Zelaya, o insensato

Ontem, terça, apareceu em muitas televisões, menos no Brasil ou nos EUA. Disse, parodiando o general McArthur quando recebeu ordens de Roosevelt para abandonar as Filipinas: “Eu voltarei”. Voltou mesmo.

Só que Zelaya é um simples golpista, que não querendo deixar o governo no fim do mandato, foi superado por outros golpistas. Disse: “vou para Honduras por uma das três fronteiras abertas para mim”.

Às 11 horas, ninguém consegue localizá-lo, o dia deve ser movimentado na América Central.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *