Será o Brasil um país de merda? Leia e conclua.

André Vargas ficará impune

Celso Serra

Observe o caso dos deputados André Vargas (ex-PT-PR) e Luiz Argôlo (SDD-BA). Ficou enorme a possibilidade deles se livrarem da cassação de seus mandatos, podendo assim manter seus direitos políticos intactos ao fim do ano legislativo, em dezembro, e voltar a se candidatar.

Os dois foram envolvidos nos rolos do doleiro Alberto Youssef. Após manobras diversas e longa procrastinação que nada teve de inocente, tiveram sua cassação recomendada pelo Conselho de Ética (?) da Câmara Federal. Existe? E agora, para onde vai a carroça de lama ?

Luiz Argôlo, também impune

FICHA LIMPA

Por “falta de tempo”, pois a legislatura termina a 31 de janeiro, os dois têm tudo para passar o Natal em casa como ex-deputados com ficha limpa no Congresso e, se assim permanecerão, até que nossa a Justiça, que caminha à passos de cágado tetraplégico, resolva em contrário. Isso, só o tempo dirá.

O fato de serem peixes aparentemente pequenos, no oceano de malfeitos dos governos do PT, parece os relegar a um conveniente e seguro espaço de impunidade. É por isso que aumenta, a cada dia, a convicção que Paulo Maluf é a ficha mais limpa de nossos políticos.

Será que o Brasil é um país de merda ?

40 thoughts on “Será o Brasil um país de merda? Leia e conclua.

    • – Generaliza não, MAV.
      Eu acho que ninguém merece ser chamado de santo, mas chamar alguém de criminoso, só aquele que comete um crime, mas para isso deve haver provas. Claro.
      Se não fica parecendo briguinha de torcedor de futebol, já bêbado, em mesa de boteco. Para dizer o menos.
      Procure opinar baseado em fatos concretos, pois senão sua condição de MAV, provada até agora, será sempre sua marca por aqui.

      Um pouco de vergonha….

  1. É um país com uma mentalidade de merda, oriunda da visão coronelista iniciada com a colonização portuguesa e perpetuada com o controle da educação básica aonde nem caixas de supermercado sabem fazer contas de cabeça (100 – 30 é quanto mesmo?).
    Vivemos numa ditadura do poder das armas. Só ingênuos não enxergam que quando o poder se vê ameaçado manda polícia, tropa de choque, exército, milícia, gangs, P2, manifestantes pagos com bombas, enfim todos armados para “manter a ordem”.
    E se alguém expõe suas opiniões e denúncias demais, pode ser eliminado sumariamente e seu caso pode ser “providencialmente distribuído” para um juiz conivente com as máfias.
    O plebiscito do desarmamento votou contra (mais de 60%), e o governo editou a lei impedindo, na prática, o posse de armas.
    Uma parte significativa da população queria democraticamente uma auditoria nas urnas funerárias que, se feitas, dariam alguma credibilidade ao processo. O TSE, que produz a eleição, também se auto-analisa e decidiu que isso não vai ser feito. Bela democracia típica da Camorra.
    A piscina está cheia de ratos…como dizia Cazuza.

  2. Fiquei sabendo diretamente por um fazendeiro investidor e empreendedor que este maldito deputado André Vargas está ganhando uma grana fabulosa na intermediação e uso de força política no direcionamento de linhas de empréstimos ao setor rural de recursos do BNDES.

    É ou não é um país de gente maldita o nosso querido Brasil?!

  3. Ratoeira, o sistema e a roubalheira

    A potência do motor está para o desempenho do carro assim como a imprensa “livre” está para a condução da democracia capitalista. Ou seja, a democracia capitalista sem a imprensa “livre”, tornar-se-ia inviável sem o potente mecanismo da grande imprensa “livre” objetivando fazer a cabeça do povão, nessa ou naquela direção, bem longe da percepção, de acordo com as vontades das corruptas elites.

    A imprensa “livre” não tem por preocupação e princípios tentar apresentar a verdade dos fatos de maneira a mais imparcial possível, nem mesmo, sugerir soluções honestas e viáveis. Menos ainda, apresentar competentes análises sobre temas políticos e econômicos de grande relevância, para a nação e para o povo. O que a imprensa “livre” gosta, mesmo, é de sensacionalismo e de baixaria, sempre que possível, fazendo a cabeça das massas para cá ou para lá, ao gosto das elites.

    Aqui no Brasil, nesses últimos tempos, como nunca antes vistos, a grande imprensa “livre” se apegou com todas as forças e vontades ao tema da velha manjada corrupção. Como se antes nunca tivesse existido, pelo menos, em tamanha dimensão. Puro sensacionalismo objetivando abertura de nova temporada de privatizações, a preços de bananas, claro. Sem dúvida alguma.

    O ecologista norte-americano, prêmio Nobel da Paz, Al Gore, recentemente esteve em São Paulo por conta da Climate Reality. Em uma de suas entrevistas, andou se queixando do sistema democrático que permite a inconveniente pressão de poderosos lobistas especializados em dirigir os projetos políticos bem ao gosto e vontade do grande capital, sem considerar os reais interesses dos EUA e de seu povo. Ou seja, lá nos EUA, também a maldita grana corre solta convencendo os políticos a fazerem o jogo das elites. Isso é corrupção, sem retoque algum. A antiga destruidora corrupção tem incontáveis modos e formas. Terrível.

    Tanto aqui como no primeiro mundo, lamentavelmente, a velha, muito conhecida corrupção vai continuar, de um modo ou de outro. Toda a roubalheira até agora mostrada pela grande mídia “livre” não é nada diante do que realmente existe. Bem possível que 40% do PIB toma rumo da roubalheira. Se resolvem autorizar a Polícia Federal a dar uma batida geral, sem exceção alguma, quem sabe, chegariam a essa monta. Assim opera a bela democracia capitalista incapaz de extinguir a maldita roubalheira. Graças a corrupção, as elites em todo o mundo estão ficando a cada dia, mais ricas. Nessas últimas décadas, o crescimento do número de bilionários em todo o mundo, é escandaloso.

    Por outro lado, já existem suficientes meios de informática, de leis e de gestão, capazes de drástica redução da roubalheira. Um deles, implantação da transparência bancária, financeira e patrimoniais, de todas as pessoas, física e jurídica, sem exceção alguma. O grande problema seria a quem entregar este potente instrumento. No governo de Dilma/PT, não temos mais essa preocupação. Bastaria convocar a confiável e competente Polícia Federal – PF para assumir a gestão dessa eficaz ratoeira. Só falta vontade política.

  4. A palavra mais rica da língua portuguesa é a palavra MERDA . Esta palavra de origem francesa MERD pode mesmo ser considerada um coringa da língua portuguesa.
    Vejam porque com os exemplos a seguir:

    1) Como indicação geográfica 1: Onde fica essa MERDA ?
    2) Como indicação geográfica 2: Vá a MERDA !
    3) Como indicação geográfica 3: 18:00h – vou embora dessa MERDA .
    4) Como substantivo qualificativo: Você é um MERDA!
    5) Como auxiliar quantitativo: Trabalho pra caramba e não ganho MERDA nenhuma!
    6) Como indicador de especialização profissional: Ele só faz MERDA.
    7) Como indicativo de MBA: Ele faz muita MERDA .
    8) Como sinônimo de covarde: Seu MERDA !
    9) Como questionamento dirigido: Fez MERDA , né?
    10) Como indicador visual: Não se enxerga MERDA nenhuma!
    11) Como elemento de indicação do caminho a ser percorrido: Por que você não vai a MERDA?
    12) Como especulação de conhecimento e surpresa: Que MERDA é essa?
    13) Como constatação da situação financeira de um indivíduo: Ele está na MERDA…
    14) Como indicador de ressentimento natalino: Não ganhei MERDA nenhuma de presente!
    15) Como indicador de admiração: Puta MERDA !
    16) Como indicador de rejeição: Puta MERDA!
    17) Como indicador de espécie: O que esse MERDA pensa que é?
    18) Como indicador de continuidade: Tô na mesma MERDA de sempre.
    19) Como indicador de desordem: Tá tudo uma MERDA !
    20) Como constatação científica dos resultados da alquimia: Tudo o que ele toca vira MERDA !
    21) Como resultado aplicativo: Deu MERDA .
    22) Como indicador de performance esportiva: O Botafogo e os Vasco não
    estão jogando MERDA nenhuma!!!
    23) Como constatação negativa: Que MERDA!
    24) Como classificação literária: Êta textinho de MERDA!
    25) Como qualificação de governo: O governo LULA só faz MERDA !
    26) Como situação de “orgulho/metidez” : Ela se acha e não tem “MERDA nenhuma! ”
    27) Como indicativo de ocupação: Em face de o articulista ter abordado esta palavra e ter escrito tanto a seu respeito, é sinal que não está fazendo MERDA nenhuma para ajudar o Brasil e sair dela!
    (Dicionário informal|)

    • Licença amigo Bendl. 1) Quando alguém no teatro vai entrar em cena, os amigos desejam: “Merda pra vc” é um desejo de boa sorte. 2) Quando alguém falava uma bobagem, antigamente alguns diziam o ditado popular: “Fulano parece que tem merda na cabeça”. 3) esta é séria e verdadeira, as mais recentes pesquisas na Medicina informam que nós tb pensamos com os intestinos. Há um livro que vem dos EUA com o título “O Segundo Cérebro” que são os intestinos, escrito por um médico e um médico brasileiro também escreveu um livro semelhante. 4) na simbologia psicanalítica, disse-me um psiquiatra, sonhar com merda significa sonhar com dinheiro, vide Freud; 5) Qdo um recém nascido está com prisão de ventre e após o remédio borra a fralda toda a mãe solícita exclama: “Graças a Deus”.

      • Rocha,
        É verdade.
        O problema é que no teatro se encena a ficção, e os atores a interpretam de acordo com o autor da obra.
        Fora do teatro, neste palco verdadeiro da vida, as ruas, o emprego, a dificuldade de se sustentar, a realidade supera a ficção, e não tem como ensaiar o roteiro, haja vista estarmos despreparados e sem saber o capítulo seguinte!
        Se, no teatro, a expressão “merda para você”, significa sorte, fora dele, não é nada positivo, ao contrário, é fedorento e nojento.
        Um abraço, Rocha, meu caro.

    • Grande Bendl
      Mas que merdeiro!
      – Este guri só tem MERDA na cabeça!
      – É só MERDA, para todos os lados!
      – Pisei na MERDA!
      – Este sujeito é um MERDÃO.
      – Era pura MERDA.
      E tem muitas outras.
      Assim, concluo que:
      – o país é de MERDA e o povo está na MERDA.
      O próximo passo será construir-se o MERDÓDROMO.
      Nossa nacionalidade poderá a passar a ser BRASILMERDADO.
      E o carnaval será o ano todo.
      Grande abraço amigo Bendl e belo trabalho.

      • Salve, Fallavena,
        Por onde andavas?
        Temos de virar esta página logo, pois o cheiro está nauseabundo!
        Muita sujeira, porcaria, fedentina.
        Brasil e povo precisam urgentemente de remédio para tanta diarréia!
        Há uma epidemia neste sentido. Não se sabe da água, da comida, da bebida …
        Existem pistas fortes que se trata do governo petista pelo rastro de … que tem deixado por onde anda. Como ele perambula e atua em todos os quadrantes do Brasil, a imundície é muita e, o fedor, pior ainda.
        Pocilgas mal cuidadas são melhores na higiene que os petistas, que têm usado as suas cuecas para todas as finalidades, menos à indicada, da mesma forma que as meias, mostrando os calcanhares borrados e pés sujos.
        E o hálito?!
        Os caras só comem … tira uma idéia!
        O PT não faz aquela guerra de tortas, ele joga … um no outro!
        Já entraste no Congresso? No plenário? Viste como ficam as cadeiras dos petistas? Estão marrom de tanta …
        Enfim, estou prevenido com os petistas na minha cidade, pois como ela é pequena quando eles vêm vindo o cheiro terrível os acompanha, então a gente se esconde e usa um lenço úmido no nariz.
        Te cuida!
        Um abraço.

    • O único jeito de ajudar o nosso país a sair dessa merda é o povo se juntar e começar a matar esse bando de merda que comanda a corrupção na política de merda do nosso país. Em seguida eliminar os merdas que andam por ai matando, roubando, traficando, estuprando, espancando etc. E depois de dar descarga nesse monte de merda, explodir aquele monte de merda nos presídios pra não deixar rastro. Em seguida mergulhar o nosso país de merda no caos até tudo se organizar novamente e com os olhos bem abertos para não deixar nenhuma merda solta por ai.

    • Amei! Hahahahahaha! Não apenas MERDA é o meu palavrão ´favorito,como nenhuma palavra define melhor a situação do Atrasil neste momento. Merda é também o que o povo tem no lugar do cérebro. É um prazer em ser idiota como nunca se viu antes em nenhum outro país do mundo. Só posso mesmo ter asco desse país e desejar que ele perca todas as copas do mundo.

  5. Amigos,

    Para aqueles que são contra a Intervenção Militar, tem jeito, me digam amigos . Legislativo não existe, STF aparelhado, CGU não existe, TCU o que fez durante todo esse tempo, Procurador Geral da República tentando acordo com empreiteiras para que elas assumam toda culpa é o fim amigos, e nós pagando essa conta, devíamos estar todos na rua exigindo o impedimento do PT do PMDB limpar Brasília, Forças Armadas cumpram o artigo 142 da Constituição Federal tirem esses ladrões da onde nunca deveriam estar e julgue-os em um Tribunal de Guerra e promovam novas eleições em 90 dias. Povo brasileiro reaja, precisamos reagir devemos nos mirar na Operação Mãos Limpas da Itália, quando tudo foi provado e chegou no Judiciário, o povo italiano não deixou virar pizza e foi pra rua e todos os partidos políticos envolvidos na corrupção deixaram de existir, o resto é blá blá blá amigos, não tem outra solução.

  6. Quem faz as leis é o Legislativo que é eleito pelo povo.

    Logo:

    “Cada povo tem o governo que merece!”
    Conde Joseph-Marie de Maistre (Savoia, 1 de Abril de 1753 — 26 de Fevereiro de 1821) escritor, filósofo, diplomata e advogado.

  7. Onde a “IMPUNIDADE” continua livre, leve e solta, o que se pode esperar destes poderes que aí estão! Até quando veremos esta corja saindo pela culatra da impunidade e continuar a se candidatar e permanecer no poder, é de nos deixar envergonhados deste país.

  8. É meu caro, às vezes acho que o Brasil é um país de merdas. Engolir Renan Calheiros como presidente do Senado Federal e derrota humilhante de 7 x 1 pra Alemanha depois de tanto patriotismos nos estádios de futebol, e ainda assim, seguir uma rotina de vida “normal”, que pensar?

  9. Dona Vanda, se a senhora não sabe, este é um dos codinomes da presidente reeleita Dilma, nos idos tempos de traquinas, de terrorista-comunista, na luta armada, contra o livrinho que valia naquela época.

    Como a senhora mostrou a válida intenção de querer uma solução, qualquer que seja, para essa esculhambação nacional – com o que eu também concordo – é necessário ponderar que a via principal está bloqueada; o livrinho foi reescrito, como se a Nação fosse parlamentarista, e aprovada pelos cidadãos, em plebiscito como presidencialista.

    É, também, uma das respostas ao articulista Celso Serra.
    Essa, foi a primeira das muitas que alicerçaram constitucionalmente a terra brasilis,
    Quanto ao artigo 142 da Constituição, referente às Forças Armadas, ela foi reordenada em termos de comando, quando passou a ser exercido por uma paisano, o ministro da Defesa.
    Saudações, e continue sempre alerta!..

  10. Engraçado, um país onde podemos falar o que quisermos, ir onde quisermos, eleger quem quisermos, escrever as besteiras que quisermos, onde não tem terremotos, furacões, maremotos, o inverno é piada, onde os reacionários têm o direito de querer a volta dos militares, justamente para que não possamos ter direitos, e …. ainda assim tem gente que acha que o Brasil é um país de merda.

    Eu não vou mandar, aqueles que acham que o nosso país é de merda, irem para outro país, porque não quero cometer a mesma bobagem daqueles que mandam alguém ir para Cuba, quando se tece elogios a terra de Fidel.

    Atribuir ao povo (que para alguns, é de merda), a pecha se não saber votar, chega a ser cômico, para não dizer ridículo. A população seria mestre em eleições se votassem nos mesmos candidatos daqueles que os questionam, isso é um pensamento de merda.

    Gente, definitivamente, o Brasil não é um país de merda.

    • “Gente, definitivamente, o Brasil não é um país de merda.”
      Se me permitires, Gilson, humildemente faço das suas palavras sábias, as minhas.
      Um abraço forte e brasileiro de quatro costados!

  11. Quanto ao país, até concordo, mas esotericamente.
    Mas o povo, quando pensa e abre a boca, até o cheiro é de merda.
    E quanto a vivermos numa democracia, ledo engano.
    Democracia não é bagunça, roubalheira, desrespeito a constituição e instituições apodrecidas. Estamos muito mais próximos da anarquia/ditatorial do que da democracia.

  12. A propósito, um comentarista acima menciona um suposto FAZENDEIRO EMPREENDEDOR que, segundo ele, está sendo CHANTAGEADO pelo tal de André Vargas em sua solicitação de financiamento do BNDES. Ora, André Vargas está mais sujo que pau de galinheiro e há meses cuidando da própria sobrevivência política para não ir preso. Que FAZENDEIRO EMPREENDEDOR frouxo é esse que não denuncia isso, pelo menos escorado em sua representação de classe? Olha gente, quando meti o pau nesse governo na questão dos anistiados, dei nomes dos responsáveis e processo da vítima que morreu sem receber direitos. Portanto, essa denúncia me cheira a propaganda sem pé nem cabeça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *