Se Temer e o Congresso insistirem em abafar a Lava Jato, haverá um golpe militar

Entrevista de Villas Bôas precisa de tradução simultânea

Carlos Newton

A política nacional sempre foi muito complicada, os observadores estrangeiros não conseguem entender tamanha esculhambação institucional, até mesmo os brasileiros têm enorme dificuldade, não conseguem acompanhar, a todo momento é preciso recorrer à tradução simultânea. Desde sexta-feira, dia 17, procura-se descobrir o real objetivo da explosiva entrevista que o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, concedeu à repórter Monica Gugliano, do jornal Valor Econômico. Como se sabe, chefes militares jamais se pronunciam sobre assuntos políticos. Quando o fazem, é porque há alguma coisa de errado, aliás, muito errado.

O mais impressionante foi a rarefeita repercussão das declarações, que mesmo assim abalaram as estruturas do poder em Brasília, com reflexos por todo o país, porque o comandante do Exército não mediu as palavras. Às vésperas do carnaval, rasgou a fantasia e se incorporou ao Bloco dos Descontentes, ao afirmar que “somos um país que está à deriva, que não sabe o que pretende ser, o que quer ser e o que deve ser“.

Ainda não satisfeito, acrescentou: “Esgarçamo-nos tanto, nivelamos tanto por baixo os parâmetros do ponto de vista ético e moral, que somos um país sem um mínimo de disciplina social“.

TRADUÇÃO SIMULTÂNEA – Ao dar entrevista ao Valor, que é um jornal de circulação mais restrita na Organização Globo, que comanda sozinha a publicação, desde que a Folha se desligou da sociedade, o general deixou claro que estava dando um recado “interna corporis”, destinado a atingir apenas o governo, os políticos e as lideranças militares.

O fato concreto é que o descontentamento e a pressão interna nas Forças Armadas têm cada vez mais intensidade. Entre as lideranças militares, há consenso de que não há planejamento no país, a administração pública não tem metas nem visa a atender os reais interesses nacionais.

Um dos objetivos da entrevista do general Villas Bôas foi acalmar o pessoal da ativa e também da reserva, pois os três clubes militares estão defendendo abertamente uma intervenção das Forças Armadas, a pretexto de moralizar a política e a administração pública.

SEM INTERVENÇÃO – Com muita habilidade, o comandante do Exército descartou a possibilidade de derrubada do governo constitucional: “Interpreto o desejo daqueles que pedem intervenção militar ao fato de as Forças Armadas serem identificadas como reduto onde esses valores foram preservados. No entendimento que temos, e que talvez essa seja a diferença em relação a 1964, é que o país tem instituições funcionando. O Brasil é um país mais complexo e sofisticado do que era. Existe um sistema de pesos e contrapesos que dispensa a sociedade de ser tutelada. Não pode haver atalhos nesse caminho. A sociedade tem que buscar esse caminho, tem que aprender por si. Jamais seremos causadores de alguma instabilidade“.

O general tem razão. A Constituição deixa claro que cabe às Forças Armadas “a defesa da Pátria, a garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem”. E a Lei Complementar nº 97  também é clara: “A atuação das Forças Armadas, na garantia da lei e da ordem, por iniciativa de quaisquer dos poderes constitucionais, ocorrerá de acordo com as diretrizes baixadas em ato do Presidente da República, após esgotados os instrumentos destinados à preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio”.

INTERVIR SIGNIFICA GOLPE – Sem a menor dúvida, a entrevista confirma a convicção de que não existe possibilidade de ocorrer a apregoada “intervenção militar constitucional”. O significado real seria “golpe de estado” ou “golpe militar”, apenas isso.

Segundo as cuidadosas declarações do comandante do Exército, essa hipótese estaria afastada. Mas acontece que as aparências sempre enganam, quando se trata da política brasileira. Na entrevista, a ênfase dada à moral e à ética, assim como a incisiva defesa da Lava Jato (“É a grande esperança de que se produza no país alguma mudança nesse aspecto ético que está atingindo nosso cerne, que relativiza e deteriora nossos valores“) – tudo isso demonstra que as Forças Armadas não estão desatentas nem omissas.

Ainda em tradução simultânea, o general Villas Bôas deixou claro que, se o Planalto e o Congresso insistirem nessa irresponsável tentativa de inviabilizar a Lava Jato, a história vai se repetir no Brasil, e não será como farsa. Portanto, espera-se que o presidente Michel Temer tenha um mínimo de juízo e não ouse levar adiante essa injustificável iniciativa.

###
PS –
É impressionante que Michel Temer, com todo seu preparo e experiência, ainda não tenha entendido a gravidade da situação.  Está caminhando para complementar 77 anos, mas não parece preocupado com a biografia que o filho Michelzinho irá aprender no colégio. (C.N.)

53 thoughts on “Se Temer e o Congresso insistirem em abafar a Lava Jato, haverá um golpe militar

  1. Ocorrendo o tal “golpe ou intervenção militar”,faço votos que façam o que é certo com esta corja de traidores, ladrões e corruptos:nada de exílio e prisão, evitando futuro retorno das abjetas criaturas.

    • Concordo totalmente.E mais, o estado de desordem e regresso em que chegamos é assombroso e inadmissível.

      Se fosse o general Mourão, os militares já teriam assumido as rédeas dessa balbúrdia faz tempo !!!!

    • O Exército Brasileiro politicamente DEVE ESTAR DIVIDIDO entre os baderneiros e a sociedade entre os vermelhos comunistas e o azul da paz. Assim não se manifesta e silencia diante a tamanha podridão. Ser conivente é muito pior.

  2. O general que vá primeiro cumprir o seu dever constitucional de cuidar de nossas fronteiras.
    Não cabe a ele definir o que é” disciplina social ” , pois praça pública não é quartel e vou vemos em um pais de dimensões continentais,, onde esse conceito varia muito de local para local.
    Seria também de bom alvitre que ele explicasse a dispensa de licitação para a compra de blindados.

    • Concordo, não cabe ao general definir o que é disciplina social, mas seria conveniente que ele tomasse a si a responsabilidade de acabar com a pouca vergonha no país, prender os senadores e deputados ladrões, fazer uma limpeza no Planalto, exigir total honestidade no trato da coisa pública. Mas para isso tem que intervir temporariamente. Não dá para esperar a prisão do Renan, do Indio, do Jucá, e dos outros corruptos – elas nunca vão ocorrer. Do jeito que vai só pode piorar e ninguém deseja que o país caminhe para a desordem total. Aja enquanto é tempo, general.

      • Discordo, caro cidadão.Qdo as autoridades que deveriam agir, dentro da lei, NÃO O FAZEM, cabe sim, ao General e quaisquer cidadãos de bem e com preparo para isso, FAZÊ-LO! BRASIL ACIMA DE TUDO! QUE PODEMOS ESPERAR DE UM PAÍS, que na pessoa do Presidente do STF e de um presidente do senado, bordado de acusações, rasga a CF, aos olhos de todo o MUNDO, e aceita manter direitos políticos de quem está sendo impitimada!?

  3. Enquanto isso na São Francisco….

    Nos discursos, os oradores contestaram a carreira do ex-ministro e a legitimidade das obras publicadas por Moraes, acusado informalmente de plagiar um jurista espanhol em um de seus livros e de ter mentido sobre sua vida acadêmica.

    O professor de Direito Penal da USP, Sérgio Salomão Shecaira, disse que Moraes afirmou em seu currículo ter cursado pós-doutorado na universidade em 1998 quando o curso ainda não existia. “Quando alguém ascende de forma tão rápida na carreira é porque ocorreu alguma coisa exótica. Exotismo é típico de quem cria e copia”, afirmou o professor. Em sua fala, Shecaira disse que estava “visivelmente constrangido” por participar de um evento contra um colega.

    A advogada Ana Lucia Pastore, coordenadora do Núcleo de Antropologia do Direito da USP, classificou a eventual nomeação de Moraes “uma vergonha para todos professores do Brasil”. “Se eu julgasse o currículo Lates dele, não o aprovaria nem para o mestrado”, afirmou. Ainda segundo Ana Lúcia, Moraes disse ter publicado 69 livros desde 2000, mas 30 deles seriam a mesma obra em diferentes edições.

    • Eu não tenho juizo de valor para o caso do Sr. Alexandre Moraes. Quando o Sr. Dias Tofolli e Lewandoviski foram sabatinados, vocês também pensaram nas suas origens. Do jeito que está pior não pode ficar.

  4. A situação de escracho dos políticos corruptos com a nação ultrapassa o nível do limite!
    Chegar ao ponto de a sociedade clamar por uma intervenção militar demonstra o grau de desespero!
    A última de Maia em relação às 10 medidas simboliza essa situação surreal.
    Amamos nosso país e o vemos dia após dia apodrecer nas mão de políticos narcisistas, prepotentes, egoístas e corruptos…

    Não estamos aguentando mais, se as coisas não mudarem entraremos em colapso total!

    Quero ir para a rua me manifestar, mas, sem manipulação partidária, nada de defender ideias conservadoras a favor do armamento ou de um projeto de previdência abjeto. Quero ir para a rua contra a corrupção e a favor da Lava Jato!
    Chega de manipulação! Não somos massa de manobra!
    Chega!!!!!!

    • Minha amiga, peço desculpas por fazer minhas suas palavras. Queremos preservadas a nossa vida, nossas instituições, queremos seriedade na condução das soluções. Sem golpe militar e sem mudança abjeta da previdência. Ou seja chega de ideologias surradas e retrógradas. O pais é que importa.

  5. O diabo é que neste país, histórica e tradicionalmente, a briga política resume-se à luta pela posse e manutenção da carteira da corrupção, desde o seu descobrimento. E para isso os oportunistas se vestem até de odaliscas, se necessário para chegar lá.

  6. O General, está ouvindo a “voz rouca do Quartel” ,
    que está ciente da entrega da Soberania Nacional a ganância internacional.
    A lanterna do Filosofo grego, a procura do “Homem servidor do homem”, no Brasil, continua a procura, e pelo andar da carruagem, o Temer-oso,
    o Chefão, vai por o TitanicBrasil, no fundo do oceano de lama. A situação, está tão trevosa,
    77 anos, está amoral, servindo a corrupção, pela idade, deveria pensar, que a porta da verdade, o túmulo, está próxima, para a Prestação de contas da Consciência, pela OBRA de sacrificar e vilipendiar 220 milhões, em sua cidadania, sua Obra de Dor e sofrimento, já lhe garante o Ranger de dentes, junto com seus comparsas.

  7. Lamentável, mas só vejo uma saída pacifica, Intervenção das FArmadas´, os 03 Poderes estão, podres, Congresso e Executivo, denunciados por corrupção, o STF, está stf, com sinistros, em conivência com os outros 02 poderes, e ai entra o velho ditado, diga-me com quem andas, e te direi quem és, já dizia a 80 anos atrás, minha avó analfabeta, mas cheia de sabedoria e exemplos morais, para o netos.
    Caro General, as Instituições, estão falidas, a situação não nos deixa mentir, a corja nos transformou em uma republiqueta imperialista, nos humilhando perante o Mundo, Que as Forças Armadas, feche, essa instituições falidas, anunciando prazo, convocação, de nova Constituição, sem privilégios aos políticos, e denunciados, não podendo concorrer, a Omissão do Dever para com a Pátria, é Traição, lembro a frase do pastor Luther King: …o que preocupa, não é o barulho dos maus e corruptos, mas silêncio dos bons, acrescento: Omissão, e Rui Barbosa: “Quem não luta pelos seus Direitos, Não é Digno deles”,e mais: Almirante Barroso na Guerra do Paraguais: O Brasil espera que cada um cumpre seu Dever, grito para a Tropa, pelq Soberania Nacional.
    Conivência e Omissão, nos torna solidário ao crime hediondo de Traição à Pátria.
    Que Deus nos ajude, para um Brasil decente e justo.
    Que Deus nos ajude, por sua Misericórdia, a sair desse atoleiro de lama.

  8. As Forças Armadas não têm estrutura para dar golpe em ninguém não. Faltaria até apoio externo. Um general no Planalto só faria diferença se fosse onisciente e onipresente, pois teria que governar com os BANDIDOS estaduais da mesma forma que governaram com os coronéis civis em 1964…

    Acho mais fácil o Brasil se desmanchar em vários países administráveis.

  9. Também em tradução simultânea, prezado Carlos Newton, infere-se : como os políticos NÃO vão parar de tentar inviabilizar a Lava Jato, SIM, HAVERÁ UMA INTERVENÇÃO MILITAR.
    Só espero que, desta vez, NÃO aposentem estes bandidos, canalhas, facínoras e traidores do Brasil! NÃO!
    Desta vez, tirem um por um, pela orelha, e metam-lhes o pé nas bundas imundas e túrgidas, fétidas pela corrupção! Em todos que mereçam esse tratamento, ” para que todos se sintam contemplados ” ( frase que amam) independentemente de partidos políticos! E, então, os brasileiros carregarão os militares no colo, honrar-lhes-ão por muitos e muitos anos, porque assim deve ser para com aqueles que nos garantem a própria existência.
    Contudo, vale sublinhar: NÃO se deve esperar mais nada, não há mais tempo a perder com tantas quadrilhas. Esses doentes NÃO se deterão diante de nada, rigorosamente nada_exceto perante Spinoza: ” Uma emoção não pode ser refreada nem removida, exceto por uma emoção contrária e mais forte”.
    Saudações,
    Carlos Cazé.

  10. É importantíssima a entrevista do Gen VILLAS BOAS, Cmt do Exército e falando em nome das FFAA, ao Jornal Valor Econômico, porque passa ao Governo a preocupação que as FFAA tem com a problemática Nacional, que se não se tomam providências, se não se apoia a Lava Jato, etc, o Governo perde o apoio das FFAA, o que o enfraquece enormemente.

    Como diz o Gen VILLAS BOAS, hoje o Brasil e o Mundo são muito mais complexos do que em 1964 quando vivíamos intensamente uma Guerra Fria/meio quente, entre o Capitalismo – USA e o Comunismo – URSS, FIDEL CASTRO em Cuba recém tinha dado para toda a América Latina o “mau exemplo” de uma Revolução em 1959, que a partir de 1962, se declarou totalmente Comunista Totalitária e protegida por armas Nucleares da URSS.

    De qualquer forma, no meio da crise Social-Econômica, Moral e Ética Política em que vivemos, um Governo que perde o apoio das FFAA está condenado a seguro fracasso.

  11. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicaocompilado.htm

    CAPÍTULO IV … DAS FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 80, de 2014) … SEÇÃO I … DO MINISTÉRIO PÚBLICO
    Art. 127. O Ministério Público é instituição permanente, essencial à função jurisdicional do Estado, incumbindo-lhe a defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis.
    § 1º São princípios institucionais do Ministério Público a unidade, a indivisibilidade e a independência funcional.
    § 2º Ao Ministério Público é assegurada autonomia funcional e administrativa, podendo, observado o disposto no art. 169, propor ao Poder Legislativo a criação e extinção de seus cargos e serviços auxiliares, provendo-os por concurso público de provas ou de provas e títulos, a política remuneratória e os planos de carreira; a lei disporá sobre sua organização e funcionamento. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)

    Caro CN … Saudações!

    Em 1964 vigia a CF de 1946 … http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao46.htm … TÍTULO III … Do Ministério Público
    Art 125 – A lei organizará o Ministério Público da União, junto a Justiça Comum, a Militar, a Eleitoral e a do Trabalho.
    Art. 125. A lei organizará o Ministério Público da União junto aos órgãos judiciários federais (art. 94, I a V). (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 16, de 1965)
    Art 126 – O Ministério Público federal tem por Chefe o Procurador-Geral da República. O Procurador, nomeado pelo Presidente da República, depois de aprovada a escolha pelo Senado Federal, dentre cidadãos com os requisitos indicados no artigo 99, é demissível ad nutum .”

    http://www.dicionarioinformal.com.br/ad+nutum/
    Significado de ad nutum. O que é ad nutum: Cargos ad nutum são aqueles de livre nomeação e exoneração,como os cargos em comissão.
    … … …
    As INSTITUIÇÕES estão sim funcionando … e não tem como Temer e o Congresso abafar!!! !!! !!! se fosse em 1964, aí sim Temer poderia demitir o Janot!!!

    Continuamos pensando sem levar em conta a CIDADÃ, né???

  12. Entrevista sem nenhuma repercussão , pois só serviu para acalmar parte das vivandeiras de 64, do blog do Serrão, mais conhecido como o museu do pijama. Isso sem contar com ´lideres’ como aquela meia dúzia de palhaços que invadiu o plenário da Câmara e que se você for ver bem de perto quem são, verá que boa parte deles estão defendendo apenas interesses particulares, que vão desde Ongs falidas a fundo internacional de investimento.
    O tempo dos golpes cucarachas acabou, se isso ocorrer em menos de duas semanas haverá fortes embargos comerciais.
    ficam requentando essa entrevisteca à troco de nada.

      • Uma corporação que se auto protege o tempo todo, basta ver que o Almirante preso, condenado a 43 anos de prisão ainda não perdeu a sua patente.
        Falam em privilégios dos outros, porém tem uma justiça militar em tempos de paz, onde só o STM custa 75% do que custa o STF e tem 15 vezes menos casos.

      • É que eu conheço bem aquele pessoal que invadiu o congresso, metade quer negociatas e estão revoltados pois nada conseguiram no novo governo…

  13. Carlos Newton, o Recife de 3 horas da madrugada até o clarear dessa terça-feira teve uma noite de terror. Bandidos, falam em mais de 30, com caminhões carros blindados, armas modernas que nem a Polícia tem, assaltaram uma Empresa de Segurança, imaginem o caos que atingiu mais de 10 bairros do sul e oeste da Cidade, fechando viadutos, avenidas e ruas periféricas, transtornando, até este momento a vida de vários cidadãos. Vivemos em Pernambuco tempos de insegurança, as prévias de carnaval já demonstram isso, com arrastões, violência contra Famílias inteiras, tudo isso sob ameaça de greve das Polícias, onde o Governador já mudou todo o comando das Polícias Civil e Militar ontem ! A insegurança é geral, tem gente que já desistiu de brincar Carnaval, vão ficar presos em casa tal são relatos, provados em vídeos e fotos que passam nas redes sociais e mídia em geral. Será que tudo o que rola Brasil afora de violência e terrorismo, bem juntos e unidos em atos, fatos, gestos, ações armamentos, tem um só Comando com intuito de desestabilizar os Estados, Municípios e por consequência todo o país ??? O que a mídia mostrou com aqueles mascarados no Rio de janeiro (garanto que não eram Servidores Públicos que passam fome e miséria sem receberem salários) com Bombas armadas, apetrechos caríssimos de defesa pessoal é um modelo de “Terrorismo Organizado” e que merece repúdio Legal, Físico e Operacional em defesa e garantia da Segurança Nacional. O que o General falou ontem, bem firme e direto, não é a Tomada de Poder, é chamada as Autoridades para que restabeleçam o Princípio de Autoridade, aliás, tudo o que os Cidadãos de Bem do Brasil pedem nesse instante difícil de nossa vida nacional ! Não precisamos de analistas para que ofereçam análises sobre esse clima, basta ver que a ORCRIM que tiraram do Palácio na Legalidade Constitucional, além de perderem o poder de continuarem livremente e impunemente assaltando a Nação, perderam as boquinhas que os sustentavam em suas malandragens oficiais Nacional e Internacionalmente às custas do dinheiro público, era a verdadeira Opera dos Malandros ! O que o General e o povo Brasileiro querem e que nossa Constituição e todo o Ordenamento Jurídico e Institucional e os responsáveis nos 3 Poderes da Nação efetuem, é a garantia da Segurança Nacional, onde os Cidadãos e a Cidadania são prioritários, pois se continuarem protegendo os bandidos e abandonando a população à própria sorte, tenha a certeza de que os Cidadãos de Bem irão para as Portas dos Quartéis pedirem que as Forças Armadas assumam os Poderes(isso é clamor em todo o Brasil por todas as classes sociais) por não confiarem nos 3 Poderes e nem em seus Membros, Togados ou não, BASTA DE IMPUNIDADE E PROCRASTINAÇÃO ,RESPEITEM O BRASIL E SEU CIDADÃO !!!!!

    • Faz tempo que isso ocorre em São Paulo, agora está indo para o nordeste.
      Em 2016 foram roubadas mais de 60 toneladas de dinamite, algo que dá para explodir uns 80.000 caixas eletrônicos. Onde está a divisão de produtos controlados do Exército que deixa esse material ser transportado de qualquer maneira, sem a devida escolta ?

    • Posso dar uma sugestão que começa por uma pergunta: porque, ao invés de.ficar a vida toda mantendo sua forma física nos quartéis se preparando para uma guerra sem data, enquanto isso as forças armadas, que deram um maravilhoso exemplo do que sabem fazer, e bem, não são treinadas e liberadas para fazerem policiamento ostensivo nas conturbadas cidades do pais ? Porque a segurança pública no estado que está, se resolvida atingiria um grande percentual de problemas que nós, povo vivemos hoje. Na hora de listar os problemas que estamos enfrentando esse está sempre ali. Quem sabe estratificando não conseguiriamos chegar a bom termo em muitas coisas. Se estiver errado…

  14. Eu apoio uma intervenção das FFAA. O país não pode continuar nas mãos desses traidores, corruptos e salafrários! O governo Temer é vergonhoso! O Congresso foi tomado pela ORCRIM, o STF é uma falácia. Algo precisa ser feito já!

  15. Sim, as FAs devem contrapor-se quando indivíduo(s) ou nações estrangeiras se mostrem hostis a nação brasileira. Perfeito raciocínio.
    Quando os inimigos da nação são nativos muda o que?
    Continuam a ser nocivos ao progresso da nação e os inteligentes comandos das três armas não enxergam o que qualquer cidadão com pouca cultura e precária inteligência já sabe.
    Vocês não tem como não assumir suas responsabilidades e enquadrar qualquer traidor da pátria, estrangeiro ou nativo.
    Mudem a ladainha nada funciona direito no braziu, muito menos as instituições…

    sanconiatom

  16. Esta anarquia em que vivemos, misturada com roubalheira incalculável em todos os setores, o apodrecimento das instituições, a única solução é Intervenção Militar, dando total apoio a Lava Jato,com punições exemplares, caso contrário nosso futura será e já está sendo muito triste e nossa sociedade não terá forças para reagir e voltar a caminhar com Ordem e Progresso, PORQUE SIMPLESMENTE NÃO ACREDITA EM MAIS NADA QUE VENHA DE NOSSAS INSTITUIÇÕES.

  17. A ver…

    De um desses batalhões de policia que mais parecem segurança particular do PSDB, comandados pelo Alckmin, pelo Moraes; deles virão uma ou duas balas, direto na cabeça de manifestantes, e pronto….

    A ver, se liberdade é uma instituição que pode funcionar, no meio desse tremendo barraco…

    O Brasil virou um BARRACO nas mãos desses governantes larápios…. A Casa do Povo tem que ser esvaziada para começar a limpeza

  18. Realmente as “casas do povo” (Congresso,Assembléias e Câmaras) tem que se livrar dos “lulopetralhas” que as tornaram “cabarés” a serviço do caos implantado no Brasil a partir de 2003 sob o comando do “doutor honóris causa em safadezas gerais” !!!

  19. O que vc espera do Temer, CN? Que ele volte-se contra sua própria natureza e sua tão conhecida história e, tal qual um kamikase, abra mão do poder que tem nas mãos, usurpado por golpe exatamente pra estancar “essa porra”, e se deixe condenar pela lavajato?

  20. Pingback: Se Temer e o Congresso insistirem em abafar a Lava Jato, haverá intervenção militar! – Debates Culturais

  21. Pingback: Se Temer e o Congresso insistirem em abafar a Lava Jato, haverá intervenção militar! | Jornal do Pais

  22. Compartilhei a matéria sobre a intervenção militar caso tentassem abafar a Lava Jato. Em um dos comentários, o leitor afirma sem dúvida alguma que se trata de uma mensagem mentirosa, ou seja, que não houve menção alguma dos militares a respeito da Operação Lava Jato. Gostaria muito que vocês se pronunciassem a respeito, já que se trata de assunto de virtual importância para nós, brasileiros e põe em risco a veracidade de suas publicações. O que é muito terrível também.

    • O leitor tem o direito dizer o que quiser, Beverly, mas a matéria não é mentirosa. O comandante do Exército denunciou que o país está à deriva. Se Temer fosse de fato o comandante-em-chefe das Forças Armadas teria demitido imediatamente o general Villas Bôas. Como não o fez, mostrou que não manda no Exército.

      Abs.

      CN

  23. Segundo o link: http://www.diariodobrasil.org/psiquiatra-forense-analisa-os-esquerdistas-e-faz-comprovacao-cientifica-e-uma-doenca-mental28/
    E o livro The Liberal Mind: The Psychological Causes of Political Madness, através de ambas as fontes, o psicólogo Lyle Rossiter nos explica de forma acadêmica, as causas psicológicas do esquerdismo, mostrando todos os problemas que podem acontecer durante a formação da personalidade, causando uma série de problemas psiquiátricos, sob quais podemos denominar de esquerdismo.
    Junto aos graves fatos que a “ANAPFF” discorre no link presente? Acrescento: “Lamentavelmente ressalvo salientar” que através do hilariante verso e reverso, o que muito nos remonta uma famigerada máxima, que diz: “Água dura em pedra mole, tanto fura, até que bate” (ferroviário também escaldado pelo advogado Dr. Reginaldo de Oliveira Silva, OAB nº 25480/DF).
    http://anapffbrasil.blogspot.com.br/2017/01/faxina-geral-e-anapff-limpando-casa.html?view=timeslide
    https://scontent.fsdu7-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/16427211_10202696503129322_2373249751296204572_n.jpg?oh=2a271c0cf428adfc97431eca82f42850&oe=59495490 INTERVENÇÃO MILITAR CONSTITUCIONAL JÁ! (https://www.facebook.com/groups/257299714395248/permalink/662581853867030/)Hodierna Ressalva: “o Mundo e o muro de ontem, nos é a Todos hoje, a INTERNET do presente, onde a vizinhança nos passa (m) TODOS os necessários e atualizados conhecimentos sem acepções do ontem, do hoje e do sempre, através dessa irretirável forma de se comunicar” Noções e Credos de ASTRORITTIA

  24. Como é possível??
    Um “pais á deriva” e todo mundo falando: “olha, o capitão se escondeu no banheiro…”

    Quanto tempo mais,Temer???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *