Zelaia, culpado ou inocente?

A destituição (?) do presidente de Honduras está ainda envolta em misterio. É prudente esperar esclarecimento verdadeiro, para a tomada de posição. Os militares de todos os países adoram “derrubar presidentes não-democratas”.

Presidentes eleitos pelo povo sempre querem manipular esse Poder que foi concedido para determinado tempo e prorroga-lo. Estão aí FHC, Fujimori, Menen que confirmam o fato. E a defesa apaixonada que Lula fez de Zelaia, “ele só pretendia um referendo, isso não é crime”, complica ou esclarece as coisas.

Zelaia obteve uma enorme corrente de apoio internacional. É justo que volte ao Poder para cumprir apenas o mandato popular. Os militares não representam a voz do povo nem têm autoridade de corte suprema.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *