Se o comunismo conseguiu manter na miséria metade da Alemanha por 44 anos…

Resultado de imagem para COMUNISMO CHARGES

Charge do Duke (dukechargista.com.br)

Percival Puggina

Os venezuelanos pedem socorro. Não, não são todos. Lá, como em quaisquer regimes totalitários, graças à fé doentia nas lideranças revolucionárias ou aos favores que recebe ou espera receber do Estado, parte considerável da população está alinhada com a ditadura. Os que a ela resistem se defrontam com as forças militares e com as milícias armadas pelo regime.

Pobre povo venezuelano! Foge pelas fronteiras e conta mortos nas ruas. Tudo se passou como se uma velha garrafa jogada do malecón habanero em meados do século passado, houvesse atravessado o Mar das Caraíbas, arribado no pedregoso litoral venezuelano e ali se quebrado, espargindo uma torrente de maldições semelhantes às que se abateram sobre Cuba. Sim, porque quase tudo na Venezuela segue o funesto ritual cubano: crescentes restrições às liberdades políticas, manipulações eleitorais, cerceamento da oposição e prisão de dissidentes, intervencionismo estatal, tabelamento de preços, sucateamento do parque produtivo, escassez. E, desde 2013, a versão bolivariana, eletrônica, da libreta de racionamento.

RACIONAMENTO – Quando a libreta de racionamento começou em Cuba, no ano de 1963, foi muito mal recebida pela população. Era uma forma de proporcionar, a um povo que empobreceu rapidamente após a revolução, alimento subsidiado em quantidades mínimas. Passados 54 anos, o Estado cubano continua se apropriando da totalidade da renda nacional e remunerando a população em servidão com salários mensais que apenas compram três quilos de leite em pó.

A libreta se adelgaçou a menos da metade do conteúdo original, mas os cubanos reagem às propostas para extingui-la, porque “con la libreta nadie puede vivir, pero sin la libreta hay mucha gente que no puede vivir”.

Diferentemente de Cuba, a Venezuela era rica, petroleira, membro da OPEP. O comunismo, que afundou a economia cubana em três anos, levou 17 para arruinar o país. Mas nada é impossível a esse ogro político-ideológico. Se o comunismo conseguiu manter na miséria metade da Alemanha durante 44 anos, não seria uma republiqueta bolivariana que haveria de resistir a seu poder de destruição.

FAMÉLICOS – Os venezuelanos estão famintos. Matéria da United Press International em fevereiro deste ano informou sobre uma pesquisa desenvolvida por três universidades venezuelanas (Universidade Central da Venezuela, Universidade Católica Andrés Bello e Universidade Simão Bolívar). Os resultados foram assustadores! Em meio à crise de alimentos e medicamentos, a população perde peso em proporções alarmantes. Um milhão de estudantes abandonaram a escola.

Por quê? Blackouts, greves, fome. A renda de 82,8% dos venezuelanos os classifica como em estado de pobreza. O FMI estima que a inflação do país atingirá 1600% no corrente ano e a Comissão Econômica da ONU para a América Latina e o Caribe avalia uma redução de 4% no PIB nacional.

Matéria do El Nacional do dia 16 de agosto passado mostra que se repete na Venezuela um fenômeno generalizado no comunismo: até as vacas param de dar leite e a população apela para éguas e cabras. A falta desse produto agrava a mortalidade infantil por desnutrição e doenças digestivas.

INSENSIBILIDADE – Nesse cenário é impositivo perguntar: para onde se deve mover a sensibilidade de uma pessoa com senso de justiça e humanidade? Claramente, é o sofrimento da população que nos deve condoer. Em instância mais remota, será a ruína de um país vizinho e sua tragédia perante a história. Mas, para isso, é preciso ter senso de justiça e humanidade.

Os dirigentes e militantes dos nossos partidos de extrema esquerda (PT, PCdoB e PSOL) olham para a realidade venezuelana e, entre o sofrimento da população sob seu governo comunista, ficam com o governo, apoiando-o para que ponha mais lenha no braseiro do inferno que criou.

15 thoughts on “Se o comunismo conseguiu manter na miséria metade da Alemanha por 44 anos…

  1. O comunismo não deu certo nem na União Soviética, mesmo após 74 anos (1917-1991) adotando este regime.

    Lista de Estados Comunistas atuais

    Os seguintes países unipartidários cujo partido segue oficialmente a doutrina marxista-leninista.

    1- China República Popular da China; (desde 1949); Partido Comunista da China.
    2- Coreia do Norte República Popular Democrática da Coreia; (desde 1948); Partido dos Trabalhadores da Coreia.
    3- Cuba República de Cuba; (Revolução Cubana em 1959, estado socialista declarado em 1961); Partido Comunista de Cuba.
    4- Vietname República Socialista do Vietname; (desde 1945 no Norte, desde 1976 após a unificação); Partido Comunista do Vietnã.
    5- Laos República Democrática Popular de Laos; (desde 1975); Partido Popular Revolucionário do Laos.
    6- Transnístria República Moldava da Transnístria; (desde 1990).

    • Alguém disse e não me lembro quem:
      O comunismo é um regime político/administrativo tão bom, mas tão bom, que só funciona com ditadura e de partido único, tendo como método de cooptação dos opositores o expurgo e a execução em massa.

  2. PT x PT. Nem a oposição foi tão contundente

    O governo petista fez um duro ataque à política da ex-presidente Dilma Rousseff para o setor de energia, em recurso apresentado ao Supremo Tribunal Federal na tentativa de barrar o leilão das usinas da Cemig pelo governo federal. O leilão está programado para o final deste mês. No recurso a Advocacia-Geral do Estado (AGE) de Minas acusa o governo Dilma de ter sido eleitoreiro ao mudar as regras do sistema elétrico brasileiro por meio da Medida Provisória (MP) 579. “Puro engodo”, critica o governo mineiro Com essa MP, Dilma buscou reduzir o custo de energia no Brasil, mas acabou provocando uma desorganização do setor com custos para os consumidores e o Tesouro Nacional. Além de amigo de Dilma, Pimentel foi um dos ministros mais próximos da ex-presidente durante o seu governo. Na petição, o governo mineiro, que é o acionista controlador da Cemig, pede ao ministro Dias Tofolli, relator do processo no STF, para ser assistente simples da companhia de energia no mandado de segurança para o direito da empresa ter prorrogada a concessão das usinas Jaguara, São Simão e Miranda. “Utilizou-se a máscara de reorganizar o sistema elétrico brasileiro, mas seu intuito, na realidade, era simplesmente eleitoreiro. Diminuiu o custo da energia elétrica, no primeiro momento (pré-eleitoral), e posteriormente se mostrou impróprio e ineficaz, tendo a energia aumentado o seu valor bem superior ao que havia reduzido”, argumenta o governo mineiro. “Onde o interesse público relevante se fez presente?”, questiona a AGE para depois acrescentar que, ao contrário, o sistema elétrico “restou piorado”.

    COMO DIRIA SEBASTIÃO NERY: ” VACA JÁ NÃO RECONHECE O PRÓPRIO BEZERRO, NESSE CASO O BEZERRO NÃO RECONHECE MAIS A SUA VACA”

  3. Sr. Puggina,

    Fique tranquilo, e aguarde mais um pouquinho, tenha paciência, logo o Comunismo será exterminado de vez deste Planeta.
    Nunca mais os habitantes da Terra vão passar horas e horas em filas dos Mercadinhos Comunistas á espera de uma asinha de frango e um potinho de arroz.(por semana).
    A “Salvação” será o Parlamentarismo do Grande Gênio que de tempos em tempos veste a Roupinha do Capitão América para Salvar o Mundo, Zé Vampiro Suiço, o “Homem das Malas”.
    O Parlamentarismo do Partido ROUBAMOS, (ex-PSDBandido) corrige todas as imperfeições dos sistemas atuais, inclusive o Comunismo
    Até o Ditador-Midiático al-Kim Min Jong-un XLV, que está há 30 anos destruindo o Estado-Páis do Tucanistão aderiu ao Parlamentarismo Vampiristico do Zé Vampiro Suiço.
    Diz o Ditador Mídiatico.

    “Olha eu não vi o programa do ROUBAMOS (PSDB,) mas a defesa do parlamentarismo faz parte do estatuto do programa do partido e a crítica ao modelo político brasileiro está correta. Alguém está feliz com o sistema político partidário brasileiro? Faliu, simplesmente faliu e precisa ser rapidamente reformulado”, disse.

    Vamos aguardar.

  4. O comunista é antes de tudo aquele sujeito que fracassou já na primeira briga da escola, na primeira nota do colégio, na primeira cantada na garota predileta. O comunista desde cedo vem traumatizado. Qualquer sucesso alheio lhe doi por dentro. A única situação confortável pra ele é aquela em que ninguém ganhe nada, veja bem, ninguém ganhe nada, todos percam, pois somente num ambiente onde a perca e a destruição sejam a regra é que o comunista se sente confortável.
    Por isso, destruir é a meta de todo comunista. Não adianta mimimi de que ama a igualdade. Não é nada disso. O comunista ideia a vida. Deseja o aborto por ser incapaz de voltar pro útero da mãe e começar de novo. Como não pode nascer de novo, deseja que outros não nasçam. O comunista é a anti-vida.

  5. O Brasil é e sempre será um país colonízado . Antigamente por uma nação , hoje por megas corporações , Bancos e rentistas . Graças aos oportunistas que erroniamente são chamados de elites , ma na realidade são meros cães servís que se curvam perante seus senhores , ladrando e pedindo afagos pelos serviços prestados , este país e fadado a ser cada vez mais pobre e menos justo .

  6. Púggina, parei de ler logo nas duas primeiras frases “Isso é tese que não se sustenta”. Falar em comunismo, em ditadura, revolução? Essas premissas são falsas. Chaves empolgar o povo falando no herói Simon Bolivar e ganhar legitimamente uma eleição, não é revolução nem aqui e nem na Conchinchina. Dizer que o regime venezuelano é uma ditadura é outro despropósito. (Há 20 dias um ex-prefeito de Londres do Partido Trabalhista, o final de seu nome é “stone”. Deu uma declaração dizendo: O governo venezuelano é uma democracia e Maduro não é ditador(não se pratica a democracia no silêncio dos cemitérios). Disse mais: Desde muito tempo os Estados Unidos ambicionam o petróleo da Venezuela. A mídia de todo o mundo comprada pelos EEUU, transforma Deus em Diabo e Diabo em Deus.O que existe na Venezuela é uma elite que não tem sentimento de Pátria. Se você der uma xícara de café a mais para um pobre te taxam de comunista. Os comunistas da América do Sul cabem dentro de um ônibus. Maduro está fazendo o que qualquer presidente faria. Reprimir os que incitam o povo à revolta. Veja o que aconteceu com a Venezuela, Bolívia (que quiseram desmenbrá-la), com a Argentina, com o Brasil e Equador. Se a Venezuela não tivesse a segunda maior reserva de petróleo do mundo; só perdendo para Russia nada disso estaria acontecendo lá. Tem mais, quem controla o preço do petróleo no mundo é o EEUU e a Arábia Saudita. Em um ano eles baixam o preço do petróleo para prejudicar: Russia, Irã, Venezuela e Brasil principalmente. Quando lhes interessa ele aumentam ou abaixam o preço. Essas notícias parece terem saido da boca do Chacrinha (o velho guerreiro), que dizia com muita propriedade: “Eu vim para confundir e não para explicar”.

  7. Se a Alemanha Oriental era miserável, países como a Guatemala e Honduras eram (e são) o quê?
    As pessoas podem ter a ideologia que quiserem, mas isso não justifica argumentarem com absurdos. Uma vez encontrei na internet um artigo do Rodrigo Constantino dizendo que o Walmart era ‘escravo’ dos consumidores. Pois é, tadinho do Walmart… Quem escreve um negócio não compreende o significado de escravidão. Quem ganha bilhões de dólares não é escravo, nem no sentido estúpido do raciocínio de Constantino. Mesmo que o Walmart elevasse seus custos, e perdesse alguma parte de seus clientes, ainda assim os donos continuariam podres de ricos. Isso é escravidão?
    Quanto à Alemanha Oriental, era de fato mais pobre que a Ocidental. Já o era antes da guerra e da divisão do país, porque a região do reno sempre concentrou as principais indústrias. E o leste continua sendo mais pobre hoje em dia.
    Quanto à Venezuela, o chavismo infelizmente não resolveu os problemas do país. Mas também não os inventou, ao menos todos eles. Caracas já era uma das cidades mais violentas da América do Sul muito antes de Chavez ser eleito. Também já havia muita corrupção e desigualdade social. Foram esses problemas e a desmoralização total da velha elite política dos partidos AD e COPEI que levou Chavez ao poder.Não se deve fingir que os problemas do país começaram em 1998, quando Chavez foi eleito.

    • É maravilhoso encontrar um debatedor como você, Pedro Meira, que busca a verdade, ao invés de se ater a meras versões. É assim que se percebe a diferença entre quem tem verdadeiramente cultura e quem continua no mundo das trevas, totalmente aculturado.

      Abs.

      CN

  8. Vamos analisar os dois lados. A URSS foi uma ditadura comunista. Stalin assassinou milhões de russos. Mas, esta mesma URSS venceu o poderoso exército de hitler, mandou foguete pro espaço e falava de igual pra igual com os EUA na questão militar. No final, a URSS faliu.
    O Brasil no tempo de Getúlio, teria força para barrar uma invasão germânica? Mandamos foguete para o espaço?
    A atual Rússia de 2017 (pós falência do comunismo) é um país mais poderoso que o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *