Variadas, com Neymar, Ganso, Paraolimpíada, Eike Batista, Dilma, Serra, Sarney e o PMDB (já em busca de cargos)

Resolvido o problema de Neymar, o Santos começa uma corrida para manter Paulo Henrique Ganso. O próprio jogador gostaria de ficar mais algum tempo. Mas não há dúvida, seria difícil dois “patrocínios” iguais. Mas há esperança.  ***  Emocionante, o ouro dos atletas brasileiros, na Paraolimpíada. E não só dos brasileiros. É nova vida, um renascimento. Um jovem sem os dois braços vencer uma prova de natação, é um reviver extraordinário.  ***  Absurdo total, comparar Neymar com Eike Batista. O garoto do Santos está construindo sua carreira e independência dentro de campo.  ***  Sobre a fortuna do Eike, herdada da terra (subterrânea), não vale.  ***  Faltam 42 dias para a eleição (?), e a desesperança é total. O melhor seria uma chapa juntando os dois “candidatos” incompetentes e inúteis.  ***  Dilma e Serra, cada um ficaria um ano no Poder, passaria ao outro. Não teriam tempo para devastar o país, não se perderia tempo no ato de votar.  ***  Na famosa Batalha de Stalingrado, se dizia: “Luta-se de casa em casa”. Era verdade, foi a maior da Segunda Guerra.  *** Agora é o PMDB que “luta em três frentes”. Presidência da Câmara, Senado, ministérios.  ***  José Sarney já decretou: “A presidência do Senado continua comigo”. Quem pode tirá-lo de lá?  ***  Quanto à presidência da Câmara, o PMDB precisa negociá-la com o PT: este partido faz a presidência, em troca de ministérios (mais do que a cota atual do PMDB, já que ficará sem o domínio da Câmara.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *