Teresa Fabrício agradece a volta da mediação aos comentários da Tribuna

Resultado de imagem para censura chargesTeresa Fabricio

Obrigada por levar meu comentário, e de muitos outros, em consideração, a respeito da necessidade de haver mediação dos textos encaminhados à “Tribuna da Internet”. Nem imagino a aporrinhação que é ler todos os comentários, mesmo que apenas os problemáticos.

O fenômeno que acontece na TI me lembra a teoria da janela quebrada. Uma vez que um cruza o limite, todos se acham no direito de fazer o mesmo.

SEM CENSURA – Não chamaria sua decisão de censura, mas de mediação. Leis, ética e regras existem e sempre existiram, porque é necessário evitar a primeira pedrada na janela.

O baixo do nível dos comentários já não me incomodava porque não mais os lia. Mas o volume de comentários dessas pessoas é tão grande que acaba inviabilizando a saudável discussão argumentativa.

Eles são incapazes de discutir ideias, sempre ofendem as pessoas, por isso, não é censura não publicá-los, classifico como regra básica de convivência, necessária em qualquer grupo.

A atitude restritiva é necessária, não só para evitar ofensas, mas também para limpar os comentários, facilitando a leitura. Te desejo boa sorte e muita paciência.

###
SOBRE O FIO DA NAVALHA
Carlos Newton

Gratíssimo por suas palavras sempre equilibradas, amiga Teresa Fabricio. Moderar os comentários é como caminhar sobre o fio da navalha. Na minha visão política, raciocino como alguns ousados jornalistas que há quase dois séculos defendiam ardorosamente a liberdade de expressão, e reconheço que as pessoas devem ser totalmente livres para comentar e expressar opiniões, como Karl Marx e Friedrieh Engels defendiam, ao editarem a “Gazeta da Renânia”.

Meu limite, como moderador, é restringir apenas aqueles textos que ofendem, provocam e desrespeitam. Fico pasmo que em pleno Século XXI ainda haja esse tipo de manifestação,  com as pessoas se comportando infantilmente, abrindo enfrentamentos, ao invés da salutar troca de ideias.

DIREITO DE EXPRESSÃO – Essa pueril brigalhada político-ideológica que polui o Blog tem estremecido minha amizade com alguns comentaristas, que me exigem posturas radicais para “limpar” a discussão, impedindo a participação de seus desafetos, mas eu jamais o farei. Todos têm direito de se expressar. Como editor, só posso expurgar textos inconvenientes.

Às vezes, sinto um desânimo enorme, um sensação de vazio, devido ao esforço que preciso fazer diariamente para editar o Blog. Mas depois lembro como a “Tribuna da Internet” é importante para aqueles que participam diariamente, pois funciona não somente como veículo informativo e formador de opinião, mas também como um instrumento psicoafetivo e de integração social. E, assim, consigo ficar novamente animado para seguir em frente, sem olhar para o retrovisor.

30 thoughts on “Teresa Fabrício agradece a volta da mediação aos comentários da Tribuna

  1. 1) Prezado CN, entre outros, vc escreveu um termo importante: “limite”…

    2) Com frequência eu converso com os meus jovens alunos sobre os limites de uma vida impermanente.

    3) Eles preferem atitudes “sem freios”, sem limites, mas no diálogo tento mostrar que isso não é Liberdade, e é de todo impossível. Além do que, tem as consequências para os atos, falas e “escreveres”…

    4) Uns entendem e aceitam, outros só com o tempo e a maturidade.

  2. Teresa Fabrício é uma das damas verdadeiras deste blog, incluindo a Carmen Lins.

    A advertência que fez é plena de razão, pois houve momentos inaceitáveis na TI, que continuam, porém dissimulados e indiretos.

    A experiência do Mediador deveria tê-lo colocado de sobreaviso com relação à presença de trolls, pessoas cujo objetivo é tumultuar, desarmonizar e criar encrenca.

    Mesmo com as suas advertências e recomendações, de nada adiantam para os mesmos, que seguem mantendo o mesmo comportamento de anos atrás!

    A faxina deverá ser feita sem dó nem piedade, caso Newton queira ter um blog de qualidade, e de comentaristas que reconheçam o seu trabalho e enalteçam a TI.

    Assim, do jeito que está, perderá excelentes comentaristas e articulistas, que não aceitam dividir este espaço com quem é mal educado e desrespeitador, além de terem como intenção a destruição da Tribuna da Internet!

  3. MODERAR É CENSURAR toda “moderação” é subjetiva, o que está bom e certo pra uns, está errado pra outros
    NÃO SE PODE INTERROMPER PALESTRANTES, PROJEÇÕES DE FILMES, PREGAÇÕES RELIGIOSAS, AULAS DE PROFESSORES os ouvintes têm que ouvir e calar
    é glorioso e fundamental a possibilidade de cada um se expressar, a favor e contra neste único e valoroso BLOG === o resto fica por conta da educação, princípios e valores de cada um
    NA RUA HÁ TAMBÉM MOTORISTAS INDISCIPLINADOS, QUE NÃO RESPEITAM NADA, BUZINAM À TOA, ETC === o mundo não é perfeito, só as ditaduras comunistas, fascistas, nazistas que pretenderam essa coação, a uniformização do pensamento e, enfim, o silêncio
    O VELHO “QUEM NÃO SE SUBMETE, MORRE”, a lei dos mais fortes, em vigor desde Adão e Eva, disputas já houve entre Caim e Abel, irmãos, o caos imperou na Torre de Babel, e o mundo hoje não passa de uma gigantesca Torre de Babel

  4. Meu total apoio ao editor Carlos Newton!
    Não tenho do que reclamar, pelo contrário, reconheço os esforços de um trabalho quase insano.
    Só uma vez fui censurado porque escapou umas palavras de baixo calão. Antes de mais nada trato esse espaço como a residencia de Carlos Newton, se o dono pede para a gente se moderar eu respeito e obedeço. Até mesmo porque tirando os excessos, temos total liberdade para expressar nossos pensamentos e sentimentos.

  5. Que bom Carlos Newton que você tenha percebido a importância do blog….e está levando em consideração os leitores que buscam informação séria, criteriosa e imparcial…. Mais uma vez lhe digo obrigada pela existência do Site e nunca se esqueça …estamos em evolução ….e sempre boas atitudes e boas intenções partem de quem tem mais para quem tem menos….
    Abraços
    Suely

  6. Carlos Newton, admiro muito seu blog e ele se tornou um espaço de pesquisa na internet, pois apresenta além de artigos sobre o momento atual, comentários que desvendam recantos obscuros da política. Nele me informo muito e tento passar informações que acredito a mídia não publica.
    Porém acho que sua mediação, analisando os comentários, não surtirá e não está surtindo efeito. Além de ser uma tarefa espinhosa que se confunde às vezes com censura, não irá impedir a maior praga deste blog: comentaristas que postando dezenas de vezes no mesmo artigo, refutando, achincalhando, tergiversando (o mais nefasto) e raramente debatendo o que foi falado. Isso polui e afasta o leitor mais apressado e transforma o blog num clubinho que fica um de mimimi com o outro.
    Mas como fazer então? Para mim, se fosse o dono do blog, colocaria um controle no número de comentários por matéria por pessoa. Quantos? Talvez 3 ou 4 ou 5 não sei. Acho que quem tem algo para falar não precisa de dezenas de réplicas, muitas vezes infundadas. Assim os comentaristas voltariam a ser colaboradores das matérias e não cupins que destroem o sentido do texto e do blog.

  7. “Leis, ética e regras existem e sempre existiram, porque é necessário evitar a primeira pedrada na janela.”

    -Creio tenha sido essa a desgraça do Brasil: A liberdade para cometer crime, realizar baderna e barbarizar sem que aconteça nada ao infrator. Aqui tudo é tolerável.

  8. Concordo com o Bendl! “A faxina deverá ser feita sem dó nem piedade”! Precisamos dar um basta nessas ofensas gratuitas entre os debatedores! Aqui somos todos irmãos. Precisamos de harmonia. abraços a todos.

  9. Sra Fabrício, Jornalista Carlos Newton,

    Quanto á teoria da janela quebrada, cabe lembrar o texto de 03 de Setembro 2018:

    SEM MODERAÇÃO – Conforme anunciamos, o blog segue sem moderação.

    http://tribunadainternet.com.br/antes-que-eu-esqueca-deletar-comentarios-improprios-nao-significa-fazer-censura/

    Realmente, muitos se acharam no direito de ‘quebrar o vidro’ e aliviar a pemba que vinham segurando (“segure sua pemba”, escreveu CN, no texto mencionado).
    No meu caso, foi afrontar o massivo ataque de bots do candidato do PSL Jail Bozonaldo, que tornou-se intolerável, visto o intento desses bots em ter o domínio total da área dos comentários, visando tornar os Posts assuntos secundários.

    Algo como há muito fazia o Alex Cardoso impondo temas sobre Lula completamente indiferentes aos Posts em que seus comentários apareciam.

    Não escrevo este texto como agitador ou “censurado”, “injustiçado”, ou “perseguido”.
    Mas precisei chegar ao ponto de desdenhar da ética jornalística solicitando ao moderador, como venho fazendo, o endereço IP de um bot infame como forma de resolver afrontas pessoais….

    Fossem “janelas quebradas” somente, “E que cada um segure sua pemba, como se dizia antigamente. Não dou a mínima aos agressores ou às supostas vítimas, porque todos têm culpa no cartório”.

    Sei que falto com respeito ao solicitar um endereço de IP ao moderador. Mas como este blog não é um portal UOL ou G1 e, havendo acesso ao moderador, vale tentar, que pagar um hacker para obter o IP dos bots no servidor UOL é custoso (e ilegal, embora valha a pena)…
    Mas aí eu volto ao mesmo lugar comum em que estava, antes da liberação da moderação em 03 de setembro, e não serviu pra nada.

    Havendo a liberação, vem os abusos e, como briga de rua, tem que deixar rolar até o fim, ou não se luta (nao libera).

    Está realmente insuportável a quantidade de afrontas pessoais.
    Para o bem do blog sou favorável á censurar esta falta de educação do brasileiro que não se sustenta no tema e parte para o insulto pessoal.

    Desde que comecei a leitura na TI notei que sempre houve troca de cordialidades pessoais, muitos lisonjeios etc., dos quais nunca participei justamente para não sair do tema e ir pro pessoal. Se fosse para alimentar meu ego não estaria escrevendo aqui. Política no Brasil ao meu ver, é combater a sujeira, e nada mais…

    Talvez o oposto? Total clareza de informação, com acesso aos dados disponíveis de cada usuário que posta comentários por completo, endereço IP, e-mail …. Total liberdade de informação…
    —-
    Fosse assim, essa hora o bot melhojairseacostumando já teria ‘vestido a peruca’ e comido um pedaço do ‘boulo’ que a genitora aqui fez pra ele… Legal!!!

    PS: C.N. Segue o link para as postagens a respeito desse comentário final, para que eu não pareça doido falando chinês. Grato por sua atenção:

    http://tribunadainternet.com.br/sem-bolsonaro-em-cena-candidatos-evitam-ataques-e-pregam-pacificacao/#comment-584125

    http://tribunadainternet.com.br/bolsonaro-ciro-e-haddad-aparecem-em-alta-no-datafolha-pos-facada/#comment-584559

    PS2: Quanto ao IP desses camundongos pestilentos de codinome melhojairseacostumando, jorge, etc…
    favor considerar disponibilizar os IPs.
    Verão na carne o que dá atacar uma pessoa real na internet
    A genitora aqui agradece, o hacker nem precisa do meu dinheiro, nos livramos desses peçonhentos antes do final das eleições…

  10. Que assim seja. O segundo turno só se define depois do primeiro e o resto é só especulação. E, convenhamos, garantido no segundo está só o Bolsonaro e pelos dados de hoje. Como as melancias vão se acomodar até o dia 7, só vamos saber lá no futuro. Mas, o eleitorado do Bolsonaro é mais ou menos fixo e não vai mudar muito então, os outros vão ter que se digladiar entre si a não ser que alguns desistam para favorecer um terceiro. Tipo, Meireles e Álvaro em favor do Alckmin ou o Ciro e a Marina em favor do Haddad. Agora, se todos continuarem na luta a final vai ser vista como em corrida de cavalos pelo photo finish.

  11. Sra Fabrício, Jornalista Carlos Newton,

    Quanto á teoria da janela quebrada, cabe lembrar o texto de 03 de Setembro 2018:

    SEM MODERAÇÃO – Conforme anunciamos, o blog segue sem moderação.

    http://tribunadainternet.com.br/antes-que-eu-esqueca-deletar-comentarios-improprios-nao-significa-fazer-censura/

    Realmente, muitos se acharam no direito de ‘quebrar o vidro’ e aliviar a pemba que vinham segurando (“segure sua pemba”, escreveu CN, no texto mencionado).
    No meu caso, foi afrontar o massivo ataque de bots do candidato do PSL Jail Bozonaldo, que tornou-se intolerável, visto o intento desses bots em ter o domínio total da área dos comentários, visando tornar os Posts assuntos secundários.

    Algo como há muito fazia o Alex Cardoso impondo temas sobre Lula completamente indiferentes aos Posts em que seus comentários apareciam.

    Não escrevo este texto como agitador ou “censurado”, “injustiçado”, ou “perseguido”.
    Mas precisei chegar ao ponto de desdenhar da ética jornalística solicitando ao moderador, como venho fazendo, o endereço IP de um bot infame como forma de resolver afrontas pessoais….

    Fossem “janelas quebradas” somente, “E que cada um segure sua pemba, como se dizia antigamente. Não dou a mínima aos agressores ou às supostas vítimas, porque todos têm culpa no cartório”.

    Sei que falto com respeito ao solicitar um endereço de IP ao moderador. Mas como este blog não é um portal UOL ou G1 e, havendo acesso ao moderador, vale tentar, que pagar um hacker para obter o IP dos bots no servidor UOL é custoso (e ilegal, embora valha a pena)…
    Mas aí eu volto ao mesmo lugar comum em que estava, antes da liberação da moderação em 03 de setembro, e não serviu pra nada.

    Havendo a liberação, vem os abusos e, como briga de rua, tem que deixar rolar até o fim, ou não se luta (nao libera).

    Está realmente insuportável a quantidade de afrontas pessoais.
    Para o bem do blog sou favorável á censurar esta falta de educação do brasileiro que não se sustenta no tema e parte para o insulto pessoal.

    Desde que comecei a leitura na TI notei que sempre houve troca de cordialidades pessoais, muitos lisonjeios etc., dos quais nunca participei justamente para não sair do tema e ir pro pessoal. Se fosse para alimentar meu ego não estaria escrevendo aqui. Política no Brasil ao meu ver, é combater a sujeira, e nada mais…

    Talvez o oposto? Total clareza de informação, com acesso aos dados disponíveis de cada usuário que posta comentários por completo, endereço IP, e-mail …. Total liberdade de informação…
    —-
    Fosse assim, essa hora o bot melhojairseacostumando já teria ‘vestido a peruca’ e comido um pedaço do ‘boulo’ que a genitora aqui fez pra ele… Legal!!!

    PS: C.N. Segue o link para as postagens a respeito desse comentário final, para que eu não pareça doido falando chinês. Grato por sua atenção:

    http://tribunadainternet.com.br/sem-bolsonaro-em-cena-candidatos-evitam-ataques-e-pregam-pacificacao/#comment-584125

    http://tribunadainternet.com.br/bolsonaro-ciro-e-haddad-aparecem-em-alta-no-datafolha-pos-facada/#comment-584559

    PS2: Quanto ao IP desses camundongos pestilentos de codinome melhojairseacostumando, jorge, etc…
    favor considerar disponibilizar os IPs.
    Verão na carne o que dá atacar uma pessoa real na internet
    A genitora aqui agradece, o hacker nem precisa do meu dinheiro, nos livramos desses peçonhentos antes do final das eleições…

    PS3: estou desligado do blog?

  12. Sra Fabrício, Jornalista Carlos Newton,

    Quanto á teoria da janela quebrada, cabe lembrar o texto de 03 de Setembro 2018:

    SEM MODERAÇÃO – Conforme anunciamos, o blog segue sem moderação.

    Realmente, muitos se acharam no direito de ‘quebrar o vidro’ e aliviar a pemba que vinham segurando (“segure sua pemba”, escreveu CN, no texto mencionado).
    No meu caso, foi afrontar o massivo ataque de bots do candidato do PSL Jail Bozonaldo, que tornou-se intolerável, visto o intento desses bots em ter o domínio total da área dos comentários, visando tornar os Posts assuntos secundários.

    Algo como há muito fazia o Alex Cardoso impondo temas sobre Lula completamente indiferentes aos Posts em que seus comentários apareciam.

    Não escrevo este texto como agitador ou “censurado”, “injustiçado”, ou “perseguido”.
    Mas precisei chegar ao ponto de desdenhar da ética jornalística solicitando ao moderador, como venho fazendo, o endereço IP de um bot infame como forma de resolver afrontas pessoais….

    Fossem “janelas quebradas” somente, “E que cada um segure sua pemba, como se dizia antigamente. Não dou a mínima aos agressores ou às supostas vítimas, porque todos têm culpa no cartório”.

    Sei que falto com respeito ao solicitar um endereço de IP ao moderador. Mas como este blog não é um portal UOL ou G1 e, havendo acesso ao moderador, vale tentar, que pagar um hacker para obter o IP dos bots no servidor UOL é custoso (e ilegal, embora valha a pena)…
    Mas aí eu volto ao mesmo lugar comum em que estava, antes da liberação da moderação em 03 de setembro, e não serviu pra nada.

    Havendo a liberação, vem os abusos e, como briga de rua, tem que deixar rolar até o fim, ou não se luta (nao libera).

    Está realmente insuportável a quantidade de afrontas pessoais.
    Para o bem do blog sou favorável á censurar esta falta de educação do brasileiro que não se sustenta no tema e parte para o insulto pessoal.

    Desde que comecei a leitura na TI notei que sempre houve troca de cordialidades pessoais, muitos lisonjeios etc., dos quais nunca participei justamente para não sair do tema e ir pro pessoal. Se fosse para alimentar meu ego não estaria escrevendo aqui. Política no Brasil ao meu ver, é combater a sujeira, e nada mais…

    Talvez o oposto? Total clareza de informação, com acesso aos dados disponíveis de cada usuário que posta comentários por completo, endereço IP, e-mail …. Total liberdade de informação…
    —-
    Fosse assim, essa hora o bot melhojairseacostumando já teria ‘vestido a peruca’ e comido um pedaço do ‘boulo’ que a genitora aqui fez pra ele… Legal!!!

    PS: C.N. Segue o link para as postagens a respeito desse comentário final, para que eu não pareça doido falando chinês. Grato por sua atenção:

    http://tribunadainternet.com.br/sem-bolsonaro-em-cena-candidatos-evitam-ataques-e-pregam-pacificacao/#comment-584125

    PS2: Quanto ao IP desses camundongos pestilentos de codinome melhojairseacostumando, jorge, etc…
    favor considerar disponibilizar os IPs.
    Verão na carne o que dá atacar uma pessoa real na internet
    A genitora aqui agradece, o hacker nem precisa do meu dinheiro, nos livramos desses peçonhentos antes do final das eleições…

      • E quer ter respeito desse jeito!

        Mal educado, desrespeitador, arrogante, prepotente, MENTIROSO, UM INDIVÍDUO TOTALMENTE DESCLASSIFICADO!

        Tem uma obsessão por mim, conforme se vê nesses últimos dois anos ou três anos, haja vista eu combatê-lo nos mesmos termos que pratica com os demais comentaristas.

        Responsável pela saída de bons colegas e de um excelente articulista, acha-se superior, mas não passa de um moleque!

        Aliás, os termos do seu texto dizem exatamente o que afirmo, que se trata de um sociopata, que não consegue viver em sociedade, quanto mais nesse blog, que tem como intenção acabar com a TI!

        Faltando um mês para eu completar sete anos neste espaço, minhas encrencas com outros comentaristas não passam de cinco ou seis, e não os vinte, conforme palavras do mentiroso profissional!

        Basta perceber que jamais aceita minimizar seus ataques e afrontas aos frequentadores deste blog, para se constatar que se trata de um mau elemento, irrecuperável, que semeia a discórdia e o ódio permanentemente!

        Aliás, ele mesmo condena a si próprio com suas contradições e a bile que derrama rotineiramente.

      • Perseguir vc? vc? mUITO PRETENSIOSA, NÃO? tsc tsc. Aliás nem se sabe quem é você, se é mulher, homem, criança, ou outra coisa…. Perseguir…. coitada(o)!! Outra que se esconde no anonimato e vem querer cobrar transparência! ha ha ha ha.

    • Ora ora, pois pois, comer um pedaço do Boulos pode dar disenteria e perturbar definitivamente a mente. Não poderia existir castigo maior. Não poderia ser um pedaço da vice do vice do Lula?

  13. Não, eu não sou um doente mental, mas tu tens todos os sintomas!

    Newton é testemunha das tuas perseguições, carioca, ASSIM COMO OS DEMAIS COMENTARISTAS.

    Não vai adiantar tu posares de vítima e continuares a me ofender, como tens feito ultimamente!

    Quem iniciou com a ofensa hoje foste tu, ao me chamares de baleia, e querendo que eu provasse …!!!

    Pois tá lá a prova!!!

    Quanto à inveja e autoritário é por tua conta, apesar de eu te perguntar onde que estaria a minha inveja e autoritarismo, se o dono da TI não sou eu.

    Ah, quanto ao saber de dicionário, de certa forma estás certa, pois pelo menos o idioma eu me esforço em usá-lo adequadamente, diferente de ti, que deve ver somente revistas em quadrinhos!

  14. Um dos paradigmas dominantes na sociedade pós-moderna é o Relativismo, que se manifesta mais claramente no relativismo moral, na inexistência de valores universais. O que conduz a uma anomia, pois esse relativismo é uma contradição em termos: se tudo é relativo, também é relativo que tudo é relativo, e ficamos girando em círculos, sem sair do lugar, feito baratas tontas, como já referi em comentário anterior.

    Um professor de Português não pode corrigir os erros gramaticais do aluno (como reza a pedagogia pós-moderna), a função da escola se dilui e o ensino se torna obsoleto, como se vê hoje.

    Se você adverte o seu vizinho que não junta o cocô do cachorro na rua estará sendo autoritário?

    O amigo que intervém na discussão entre outros dois amigos, prestes a chegar às vias de fato, numa mesa de bar, estaria praticando censura?

    É preciso levar em conta também que uma discussão por comentários é diferente de um bate-boca qualquer. Como diria Mário Quintana, uma besteira escrita é uma besteira gravada em bronze.

  15. Obviamente que não defendo a censura nem a exclusão de ninguém, especificamente. O que se vê é que alguns comentaristas levaram as diferenças para o nível pessoal, aí fica muito complicado…

  16. Sim foste ótimo enquanto atacava o PT e começou a ficar insuportável quando perdeste a boquinha com o Temer e montaste na Mula Paraguaia do PDT.

  17. Caro CN,
    Passando aqui só para lembrar que a censura existe quando se critica um indivíduo e não uma ideia.
    Mas mentes pequenas só sabem discutir pessoas.
    Valeu sua tentativa!
    Abraços

  18. Desconjuro, cruz credo! Que mundo de repressões crescentes e generalizadas! É câmera nas ruas, nos banheiros, na sonda do ginecologista. Para comprar algo, tem de ser com dinheiro; para ganhar dinheiro é obrigado a trabalhar ou roubar……Mão, contramão, obrigatoriedade eleitoral, fidelidade conjugal…….
    Este Blog que deveria servir de “almofada de box”, a fim de que os participantes pudessem exorcizar seus capetas íntimos, extravasarem seus traumas e recalques …….
    A liberdade de expressão é uma sublimação alternativa à luta sangrenta. Por exemplo: o açougueiro vendeu dois quilos de buchada de bode a um caloteiro. De tanto esperar pelo pagamento, o cobrador se enfureceu, pôs um trinta-e-oito no cós e gritou: “Mulé, vou matar aquele cabra sarragôn-iu”. “Faça essa loucura não Zé, intrega isso tudo pro nosso Padím Pade Ciço, home. Ói que nóis tem 11 bruguelos pra mode a gente cabar de criar!” Aconselhou-o sua esposa, Nhá Senfrózia.
    Ao se encontrar num Bar com o trapaceiro, Zé deu dois socos numa mesa de bilhar, e furioso bradou: “Seu fí dum-a egua, cê paga mín-a buchada agora!”
    Depois que passou a dor na mão, resultante dos murros que Zé Valetão descarregou no bilhar.O sujeito desacelerou, ficou mais dócil que um ursinho de pelúcia: cumprimentou o devedor com boas maneiras e ainda deu-lhe um longo prazo para quitar o débito.
    Explicação: Zé tinha contido dentro de si um potencial pugnaz, (uma mola encolhida), o qual ele intentava fazer fluir pelo cano do revólver. Mas, quando bateu forte sobre o bilhar, inconscientemente, ele transformou um impulso vulgar em algo socialmente aceito.
    Cão que ladra não morde! Ou como já cantava o regueiro, lá de Côte D’Ivoire (Costa do Marfim), Alpha Blondy: “Les chiens aboient, la caravane passe”

  19. como já disse anteriormente, apoio o editor. Infelizmente algumas pessoas só aprendem na base da violência, mesmo que sendo de forma virtual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *