“Sei o que vocês fizeram no verão passado”, rebate Joice Hasselmann após críticas de Eduardo Bolsonaro

A deputada atribuiu divulgação à ação da “milícia digital

Deu no Correio Braziliense

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) atribuiu a divulgação na internet da imagem de seu rosto estampando uma nota de R$ 3 à ação do que chamou de “milícia digital. Ela ainda insinuou que pode revelar segredos dos que a atacam, dizendo saber quem são (os que formam a milícia digital) e o que “eles fizeram no verão passado”.

VERÃO PASSADO – “Olha só mais um ‘presentinho’ da milícia digital para mim. Anota aí: NÃO TENHO MEDO DA MILÍCIA, NEM DE ROBÔS! Meus seguidores são DE VERDADE, orgânicos. E não se esqueçam que eu sei quem vocês são e o que fizeram no verão passado”, escreveu no Twitter.

 

A imagem foi compartilhada pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro(PSL-SP), junto a um texto repleto de críticas à deputada. “Se acha a dona de tudo, ‘porque EU aprovei’, ‘porque EU isso’, ‘EU aquilo’, ‘EU sou mais filha do que os filhos do presidente’, ‘EU sou a Bolsonaro de saias’, mas correu a noite coletando assinaturas para termos Delegado Waldir de líder, pessoa que irritada com o presidente orientou obstrução à MP 886, botando em risco uma pauta nacional devido a um problema pessoal”, escreveu Eduardo em seu perfil no Instagram e no Facebook.

“Ou seja, final das contas estão todos trabalhando contra o cara que os elegeu, mas pela frente dizem que estão com Bolsonaro e postam fotos com ele – se não precisavam de Bolsonaro por que se filiaram ao partido dele na eleição?”, questionou.

COBRANÇA – A resposta de Hasselmann fez parte da oposição se manifestar cobrando que ela revele o que diz saber. Uma delas foi a deputada Samia Bonfim (PSol-SP), que escrveu no Twitter: “A deputada Joice não tem que ‘contar’ o que sabe. O termo correto é ‘depor’. Está com raiva agora porque foi retirada da liderança, mas esteve até agora atuando com essas milícias virtuais bolsonaristas que afirma conhecer”.


CRISE INTERNA – Na noite de quarta-feira, dia 16, teve início uma “batalha de listas” no PSL para definir quem seguirá como líder do partido na Câmara dos Deputados. O grupo alinhado a Bolsonaro tentou destituir o deputado Delegado Waldir do cargo ao colher uma lista com assinaturas a favor da condução de Eduardo Bolsonaro para a liderança do partido.

A ala ligada a Luciano Bivar (PSL-PE), no entanto, respondeu com uma nova lista que pedia a permanência de Waldir no cargo, o que foi acatado pela Mesa Diretora da Câmara. O fato de Joice ter assinado a lista do grupo de Waldir irritou o presidente, que a tirou da liderança do governo.

PRESSÃO – Nesta sexta-feira, dia 17, durante a convenção extraordinária do PSL, Hasselmann se queixou da pressão exercida pelo presidente Jair Bolsonaro e seus filhos. Na avaliação dela, ou o grupo estaria tentando tomar para si a legenda ou querem a liberação dos separatistas para seguirem para outro partido.

“Não se trata de Bivar ou Bolsonaro. Aqui não é essa a discussão. O presidente não deveria ter entrado na discussão. O presidente erra ao se meter em uma decisão partidária. Isso desmerece, enfraquece o presidente. Ele tem que ficar no PSL. Ele precisa do PSL e o PSL precisa dele. Na Câmara, eu quero ver qual o matemático que dará mais de 308 votos para o governo sem um PSL unido”, disse Hasselmann.

20 thoughts on ““Sei o que vocês fizeram no verão passado”, rebate Joice Hasselmann após críticas de Eduardo Bolsonaro

  1. Joice foi uma das boas coisas que entrou na política deste país. Estava fazendo um excelente trabalho no congresso, mas a ala podre, que existe em qualquer partido, menos nos da esquerda que o é toda, está se sobrepondo à sua contrária.
    Mais um pouco sai Paulo Guedes e Moro, e este governo acaba de vez. Infelizmente

    Aqui na política, quando não se é bandido é retardado mental

    Ps. Sempre afirmei que torço para qualquer governo dar certo, desde Sarney. Como cético não acredito em ninguém, mas torço pelo país.
    Infelizmente agora, de novo, …..

      • Caso o Bolsonaro fosse um cara realmente sério, imbuído de reais boas intenções, bons propósitos de verdade, promover as mudanças de verdade: sérias, estruturais e profundas que se fazem necessárias há trocentos anos, faria o que a Dilma e o Temer prometeram mas não tiveram a humildade, a dignidade e a coragem, tal seja convocar a pessoa certa, para o lugar certo, o pacificador e transformador, que irá dialogar com todos os segmentos sociais, direita, esquerda e centro, de forma desprendida, olho no olho, com sinceridade total, colocando as cartas na mesa, e aplicando um xeque-mate no velho que já morreu, deixando claro a todos que temos apenas duas saídas, a saber: a Utopia transformadora da RPL-PNBC-DD-ME, ou o eterno pesadelo do continuísmo agonizante que ai está há 129 anos, com prazo de validade vencido há muito tempo.

  2. “Um verdadeiro patriota é alguém que ama o seu país o suficiente para criticar quando percebe algo que precisa ser mudado; não alguém que cegamente acha o seu governo o melhor e que está sempre certo, não importa o quê.”

  3. Suja feito uma porca!
    E tem sujeito que defende isso que ta ai…..

    Corrigindo, fica: “Estava fazendo um excelente trabalho no congresso, ‘para’ a ala podre…

    Foi só cair para ir deixando o rastro da porqueira…

  4. Tá, se essa moçoila sabia dessas coisas, por que não abriu o bico antes!

    É impressionante o comportamento desses tais políticos.
    Se estou a mamar, não enxergo nada.
    Se tiraram a mamadeira, estou vendo umas coisas estranhas!

  5. O líder do PSL começa a jogar contra o governo em várias frentes. Deputados pedem um novo líder que faça o trabalho que o país precise, já que o Delegado só está fazendo caca. Joyce, líder do governo começa a colher assinaturas para manter o traidor Delegado Waldir e ainda quer ficar como líder do governo. Joyce só será feliz ao lado do Dória, todos sabem disso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *