Até Toffoli apoia Mendes na investigação da campanha de Dilma

Toffoli diz que a ação de Gilmar tem respaldo do TSE

Marcio Falcão
Folha

Ministros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) defenderam nesta terça-feira (1) a importância de uma Justiça Eleitoral atuante em resposta ao parecer do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que criticou a “inconveniência” da Justiça e do Ministério Público Eleitoral se tornarem “protagonistas exagerados do espetáculo da democracia”.

A declaração consta em parecer no qual Janot arquivou pedido de Gilmar Mendes, vice-presidente do TSE e integrante do Supremo Tribunal Federal, para investigar uma empresa fornecedora da campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff.

Mendes, o presidente do TSE, Dias Toffoli e o ministro João Otavio de Noronha saíram em defesa do poder de investigação da Justiça e da apuração de indícios de irregularidade da empresa que prestou serviço para a campanha petista.

NOVO PEDIDO

Mendes anunciou que vai enviar um novo pedido reiterando que Janot investigue a empresa a VTPB Serviços Gráficos e Mídia Exterior Ltda que recebeu R$ 22,9 milhões da campanha petista por publicidade e materiais impressos.

Segundo ele, há indícios de que a gráfica seria uma empresa de fachada e sem estrutura para oferecer os serviços contratados. A VTPB nega irregularidades. Mendes afirmou que Janot pode ter entendido errado sua demanda, sendo que seu objetivo não é reabrir a prestação de contas da campanha de Dilma, que já foram aprovadas com ressalvas no ano passado.

“ADVOGADO DE DILMA”

Gilmar que chegou a recomendar que Janot deveria procurar não atuar como advogado de Dilma, voltou a alfinetar o procurador.

“O que se espera do PGR, portanto – parece que vossa excelência entendeu de forma bastante estrita o encaminhamento–, é que proceda as devidas investigações dos possíveis ilícitos penais que saltam aos olhos da Nação”, disse o ministro.

“Enfim, essa corte superior de Justiça Eleitoral bem cumprirá suas funções nesse âmbito especializado. Nem precisa receber lições nem do procurador-geral da República e nem de quem quer que seja. Todavia, no que concerne aos crimes que surgem das acusações empreendidas, o país depende da diligência da PGR para que investigações e acusações sejam levadas a sério”, completou.

AVESTRUZES

Para Mendes, a justiça deve ter uma forma minimalista, mas isso não significa que as autoridades devem “enfiar a cabeça na terra como se fossem avestruzes”. Ele disse ainda que “não é tão jejuno em matéria eleitoral” para reabrir as contas de Dilma, sendo que o procurador-geral argumentou que não há mais prazos para recursos questionando o balanço.

Corregedor-Geral Eleitoral, o ministro João Otavio de Noronha que é preciso ter tratamento equânime na justiça, agindo para pequenos e para os maiores candidatos. Segundo ele, sempre quando há questões envolvendo candidatos de peso é tido como terceiro turno.

“Não estou aqui para polemizar com o procurador. Estou aqui para defender a legitimidade de atuação jurisdicional de toda a Justiça Eleitoral. Não podemos nos intimidar. Não podemos sucumbir as propagadas alegações de uma atuação exagerada porque exagerada é aquilo que transborda o limite da lei e não a atuação da justiça”, afirmou.

TOFFOLI RESPALDA

Num tom mais discreto, Dias Toffoli disse que a ação de Gilmar pedindo investigações não é individual e tem respaldo da Corte porque as contas foram aprovadas com ressalva, permitindo diligências em outros órgãos.

Janot afirma que sua decisão de não apurar a empresa foi técnica. No parecer, o procurador-geral da República afirmou que solicitou informações à gráfica, que enviou notas fiscais de serviços e modelos de santinhos e impressos. O procurador argumentou que os fatos “não apresentam consistência suficiente para autorizar, com justa causa, a adoção das sempre gravosas providências investigativas criminais”.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGAleluia, irmão! Dias Toffoli abandona a irmandade pecadora e se junta àqueles que lutam pelos interesses nacionais e anseiam por Justiça. Oremos, todos, nem tudo está perdido. Os dias que restam ao governo do PT estão contados. E la nave va, sempre fellinianamente. (C.N.)

20 thoughts on “Até Toffoli apoia Mendes na investigação da campanha de Dilma

  1. Como sou cético e vivi bastante, resta saber a quem interessa esta derivação de comportamento do ministro. Tenho uma teoria, mas precisa de comprovação.

  2. CIRO GOMES FULMINA MANOBRAS EM CURSO NO TSE E TCU — “Há uma inteligência no Brasil que percebeu com certa clareza onde estavam aqueles valores que importam para o país: a defesa da soberania; a superação das desigualdades sociais; e o desenvolvimento nacional”. Ao fundamentar assim o apoio à reeleição da presidente Dilma Rousseff o ex-ministro Ciro Gomes​ (PDT) acusa a escalada golpista tanto paraguaia quanto bolivariana que circula sobre Brasília, acentuando preocupação diante dos descaminhos do governo que ao praticar agenda contraditória à que os eleitores votaram está desconstituindo a legitimidade do mandato da presidente.

    Vídeo entrevista com Ciro Gomes: http://www.youtube.com/watch?v=8kDP-nboIo4 (aproximados 14 minutos)

    • Não vale apena levar em consideração as opiniões desse escroque chamado Ciro Gomes.Ele não tem a mínima capacidade de falar em golpe,visto que ele foi um dos políticos a batalhar a favor do impedimento do ex-presidente Collor.
      Que ser presidente(?)se candidatando pelo PDT.Não tem a mínima chance.Teve uma oportunidade em 2002.Desperdiçou.
      Portanto, esse tosco e calhorda, já era.Tenho dito.

    • Palavras do Ciro Gomes:

      “Ministério público é o caralho! Não tenho medo de ninguém. Da imprensa, de deputados. Pode escrever o caralho aí”
      Ciro Gomes (PSB-CE), deputado, ao negar, à sua maneira, que dera passagens da Câmara a parentes.
      Fonte: Folha Online
      23/04/2009

      “Sempre fui acusado de ter trocado muito de partido. Minha vida partidária é uma tragédia mesmo”
      Ciro Gomes, pré pré candidato a presidencia, entrevista a IG
      Fonte: Portal IG
      23/04/2010

  3. Como eu havia escrito há muito tempo aqui na TI, com o abandono do Zé Dirceu pelo PT, essa nova posição do Toffoli era esperada. Ele acha, com razaõ, que deve tudo ao Zé. Antes de ir para a Casa Civil ele tinha um ‘escritorico’ de advocacia. Depois foi para a Casa Civil, ficou por uns tempos numa salinha ao lado do Gabinete do Zé e aos poucos foi subindo..

  4. Quem paga ???
    ” O blogueiro e apresentador de programa de variedades da Record Paulo Henrique Amorim acaba de ser condenado a pagar 20 000 reais a Ali Kamel, numa ação de indenizatória movida pelo diretor de Jornalismo da Globo. É terceira vitória de Kamel sobre Amorim em ações deste tipo.

    De acordo com a decisão da juíza Lindalva Soares Silva, da 44ª Vara Cível do Rio de Janeiro o dano moral, a injúria e a difamação ficaram patentes a partir de uma frase de Amorim em entrevista ao jornal do Sindicado dos Jornalistas de São Paulo: “Eu direi até o fim dos meus dias que o senhor Ali Kamel é um dos esteios mais sólidos do pensamento racista brasileiro”.

    Cabe recurso à decisão.
    Por Lauro Jardim

    • O link que inseri levando para a entrevista de Ciro Gomes para Paulo Henrique Amorim é pelo conteúdo sobre o qual comento, não pelo entrevistador e suas implicâncias em processos ou vencimentos. Quanto a isto, responda ele.

  5. O ‘Republicanismo’ do Dr. Janot Bibelô…
    “Rodrigo Janot já firmou convicção sobre como agir no caso que mostrou a proximidade de Benedito Gonçalves e Dias Toffoli com Léo Pinheiro, da OAS (leia mais aqui).

    Janot acredita que há elementos suficientes para que Benedito Gonçalves seja investigado – será o primeiro magistrado nesta condição -, mas o que surgiu até agora contra Dias Toffoli ainda é pouco para que se abra qualquer procedimento contra ele.
    Por Lauro Jardim

  6. Ciro Gomes teve méritos quando foi governador do Ceará. Depois disso, nunca mais fez nada. Quer dizer, fez uma coisa, arrasou o Rodrigo Constantino em um debate. Mas isso é facil…

  7. O governo está gerenciando o Foro de São Paulo direto de Brasilia. O povo é apenas gado, marketing junto com lavagem cerebral. Precisamos retomar o país Brasil com sua democracia. Solicitamos as FFFAA para juntos redemocratizar constitucionalmente nosso país. Quem não estiver satisfeito que vão pra Cuba

  8. Ora, vejam só;
    “Mas veja o que Rodrigo Janot (depois de fazer uma incursão política admonitória) afirmou, ao arquivar o pedido de Gilmar Mendes:

    “A Corte Eleitoral tem entendimento consolidado [em dois votos do próprio min. Gilmar Mendes] de que, após a diplomação do candidato eleito, não cabe questionamento das contas de campanha” (Estadão 3/8/15: A4) [Mas se Gilmar sabia disso, por que fez o pedido? Por espetáculo? Por ódio ao PT]”

  9. Caro Carlos Newton (CN).
    Peço-lhe desculpas, por minhas palavras e não sou homem de comentar fora de minha circunscrição. Mas os mesmos intelectuais, que fundaram o PT, são os mesmos do PSDB.
    Ou é um ou é o outro também, balaios do mesmo saco. Esquerdistas amenos e comunistas ferrenhos. Estamos irritados por tudo acontecer e nada de concreto não acontecer. Até os militares sabiam do Foro de São Paulo, mídia e (IGREJA) e etc.
    O que querem fazer desse povo lindo de viver, que já estão sem se falar nas ruas, nos corredores dos prédios, e mais e mais.
    Por favor, continue a lutar por este povo por vocação e amor a DEMOCRACIA.
    Mil desculpas, mas está dando nojo, tanta mentira, tanto jogo. O PSDB tem medo de Manuel, Antonio, do Foro de São Paulo?

Deixe uma resposta para Luiz Antônio Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *