Temer visita Rolante para limpar a imagem de Padilha, mas é missão impossível

Temer atende ao pedido de Padilha e visita os desabrigados

Carlos Newton

O presidente Michel Temer está na manhã desta segunda-feira em Rolante, a cidade onde mora nosso querido amigo Francisco Bendl e que foi devastada pela enxurrada na última semana, . O chefe do governo até mereceria elogios por esse ato humanitário de solidariedade à população atingida por um “acidente pavoroso”, pois desta vez a expressão se justifica. Mas é triste informar que Temer somente está indo para atender a um pedido pessoal do ministro Eliseu Padilha, da Casa Civil, que tenta melhorar sua imagem pessoal, totalmente desmoralizada depois que seus bens foram bloqueados pela Justiça para ressarcir graves prejuízos ao patrimônio público.

Como se sabe, Temer não foi a Manaus nem a Boavista. Comportou-se como se não tivesse nada a ver com aqueles acidentes pavorosos, imitando o comportamento de sua antecessora, a presidente mineira Dilma Rousseff, que demorou vários dias até sobrevoar com o governador Fernando Pimentel o local da tragédia de Mariana, mas lá nenhum dos dois pôs os pés.

DESMORALIZAÇÃO – A manutenção de Eliseu Padilha como principal ministro desmoraliza o governo Temer, embora a grande mídia esteja tentando abafar o “acidente pavoroso” que atingiu o chefe da Casa Civil.

O fato concreto é que no início de dezembro a Justiça do Mato Grosso mandou invadir a fazenda mantida por Padilha e seus sócios no município de Vila Bela da Santíssima Trindade, onde a quadrilha (mais de três elementos) é acusada de grilagem de terras públicas e devastação de 1,3 mil hectares de uma reserva ecológica estadual, para fins de enriquecimento ilícito.

Houve bloqueio de bens de Padilha e seu sócios para ressarcimento dos prejuízos aos cofres públicos, além do sequestro das 2 mil cabeças de gado. Além disso, a equipe multidisciplinar que invadiu a área grilada filmou tudo, documentando a apreensão de 18 armas ilegais, inclusive fuzis com mira telescópica, além da manutenção de empregados em regime de semi-escravidão.

MINISTRO PRESTIGIADO – Padilha, que é um político riquíssimo,  recorreu ao Tribunal de Justiça para cancelar o bloqueio dos bens, mas o recurso foi recusado. Mesmo diante desse gravíssimo processo criminal, com abundância de provas, Temer não demitiu Padilha, que continua sendo prestigiado e acompanha o presidente nesta visita ao município de Rolante, próximo a Porto Alegre.

A grande mídia finge que está tudo normal e tenta considerar Padilha um cidadão acima de qualquer suspeita, como na clássica obra do cineasta italiano Elio Pietri. Essa “imprensa amestrada”, como diz Helio Fernandes, faz um esforço comovente para limpar a barra de Padilha, divulga até as mensagens que os assessores do Planalto divulgam na conta do Twitter dele, como aconteceu no fim de semana.

Mas todo esse esforço é inútil. Limpar a imagem de Padilha é missão impossível sem Tom Cruiser. Temer deveria se livrar dele o mais rápido possível, mas não tem a menor condição. O roteiro do filme mostra que Padilha é o homem que sabia demais, na visão de Alfred Hitchcock, e o presidente Temer continua refém de seu ministro.

15 thoughts on “Temer visita Rolante para limpar a imagem de Padilha, mas é missão impossível

  1. Muito bom dia a todos os amigos da Tribuna! Pretendia escrever aqui muitas palavras mas resolvi economizar e dizer apenas: que saudades do Itamar! Nasci em 1965 e dentro da minha pouca existência devo dizer que foi o melhor presente da república que vi governar. Só espero que em 2018 o povo brasileiro não eleja mais um populista que venha com fórmulas mágicas dizer que tudo será resolvido facilmente. Nosso povo não gosta de sacrifícios e teremos certamente que fazer muitos sacrifícios para sair da situação em que nos encontramos. Uma ótima semana a todos é o que desejo. : )

  2. { Ouvir

    h

    0:00

    A Umanizzare Gestão Prisional Ltda., empresa que administra o presídio onde ocorreu o massacre de 56 presos no Amazonas, é ligada ao Grupo Coral, um conglomerado de 11 empresas com sede em Goiás que faliu em 2015 e que deixou de pagar a pelo menos 9.000 trabalhadores. Enquanto a Umanizzare faturou pelo menos R$ 650 milhões entre 2013 e 2016 no Amazonas, o Grupo Coral acumula dívidas estimadas em R$ 200 milhões.

    O elo entre a Umanizzare e o Grupo Coral é o empresário Lélio Vieira Carneiro Filho, sócio da Umanizzare, ex-CEO do Grupo Coral e filho de Lélio Vieira Carneiro (fundador do conglomerado goiano).

  3. Caro Newton,

    Obrigado pela reportagem.

    No entanto, pelo que li e entendi, Temer não viria a Rolante, mas passaria de helicóptero, sobrevoando as áreas atingidas pela enxurrada!

    Vou me certificar melhor a respeito, pois ontem à tarde, um desses “aviãozinhos de rosca” sobrevoou a cidade, tipo destacamento precursor.

    Uma boa semana que ora inicia.
    Saúde e paz.

  4. kkkkkkkkkk

    O texto só não diz que quem é refém de ladrões é ladrão também…..kkkkk

    Haja malabarismo verbal para dourar a pílula de um acobertador de vagabundos…..kkkkkkkkkkk

    Ao menos o editor não diz mais que Temer “preza os amigos”…..kkkkkkkkkkkk

    • Em tempo: nenhuma palavra sobre o esforço comovente do Fantástico ontem abrindo espaço para a defesa de outro ladrão integrante do governo, Jose Serra?

      Como se Padilha fosse o único corrupto do governo Temer ……kkkkkkkkkkkkk

  5. Se Temer encontrar Francisco Bendl, certamente Temer vai ouvir poucas e boas. Só vai ouvir verdades. Talvez até conserte e tome jeito. Bendl me disse que mora na parte alta de Rolante e que a parte baixa é que foi a atingida. Temer vai dar só uma olhadinha e volta.

    Bendl, não desça. Fique onte está. Conhecemos sua garra e seus ímpetos determinados e destemidos. Ímpetos e reações justas de um grande brasileiro. Se o Temer bater na porta de sua casa, deixe-o entrar. Afinal, você é um homem educado. Sirva-lhe um cópo de água fresca. Converse com ele. Só converse. Depois, quando ele for embora, higienize toda a casa. Pelo menos os cômodos e as partes por onde ele entrou, andou e sentou. O copo que serviu a água jogue fora. Não dê pra ninguém. Não serve nem para reciclagem. Está contaminado de empáfia, de vaidades, de incompetência e muitas coisas mais que a Lava Jato vai trazer à tona.

  6. Caríssimo Dr.Béja,

    Olha, eu cheguei a comentar em casa que, se eu me aproximasse de temer, a vaia correria solta, afora alguns impropérios.

    Depois, concluí que se o presidente está trazendo recursos à cidade e às pessoas que perderam seus bens, eu deveria considerar essas ofertas e me manter calado.

    Então, sábio advogado, a decisão será esta que o senhor me disse:
    FICAR EM CASA!

    Até porque, a reportagem do principal jornal gaúcho dá conta que Temer não virá a Rolante, mas sobrevoará as duas cidades afetadas pelo temporal, Rolante e Riozinho, distante 10km, de onde a enxurrada se originou e veio levando de roldão quem encontrasse pela frente!

    Riozinho é conhecida pelas suas cascatas belíssimas, sendo uma delas a que leva o indefectível nome de “Véu de Noiva”.

    https://www.google.com.br/webhp?sourceid=chrome-instant&ion=1&espv=2&ie=UTF-8#q=cascata%20v%C3%A9u%20de%20noiva%2C%20em%20riozinho%2C%20rs

    Mesmo assim, Temer age bem, politicamente, independente de tentar melhorar a péssima imagem de Padilha, velho conhecido dos gaúchos, razão pela qual não tem sido eleito.

    Tarefa dificílima, que não serão algumas ambulâncias – novamente o uso da “ambulância terapia”, no lugar de aparelhar melhor os hospitais e postos de saúde ou tornar a Previdência mais eficiente e eficaz -, que o ministro Chefe da Casa Civil terá a sua imagem restabelecida, após ter sido levado também de roldão pela enxurrada poderosa da corrupção, acompanhada por raios e ventos fortes de desonestidade!

    Padilha não deixa de ser um flagelado com seu caráter e personalidade carentes, necessitando urgentemente de tratamento judicial e que suas permanentes más intenções, sujos objetivos, sejam lavados pelo posto Lava-Jato, cujo gerente é bem conceituado entre os brasileiros, Sérgio Moro, que lhe receitaria um tratamento intensivo à base de isolamento em cela especial!

    Grato pelo comentário, dr.Béja.

    Uma excelente semana que ora inicia.
    Saúde e paz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *