveita, porque Bolsonaro não moveu uma palha para aprovar o Pacote Anticrime de Sérgio Moro e não vetou os absurdos da Lei de Abuso de Autoridade (“Só faltei implorar”, disse Sérgio Moro). 

O pior foi ter assistido, impassível, à manobra do Supremo para libertar Lula, quando deveria ter enviado imediata mensagem ao Congresso para restabelecer a prisão após segunda instância.  Teve de se omitir por causa dos filhos, aos quais ensinou a prática das rachadinhas e agora não tem como voltar atrás.

E omais paradoxal é ter à frente da economia um personagem como Paulo Guedes, que até hoje não foi depor na Procuradoria-Geral da República sobre as os crimes de que é acusado oficialmente pela Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) pelos golpes que aplicou nos fundos de pensão.

CONJUNTO DA OBRA – Já está mais do que provado que o governo de Bolsonaro fracassou. O conjunto da obra é péssimo, ele está claramente usando as Forças Armadas para se perpetuar no poder, como se os militares fossem capazes de apoiar um falso líder tão desqualificado.

Agora, seu futuro está nas mãos do ministro Celso de Mello. Com os depoimentos desta quarta-feira, ficaram confirmados dois vazamentos da Polícia Federal ao então assessor Fabricio Queiroz e ao deputado estadual Flávio Bolsonaro. Também está provada a insistência de Bolsonaro interagir com a PF em benefício de filhos e aliados. Aliás, essa “interferência” foi justificada pelo próprio Bolsonaro, em pronunciamento à nação.

Bem, caso Celso de Mello não encontre provas para incriminar Bolsonaro, é melhor que todos se mudem logo para um país mais sério, como o Paraguai, onde as leis e os cidadãos são respeitados.

###
P.S. –
Pode ser que em algum outro país possa haver reunião ministerial com o baixo nível registrado no Brasil, mas é difícil imaginar algo semelhante. Ao assistir o vídeo, Celso de Mello ficou estarrecido. Pode-se acusá-lo de quase tudo, mas não há a menor dúvida de que se trata de um homem muito educado. Vamos aguardar a reação dele. (C.N.)

24 thoughts on “Se Celso de Mello quiser processar Jair Bolsonaro, já existem provas mais do que suficientes

  1. Boa parte do Brasil já reconheceu que Bolsonaro cometeu um estelionato eleitoral. Afinal está governando com o cometimento de crimes, comprando apoio dos políticos mais imundos deste país, aparelhando o Estado como nunca se viu, e agindo como um GENOCIDA perante a pandemia de Covid-19.

    Celso de Mello tem agora a competência de desvelar muitos dos crimes absurdos desse psicopata bandido na presidência.

    Penso que o decano do STF não fugirá de suas responsabilidades.

  2. O gado alieado seguidor do bolsonarismo está desesperado, e batendo cabeça por aí sem saber mais como defenter o “mito de merda”. Recebe o tempo todo capim estragado, do gabinete do ódio de dentro do Planalto, sob a forma das fake news mais ridículas.

    Hoje Celso de Mello vai revelar um pouco mais sobre esse bandido, ex-militar vadio que saiu do exército com desonra, onde praticara atos terroristas.

    O presidente facínora compra bilionário apoio do chamado centrão, protagonizando uma vergonha nunca vista no Brasil, para ver se arregimenta apoios de última hora.

    Mas não vai colar! Está chegando o melancólico “último baile da Ilha Fiscal” desse lixo humano na presidência chamado Jair Bolsonaro!

  3. Para avacalhar Bolsonaro é boa pedida aplaudir Celso de Mello.
    Celso de Mello para presidente!
    Se Fernandinho Beira Mar esculachar Bolsonaro é outra boa pedida.
    Fernandinho Beira Mar para presidente!

  4. Esses velhotes da TI estão todos gagá. Falam coisas sem veracidade , sem lógica , sem racionalidade e sem moral. Estão todos vendidos e agrupados no esquema do mecanismo nacional. Perderão para variar. Vão engolir o Bolsonaro até 2026, simples assim. Será um deleite.

    • Como (?) Está sonhando (!)

      Bolsonaro, teve 55,13% dos votos válidos: 58 milhões de votos.

      Juntando os outros 44,87% votos válidos (no Haddad) ao total de brancos, nulos e abstenções, são 89 milhões de eleitores que não votaram em Bolsonaro.

      Conheço muita gente que mostrava sinais se idolatria durante a campanha e na primeira metade do mandato que foi aos poucos tomando um choque de realidade do seu mito e querem vê-lo fora, aceitam o impeachment.

  5. O “juiz de merda” ficou estarrecido por conta de algum palavrão numa reunião … eu estou estarrecido com a desfaçatez criminosa do STF em libertar bandidos, inclusive chefes do crime organizado.
    Disso, esse urubu togado não se envergonha.

  6. Realmente LAMENTÁVLE a TI virou a comparsa da #globolixo.
    Os golpistas de hoje são o esgoto da politica nacional. Querendo derrubar um presidente eleito.
    SÓ FALTA AGORA ACUSAR DE CORRUPTO.

  7. Sr Juca Valo votei no Bolsonaro para não ver mais o que estou vendo hoje; então, continua tudo como “Antes nas Terras de Abrantes”.
    Boa tarde.
    PS1: Não espero nada do ministro Celso de Mello.
    PS2: Quando o Bolsonaro fez o “pacto com os demônios” se entregou e entregou seus eleitores e quem confiou nele para as piores decepções.

  8. #INTERVENÇÃO DO 142 JÁ!

    Pessoal parece que ainda não entendeu a vantagem do protocolo interventivo total do 142. Com essa intervenção completa, remove-se o sistema e todos os sistemistas corruptos privilegiados, elabora-se junto com as Forças Armadas nova Constituição, blindada a modificações a não ser pelo mesmo procedimento que a criar, ministra-se ao povo gratuita e obrigatoriamente curso completo, conciso e inteligente do que interesse a ele povo de civilidade e de cidadania, e uma vez concluídos curso e nova estruturação legal brasileira, reinicia-se a vida da Pátria, com a saudabilidade da moralidade, abrindo-se eleições gerais, igualitárias e com os candidatos que se apresentarem, todos com as mesmas oportunidades de exporem suas ideias e projetos. Entre as coisas a se cogitar com atenção, nessa nova estruturação, pena de morte para corrupção. Fica-se em rios de escritos falando em petismo, em comunismo, em venezuelização e o escambau, para manter-se, ignorante ou corruptamente, essa curralização polarizada entre o que não se deseja mais e o Bolsonaro, que também é corrupto privilegiado de carteirinha e declarado, quando na verdade o que temos é de abrir frentes com a intervenção, para que venham candidaturas novas e ainda não comprometidas, no novo sistema legal rígido, para que não se faça por medo das consequências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *