Uma desesperada canção de ao Rio, cidade maravilhosa, apesar de tudo

Vasco De Britto | Discografia | Discogs

Debritto, com muita saudade do Rio

Paulo Peres
Poemas & Canções

O engenheiro, produtor musical, arranjador, cantor e compositor paulista Vasco Ramos de Debritto, na letra de “Rio de Janeiros”, revela a saudade que sente dos janeiros vividos na cidade maravilhosa. A música foi gravada por Vasco Debritto no CD Visions, em 1999, pela Koala Records.
RIO DE JANEIROS
Vasco Debritto
Rio de Janeiro, estou pensando em ti
Ando muito triste e acabrunhado aqui
Até parece que não sei, nem nunca vi
Mar azul, corpo dourado, um céu rubi

Rio de Janeiro, nem é bom falar
Tô perdendo a ginga, a cor, o linguajar
Jogo de cintura, o brilho do olhar
Tá faltando espaço, tá faltando ar

Já faz tanto tempo, o passaporte desbotou
Verde que queria mais que verde amarelou
Tenho pensado em nós dois
O sol aqui já se pôs

Rio de Janeiro é feito uma oração
Fiz até promessa a São Sebastião
Pra voltar depressa, abrir meu coração
Pra morena mais bonita
Lá da Penha, da Restinga ou do Leblon

One thought on “Uma desesperada canção de ao Rio, cidade maravilhosa, apesar de tudo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *