Toffoli, Gilmar e Lewandowski querem processar o procurador Dallagnol

O procurador da Lava Jato Deltan Dallagnol

Dallagnol disse que os ministros formam uma “panelinha”

Mônica Bergamo
Folha

O STF (Supremo Tribunal Federal) pode abrir um inquérito para investigar o procurador Deltan Dallagnol, da Operação Lava Jato, por críticas feitas a ministros da corte. Nesta sexta-feira (dia 17), tanto a corregedoria do MPF (Ministério Público Federal) quanto a do CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) abriram procedimentos para averiguar o teor das declarações dele a uma rádio.

Magistrados do STF acham, no entanto, que as medidas são insuficientes, já que preveem apenas sanções administrativas. Eles pretendem analisar a conduta de Dallagnol do ponto de vista penal. Um deles pensa até em propor uma ação por danos morais.

“PANELINHA” – O procurador da Lava Jato afirmou que os ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski formam uma “panelinha” e “mandam uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção” com decisões que têm tomado.

Dallagnol não quis se manifestar. Em casos semelhantes, procuradores têm invocado o direito à liberdade de expressão para dizer que não há crime em suas declarações

BAIXO ASTRAL - A revelação de que sua filha, Veronica Serra, administrava contas secretas na Suíça abalou ainda mais o senador José Serra (PSDB-SP), que já estava recluso desde que surgiram as primeiras notícias sobre a referência a seu nome em delações da Odebrecht.

Documentos enviados ao Brasil pela Suíça mostram que ela administrava uma conta que recebeu depósitos de R$ 1,78 milhão.

BOLSONARO E HADDAD – A pesquisa da XP Investimentos divulgada na sexta (17) confirmou sondagens de bancos e administradoras de fundos que mostram a real probabilidade de um segundo turno entre Fernando Haddad (PT-SP), como “candidato de Lula”, e Jair Bolsonaro (PSL-RJ).

Nas palavras do diretor de uma administradora, o mercado ainda está em fase de “negação” do quadro, considerado o pior para seus interesses.

12 thoughts on “Toffoli, Gilmar e Lewandowski querem processar o procurador Dallagnol

  1. As palavras do procurador foram muito juvenis “panelinha”?!!!
    Está mais para uma “QUADRILHA”.
    Foi nojenta a defesa do aumento pelo levandovisque; fora outras.
    O não reconhecimento impeditivo do beiçola no caso do explorador do transporte no RJ outra e por aí vai; o toffffosllli não passar em concurso para juiz e aceitar o stf é porque o stf não vale nada mesmo.

  2. Sera que eles não leem a TI? Pois caso fizessem, já estaríamos todos processados e devendo indenização a eles.
    Os excelsos do pretório, são tão “supremos”, que é até perigoso dizer alguma coisa deles e sofrer um castigo divino.
    São os verdadeiros donos do pais, a constituição depende da opinião deles , até porque contra a decisão “da turma”, não ha para quem recorrer, nem a comissão dos direitos dos manos petistas.

  3. O procurador ainda foi muito bonzinho com a quadrilha do stf. Quanto as eleições, o quadro que se apresenta, é Bolsonaro x Alguém. Este alguém deve ficar entre Haddad, Marina ou Alckmin. Haddad tem mais força por causa do Lularápio, Marina corre por fora mas, como sempre escorrega nas suas fraquezas e Alckmin com uma chance minúscula, que diminuiu muito depois de se aliar ao que tem de pior no Congresso, poderíamos até falar que Geraldinho Merenda é o Temer II. Se Haddad ganhar, o país vai enfrentar sua pior crise financeira, acredito que seguiremos o caminho venezuelano senão houver uma interferência “divina”.

  4. A Desembargadora Drª Calmon, disse que há bandidos da Toga, e esse trio desmoraliza o stf perante o Mundo, descaradamente, protegidos pelo “espirito porco”, Portanto, se perguntar ao Cidadão consciente de sua Cidadania, o que “acha”da 2ª turma, tirando o Dr. Fachin, a resposta é impublicável.- e os Mellos . Infelizmente, Pobre Brasil, tá ferrado, em meus 89 anos nunca ví tanta corrupção nos 3 poderes, que estão podres.

  5. Caro Jornalista,

    -Tóffoli… Não é aquele que chegou ao Supremo graças aos serviços prestados para a organização criminosa petista?
    -Lewandowski… Não é aquele que atropelou a Constituição para separar “cassação” do “mandato” da companheira?
    -Gilmar Mendes… Ora, o Gilmar Dantas…

    Portanto, senhores, “não esperem sentir aroma perfumado vindo de animal que passou a vida se refastelando em carniça”.
    A carniça do povo brasileiro. A carniça de milhões de homens, mulheres e crianças.

  6. Que prazer ver pessoas conscientes que tão longevas, ainda analisam e se preocupam como o país, como o Sr.Thei Fernandes. Que tristeza sua constatação, pois aos 61 digo o mesmo. O país e suas dominadas instituições estão numa ladeira abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *