Volta hoje à presidência da Câmara de Brasília, o imprudente Leonardo

Na carteira de identidade, o nome é exatamente o contrário da realidade. Sem constrangimento, a partir de agora, além de acumular dinheiro nas meias, terá outra tarefa: salvar a si e a alguns colegas, da cassação.

E livrar o “patrão” e “pagador”, do impeachment que já está atrasado. O que se diz em Brasília: esse presidente da Câmara Distrital, tem proposta de publicidade. Faturamento ótimo para dizer num comercial: “Eu guardo dinheiro nas MEIAS LUPO”. A mesma que patrocina e coloca o nome nos calções de árbitros de futebol.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *