Uma desesperada mensagem de amor, na elegia poética do gaúcho Carlos Nejar

Imagem relacionada

O escritor e poeta Carlos Nejar, em entrevista à TV Gazeta

Paulo Peres
Site Poemas & Canções

O crítico literário, tradutor, ficcionista e poeta gaúcho Luís Carlos Verzoni Nejar, no poema “Elegia”, faz uma desesperada mensagem de amor, de quem se perde pensando em perder a amada.

ELEGIA

Carlos Nejar


Liberdade,
sem ti nada mais sei.

Compreendi o mundo
em ti, sutil
compêndio.

Amei muito antes
de me amares,
entre surtos e sulcos.

Amei
e só a morte
de perder-te
me faz viver
multiplicando
auroras, meses.

E sou tão doido
que o riso inútil
percorri
de me perder, perdendo-te,
perdido em mim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *