Uma canção em homenagem à vida simples dessa gente que trabalha a terra

Funarte - Portal das Artes

Cristina Saraiva cultiva as origens dos brasileiros

Paulo Peres
Poemas & Canções

A produtora, professora de história e compositora (letrista) carioca Cristina Gomes Saraiva discorre, na letra de “Minha Terra”, sobre o que realizou no lugar onde sempre viveu. A música “Minha Terra” foi gravada por sua parceira Simone Guimarães no CD Aguapé, em 1998, pela Tiê/Cid.

MINHA TERRA
Simone Guimarães e Cristina Saraiva

Foi nessa terra
que vivi a vida inteira
que cravei minha bandeira
que plantei meu coração
no pé da serra
levantei minha tapera
trabalhei toda essa terra
e cuidei da criação
e nessa terra
me casei com minha amada
vi crescer a criançada
ensinei o que aprendi
e na viola, na enxada
meu caminho fiz do nada
fiz sozinho
minha vida construí
mas numa tarde
pelo mês de fevereiro
foi chegando um forasteiro
de gravata e certidão
e sem cuidado
foi dizendo, violeiro
busca outro paradeiro
que comprei todo esse chão
por essa estrada
feita de pedra cortante
de saudade, de instante
vou levando o que sobrou
minha viola
meu facão
minha enxada
a mulher, a criançada
e a fé no Criador

3 thoughts on “Uma canção em homenagem à vida simples dessa gente que trabalha a terra

  1. Tamanho contraste: uma écloga tecida por uma carioca? Isso mostra a versatilidade artístico-intelectual de Cristina Saraiva e seus conterrâneos!
    Pois, a noção errônea que o Brasil tem do Rio de Janeiro, é a de que, naquela Unidade da Federação só existe vida urbana, ínfima safra agropecuária, carnaval, “boyêmios”, habitada por malandros, baixa produção de cantores sertanejos…..

  2. Ah, quem sabe, se nascesse no Rio, teria a oportunidade de fincar meu pé naquela terra, de me casar com uma carioca que tece écloga, e que esbanja um sorriso solto e comovente como o de uma criança diante de um sorvete (rimou!).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *