Trump pagou US$ 2,7 milhões a organizadores do protesto que provocou à invasão do Capitólio

DOUG JENSEN, 41 anos, morador do estado de Iowa, foi preso pelo FBI na madrugada de sábado. Doug foi reconhecido em imagem que se tornou icônica durante o motim no Capitólio. É ele o homem que, vestindo um boné de tricô e uma camiseta da QAnon com uma águia, aparece com os braços abertos enfrentando seguranças do Congresso Foto: MIKE THEILER / REUTERS

Quatro militantes e um policial morreram no confronto

Deu no Globo
Agência Bloomberg

A campanha do então presidente americano Donald Trump pagou mais de US$ 2,7 milhões (cerca de R$ 14 milhões) a indivíduos e empresas que organizaram a manifestação de 6 de janeiro que culminou na invasão do Capitólio. A informação é da organização Center for Responsive Politics (CRP).

Os pagamentos, feitos durante a campanha de reeleição de Trump, constam nos documentos da Comissão Eleitoral Federal, que os monitorou até o dia 23 de novembro. A solicitação para fazer a manifestação, que aconteceu em propriedade federal, foi feita um dia após essa data.

PERTO DA CASA BRANCA – O protesto, que depois levou à invasão do Capitólio, aconteceu no parque federal Elipse, que fica próximo à Casa Branca, e foi organizado pelo grupo Women for America First (Mulheres pelos Estados Unidos em primeiro lugar, em tradução livre). Foi nesse evento que Trump encorajou seus apoiadores a impedir que o Congresso ratificasse a vitória de Joe Biden na eleição presidencial.

Para usar o espaço, os organizadores pediram uma permissão especial para o Serviço Nacional de Parques. Os nomes de oito funcionários da campanha do republicano aparecem na autorização.

Entre eles está o de Maggie Mulvaney, sobrinha de Mick Mulvaney, ex-chefe de Gabinete de Trump que renunciou ao cargo de enviado especial à Irlanda do Norte após o motim. Até 23 de novembro, ela recebeu US$ 138 mil da campanha do republicano, segundo informou o Center for Responsive Politics

OUTRAS ORGANIZADORAS – Outro nome listado é o de Megan Powers, que aparece na autorização como uma das duas gerentes de operações do comício. Ela recebeu US$ 290 mil da campanha de Trump entre fevereiro de 2019 e novembro do ano passado. Powers foi diretora de operações da campanha de Trump.

Também receberam dinheiro da campanha de Trump uma importante arrecadadora de fundos do Partido Republicano, Caroline Wren, listada na autorização como conselheira do comício, e Ronald Holden, o gerente dos bastidores.

Quem mais recebeu, segundo o relatório do CRP, foi a empresa Event Strategies Inc., que ganhou mais de US$ 1,7 milhão por trabalho na campanha de Trump e pelo comitê conjunto de arrecadação de fundos. Os proprietários da empresa, Justin Caporale e Tim Unes, atuaram como gerente de produção do comício e gerente de palco, respectivamente.

SEM FINS LUCRATIVOS – Além disso, de acordo com o CRP, a Women for America First tinha uma relação financeira com a America First Policies, a organização sem fins lucrativos pró-Trump formada para avançar sua agenda logo depois que o republicano assumiu a Presidência.

Em uma declaração de impostos recente, esta última fez uma doação de US$ 25 mil para a Women for America First em 2019.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Como diria Silvio Santos, foi tudo por dinheiro. (C.N.)

3 thoughts on “Trump pagou US$ 2,7 milhões a organizadores do protesto que provocou à invasão do Capitólio

  1. Xi Jinping: Precisamos manter a globalização e a abertura comercial.

    Bolsominion: China imperialista! Quer comprar nosso país!

    Brasileiro consciente: Verdade, bolsominion. Por isso precisamos de uma política sistemática de desenvolvimento conduzida pelo Estado para nacionalizar os setores estratégicos do país, proteger os nossos trabalhadores e empresários da concorrência estrangeira e favorecer o investimento em detrimento da especulação e da jogatina financeira. Assim, a indústria brasileira florescerá e as nossas matérias-primas serão aproveitadas aqui dentro, sem que sejam enviadas ao exterior e abasteçam a indústria dos outros países.

    Bolsominion: Comunista! Estamos no século XXI! Gado do Lularápio e da Dilmanta!

    Brasileiro consciente: Então o que você quer, bolsominion?

    Bolsominion: O Trump vai voltar mês que vem e vai dar uma lição nesses comedores de cachorro!!

    Brasileiro consciente: Então vai se f****. Continua pedindo penico pra “China comunista” então, como seu presidente já fez no leilão do pré-sal, do 5G, da Ferrogrão e agora nas vacinas, enquanto o Trump nem atende os telefonemas dele.

    Xi Jinping (em off): Vida longa a Bolsonalo e Paulo Guedes!!

    https://www.facebook.com/felipe.quintas.1/posts/1510148015849114

  2. Para escapar da prisão a única alternativa do pato Donald laranja é se filiar ao PSDB.
    Tudo resolvido.
    Nunca será preso.
    E ainda tem a satisfação de ter como colega de partido o poderoso chefão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *