Sindicalistas do PT dilapidam os fundos de pensão há 12 anos

Carlos Newton

A maior caixa preta da corrupção do governo federal não é a Petrobras. As irregularidades nos fundos de pensão são ainda mais dissimuladas, e no caso delas o que está sendo desviado são recursos dos planos de previdência, que resultam das contribuições mensais das empresas estatais e de seus funcionários.

Os atuais gestores dos fundos de pensão são todos ligados ao PT. Segundo reportagem de Alexandre Rodrigues e Daniel Biasetto, publicada em O Globo, “o currículo de alguns gestores dos fundos de pensão alimenta as denúncias de aparelhamento. Vários já passaram por outras fundações com indicações políticas ou de sindicatos ligados à Central Única dos Trabalhadores (CUT). Desde o início do governo Lula, em 2003, ex-integrantes do Sindicato dos Bancários de São Paulo dominam os principais fundos: Previ, Petros, Funcef e Postalis. João Vaccari Neto, o tesoureiro do PT, é originário desse grupo, assim como Wagner Pinheiro, ex-presidente da Petros e atual presidente dos Correios, que indicou o presidente do Postalis, Antonio Carlos Conquista. Este, por sua vez, já foi gestor da Petros e da Fundação Geap (de servidores federais)”.

FAPES SE REBELOU

A única exceção entre os fundos de pensão é o discreto e poderoso Fapes, dos funcionários do BNDES, que no primeiro governo Lula se uniram e conseguiram impedir que um preposto de José Dirceu, chamado Marcelo Sereno, colocasse as garras no caixa do fundo de pensão dos empregados do banco de fomento.

Nos outros fundos, porém, as denúncias se multiplicam há anos e a agência reguladora Previc (Superintendência Nacional de Previdência Complementar), também controlada pelo PT, nada faz para coibir as irregularidades.

O pior é que, para abafar as constantes acusações dos sindicatos e das entidades representativas dos empregados das estatais, o PT conseguiu controlar também a estratégia Associação dos Participantes de Fundos de Pensão (Anapar), que é presidida por Cláudia Ricaldoni, uma militante que defende ardorosamente os interesses do partido e vive a elogiar a agência reguladora.

“A Previc tem tomado bastante cuidado com todas as denúncias. Não concordo com os que acham que o órgão é lento e irregular em suas fiscalizações”, diz a dirigente da Anapar.

E a própria agência reguladora, quando procurada pela imprensa, justifica sua omissão nos seguintes termos: “Como autarquia de supervisão, a Previc não trata publicamente de situações específicas, em face da necessária preservação de fatos e dados”. Se alguém conseguir explicar o que a Previc está tentando dizer com essa frase, por favor nos oriente, porque a justificativa foi feita naquele linguajar estranhíssimo que a presidente Dilma Rousseff costuma usar e está se disseminando pelo resto do governo.

LAVA JATO

A oportuna reportagem de Alexandre Rodrigues e Daniel Biasetto no Globo mostra que investigadores da Lava-Jato já encontraram indícios de ramificações do esquema do doleiro Alberto Youssef em fundos de pensão. “Em outubro, o advogado Carlos Alberto Pereira Costa, um dos principais auxiliares de Youssef, disse em depoimento que o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, frequentou uma empresa em São Paulo entre 2005 e 2006 para tratar de negócios com fundos de pensão com um operador do doleiro. Carlos Alberto Costa menciona, ainda, um suposto pagamento de propina a dirigentes da Petros, fundo de pensão dos funcionários da Petrobras”, dizem os repórteres.

A denúncia de O Globo acentua que a “PF também encontrou e-mails em computadores de pessoas ligadas a Youssef atribuindo à influência de Vaccari a aplicação, em 2012, de R$ 73 milhões das fundações Petros e Postalis, este último dos funcionários dos Correios, na empresa Trendbank, que administra fundos de investimentos, causando prejuízos às fundações. Vaccari negou as acusações. Também em 2012, o Postalis teve prejuízo ao aplicar R$ 40 milhões num fundo no banco BNY Mellon, por meio de uma gestora de investimentos indicada a dirigentes da fundação por operadores de Youssef”.

Traduzindo: a busca da Polícia Federal está apenas começando.  Como dizia Roberto Carlos, daqui para a frente, tudo vai ser diferente.

11 thoughts on “Sindicalistas do PT dilapidam os fundos de pensão há 12 anos

  1. Sr. Newton, a roubalheira é total e irrestrita, onde está o PT e penduricalhos, tenhamos a certeza, que a corrupção está presente, e o pior, a caneta “mata” mais que a metralhadora do bandido de rua, está ao menos, arrisca “morrer” pela bala da policia, enquanto os “gravatinhas” cometem o crime, sob ar condicionado e mordomias”.
    ESSAS AGÊNCIAS, O CUSTO/BENEFICIO É ZERO, OU MESMO ZERO NEGATIVO, SÓ SERVEM AO GOVERNO PARA “SACANEAR A CIDADANIA” E DAR ÓTIMO EMPREGO AOS INDICADOS PELOS PARTIDOS dO GOVERNO.
    Anatel, aneel, anac, agentransp, etc. é tanta siglas de inutilidades, é igual aos 39 ministérios, ninguém sabe para o que realmente servem???´, indique algum beneficio dessas agência para o “Zé e Maria Povinho” os grandes babacas e palhaços, escorchados em impostos para serem roubados.
    Quando o BRASIL vai ser SÉRIO!?!??? CHEGA DE MENTIRA E HIPOCRISIA GOVERNAMENTAL!!!

  2. Pago mais de 1500 REAIS de plano de saúde da UNIMED aqui no Rio e NUNCA incluiu p. nenhuma de dentista. Nem dentadura ou limpeza, quanto mais 2000 reais por implante de pré molar SEM PRÓTESE. E lambo os beiços aqui, porque um amigo em Boston, EUA, paga mais que isso e os primeiros 5 mil dólares de gastos de hospitalização (FRANQUIA) é por conta dele. Nesse aspecto até que o nosso capitalismo é mais domesticado.

  3. O PT caiu de unhas e dentes na Petrobrás, agora será que é só a Petrobrás e as outras empresas estatais,será que meteram a mão também, deve ser investigado tudo, passar um pente fino em todos os contratos das empresas estatais, bancos públicos e verificarem, acho que seria um verdadeiro escândalo da história corrupção no Brasil, a corrupção no país é histórica e se não estancarem esta sangria o Brasil vai pedir dinheiro emprestado.

  4. Ativo total formado pelas Entidades Fechadas da Previdência Complementar e que estão sob a “supervisão” da PREVIC:

    PATROCÍNIO PREDOMINANTE…………………………………..ATIVO

    Público……………………………………………………………….R$452,4 bilhões
    Privado……………………………………………………………….R$247,7 bilhões
    Instituidor………………………………………………………….. R$2,2 bihões
    —————————————————————————————————
    Ativo Total…………………………………………………………….R$702,3 bilhões

    Fonte: PREVIC

    É muita grana nas mãos dos “administradores” petistas.

    Para se ter uma ideia do que é esse volume de recursos à disposição de desvios dos petistas, a Petrobrás tem um patrimônio de R$343,1 bilhões. Todo o ativo da Petrobras é de R$758,4 bilhões.

    E olha que nem todo esse patrimônio dispõe de liquidez necessária para induzir desvios e fraudes.

    Já os recursos da Previdência Complementar (os fundos de pensão) possuem incrível liquidez. Incrível volume de recursos que podem ser desviados através de investimentos fraudulentos.

    E como estão aplicados estes fundos de pensão, segundo informa a PREVIC?

    # Em fundos de investimentos………………………………….65,00%
    # Em ações………………………………………………………………11,75%
    # Em títulos públicos………………………………………………..11,70%
    # Em investimentos imobiliários………………………………..4,37%
    # Em créditos privados e depósitos……………………………4,01%
    # Em empréstimos e financiamentos………………………….2,72%
    # Em outras aplicações………………………………………………0,45%

    Um exemplo de desvio ocorreu com o Delúbio que se transformou em “consultor” indicando determinada construtora para que determinado fundo de pensão direcionasse recursos para financiar suas obras. Logicamente, superfaturadas.

    Neste caso, dos 4,37% de recursos que os fundos de pensão direcionam para o setor imobiliário de sua cesta de investimentos.

    É só canalhice!

    • Por falar em ‘sindicalista’ alguém viu o Vaccari? Ele junto com o Berzoini deram o cano em milhares de colegas bancários, através da Bancoop, já foram condenados mas não devolveram nada até o momento.

  5. Sr. Iaco Silva, o Brasil tem um “fajuto -SUS”, para todos os seres humanos que vivem na Região chamada Brasil, tenha o DIREITO a uma Saúde digna, para isso ela se deixa escorchar pelos imposto. Funciona:NÂO E NÃO, é uma área de DOR, onde mais se rouba à CIDADANIA, inclusive os que tem “planos de saúde” são roubados 2 vezes- imposto e mensalidade, pelo péssimo serviço prestado, isso é reconhecido pelos detentores do poder público: quando tem uma simples “dor de barriga” recorrem aos Sírios e D’ors, pagando as despesas, com nosso dinheiro dos impostos.
    A Mídia, diariamente noticia o “descalabro” na Saúde, é mulheres parindo na porta das maternidades, tendo como parteiros simples jovens soldados PMs, a serviço da Caridade, mas se o Bebê morre ou a mãe, ou ambos, seriam processados pelo Conselho de Medicina, por falsa profissão médica, esse é um pequeno exemplo, esse ano quantos morreram na porta dos hospitais, ou ficaram aleijados, e as autoridades, mentindo em suas justificativas, com a maior “cara de pau”.
    O lema dos governantes é: O poder usa às benesses, e à Cidadania que se dane!!!
    Sr. Iaco, estou com 85 anos, Deus tem me dado uma boa saúde, sou Conselheiro da Saúde de Guapimirim/RJ, independente do Conselho, tenho como Cidadão e Conselheiro, mais de 60 denuncias contra a Prefeitura, a 10 autoridades, cujo resultado é “nenhum”, é apenas questão de consciência, continuar na luta pelo Direito à VIDA.
    Tenho lido raramente na Mídia, cartas abertas de Médicos (as) do serviço público, denunciando, o péssimo atendimento, mas…continua tudo na mesmice.
    Resumo: SUS, é a grande mentira do governo na saúde, e fica o cidadão pagando caro “por fora” planos, com a esperança de um atendimento à altura de suas necessidades.
    Na questão saúde, Brasil: SUS:NOTA ZERO.

  6. Não é ROMBO. É ROUBO mesmo.
    Mas, na opinião ou definição de Dilma, é simplesmente um ”malfeito”
    Nada mais que isto, segundo ela.
    ”Malfeito”.
    Então, são todos uns ”arteiros”, ou ”MALF””

  7. Só para se ter uma ideia como a agência reguladora Previc (Superintendência Nacional de Previdência Complementar) nada faz para coibir as irregularidades, basta ver como estão os aposentados do AERUS, fundo de previdência dos funcionários da VARIG e Transbrasil.

    A Previc permitiu 22 contratos de empréstimos do AERUS à VARIG, sabendo que a empresa estava tecnicamente falida desde 1995. A conivência da Previc foi tanta que o AERUS ganhou no STF.

    Fundo de Pensão dos empregados não deveria ser permitido emprestar, comprar ações ou qualquer outro papel da empresa mãe por que se ela falir o fundo também quebra.

  8. O senador Ferraço do Espirito Santo(PMDB) disse no Senado que o Fundo de Pensão Postalis, investiu em títulos da Argentina e Venezuela(que estão quebrados) e agora querem que os funcionários dos Correios paguem os prejuizos.
    . Este é o primeiro passo pois vem mais de outros Fundos de Pensão. Quando é que os respectivos funcionários tomarão uma atitude? depois que quebrarem? Uni-vos antes que seja tarde. Em tempo os presidentes dos fundos são em suas maiorias oriundos do PT e CUT (não é preciso dizer mais nada).

  9. Maldita hora em que esse PT entrou no poder. Egressos do inferno, bandidos. Foi preciso pagar caro demais para descobrirmos o que é uma esquerda. Fora PT, Lula, Dilma, CUT, MST e quem mais se alinhar a eles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *