Vice-presidente da Câmara aponta ‘chantagem’ de Guedes para calote nos precatórios

Reprodução do Arquivo Google

Alberto Bombig e Matheus Lara
Estadão

Não desceram redondas no Legislativo as frases ditas por Paulo Guedes na Comissão de Relações Exteriores do Senado. O ministro da Economia, em linhas gerais, condicionou até o pagamento de salários da máquina pública à aprovação da PEC dos precatórios.

O vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos (PL-AM), resume o sentimento de grupo representativo, segundo apurou a Coluna: “Ele já deveria ter aprendido que a Câmara não se submete a esse tipo de chantagem barata. Sugiro que ele dialogue sobre a PEC em termos sérios e técnicos”.

BOLSA FAMÍLIA – Apesar do alerta, diz Marcelo Ramos: “A Câmara tem boa vontade de dialogar com o ministro Guedes sobre saídas para a reestruturação do Bolsa Família”.

Até aqui, o deputado tem votado com o governo nas pautas que considera serem de interesse do País. Inclusive, Ramos foi peça fundamental na aprovação da reforma da Previdência, maior feito de Guedes.

Mas o parcelamento dos precatórios realmente enfrenta resistências. As declarações do ministro Guedes só aumentaram o desafio de Ciro Nogueira e Flávia Arruda.

OUTROS PROBLEMAS – Não está fácil a vida do governo na agenda econômica. Segundo associação de redes de farmácia, a proposta de reforma tributária bancada por Bolsonaro pode dificultar ainda mais a manutenção da saúde da população e levar a aumento de 12% no preço dos remédios.

Um dos líderes do MBL, Kim Kataguiri protestou contra os gastos do cartão corporativo de Bolsonaro e fez convocação para a manifestação do próximo dia 12.

O evento organizado pela direção do PTB como desagravo a Roberto Jefferson, com apoio do clã Bolsonaro, praticamente não teve adesão de parlamentares do próprio PTB. O motivo? Os ausentes acharam que poderia rolar pedido para que fossem fotografados segurando armas, como fez Jefferson. Quem tem juízo não vai ter o mesmo destino do “Leão do PTB”, preso faz uma semana por ordem do STF.

###
P.S. –
Por fim, a chegada de Rodrigo Maia ao Palácio Bandeirantes é aguardada com curiosidade. Criado no Rio, ele é visto como um “carioca da gema”. Assessores de João Doria no palácio dizem que Maia terá de aceitar que biscoito, claro, não é bolacha.

5 thoughts on “Vice-presidente da Câmara aponta ‘chantagem’ de Guedes para calote nos precatórios

  1. Tudo que Bolsonaro faz é errado ?

    Acabou com a mamata na binacional Itaipu …

    Acabou com a mamata na Petrobras….

    Acabou com a mamata Caixa Econômica …

    Acabou com a mamata nos Correios…

    Vetou o fundão eleitoral….

    Não alimenta com dinheiro publico imprensa…

    Ninguém pego correndo com mala de dinheiro na rua….

    Nenhum com dinheiro na cueca …

    Conteste o que escrevo e não a minha pessoa !

    Onde os petralhas meteu a patinha houve corrupção ..

  2. Recentemente os nobres deputados aprovaram o escandoloso Fundão Eleitoral, mas descaradamente prometem dialogar com o ministro Guedes sobre saídas para a reestruturação do Bolsa Família. Por falar em família, o nobre deputado do PL tem genitora? Não parece.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *