“Eu e Ciro Gomes  já conversamos e nos entendemos”, revela ex-ministro Mandetta sobre 2022

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. Foto: Erasmo Salomão/MS

Mandetta participou de debate ao vivo sobre eleição de 2022

Ana Raquel Lelles
Estado de Minas

Apesar das diferenças de ideologias políticas, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) contou que se entendeu com o ex-governador Ciro Gomes (PDT). Mandetta revelou, nesta sexta-feira (30/4), durante live da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), em que Ciro também teve participação.

“Eu e Ciro conversamos e nos entendemos perfeitamente, pois os valores eram maiores. O próximo passo é exatamente exercícios como esse em que a gente vai vendo aqueles que pregam que somos, diferentes, assimétricos, incapazes, vão se surpreender que não somos. Existem pesadelos que só sonhos para sair deles”, explicou o ministro.

POLARIZAÇÃO NEGATIVA – O ex-ministro apontou  os malefícios da polarização política, principalmente no cenário das eleições de 2022, entre Jair Bolsonaro e o ex-presidente Lula. .

“É utópico, pode ser que seja. Que vivamos de utopia”, disse. “Quero acreditar em um projeto de nação”, completou, ao falar sobre a terceira via.

Em outro momento, Mandetta reforçou a importância da fala de Ciro sobre dependência tecnológica e ressaltou como as redes sociais podem ser usadas para momentos de debates de ideias divergentes, ao invés de estarem ocupadas  por politicos que usam para o “gabinete do ódio”.

LIVE NO SINDICATO – Mandetta participou, nesta sexta-feira (30/4), de uma live da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) que discutiu “caminhos para a reconstrução social” brasileira. A transmissão também contou com a participação do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), e dos ex-governadores Ciro Gomes (PDT) e Márcio França (PSDB).

O ao vivo começou às 19 horas no Facebook da CSB. Para divulgar a live, a central criou a hashtag #UniãoPeloBrasil e ficou em primeiro lugar dos assuntos mais comentados do Twitter Brasil desde o início da transmissão.

19 thoughts on ““Eu e Ciro Gomes  já conversamos e nos entendemos”, revela ex-ministro Mandetta sobre 2022

  1. Esses caras são tão democratas que as lives deles são fechadas para comentários. Até o Bolsonaro é mais democrata dos que eles, posto que mantém as suas páginas no Facebook abertas para comentários até de adversários. Basta. Chega dos mesmos. O projeto de nação já está na praça há mais de 20 anos, e aqui na T.I. há mais de 10. Arrumem outra música, oportunistas. O problema maior do Brasil e do povo brasileiro é o seu sistema político aberto à corrupção e fechado para a solução. A política do Brasil precisa pensar grande para realizar o grande feito político, típico de Estadistas, que o povo brasileiro está esperando da classe política há trocentos anos. PEPE ESCOBAR TEM RAZÃO, os norte-americanos são inteligentes, não são bobos, não brincam em serviço, e, tanto quanto China e Rússia nos espionam diuturnamente, e até por isso, como já disse o próprio Obama, eles sentem ojeriza e querem distância de candidaturas continuístas da mesmice, personalistas, populistas, egocêntricas, narcisas, bravateiras, sofistas, superadas, do tipo Lula, Bolsonaro, Ciro Gomes, Dória e o resto da turma do mais dos me$mo$, impostos pela ditadura partidária do sistema apodrecido, cheios de blá-blá-blá, gogó e trololó, porém vazios de borogodó, ou seja, vazios de soluções inovadoras interessantes não só para o Brasil mas tb para os EUA, que possam ajudar não só o Brasil a se reinventar mas tb os EUA, face à reinvenção bem-sucedida da China, novo bicho-papão do mundo, conforme as suas próprias características e realidade, que acabou revelando a decadência explícita e ineficiência das pseudas democracias norte-americana e pior ainda o arremedo de democracia brasileira que, infeliz e desgraçadamente, consegue ser ainda pior, mais bagunçada e mais vulnerável ao assédio e penetração de picareta$, psicopata$ e afin$, do que a norte-americana, ou seja, bem como mais ditatorial e mais ineficiente, daí o grande interesse dos EUA pelo Brasil, conforme revelado pelo próprio Obama até em entrevista ao Pedro Bial, na qual restou patente tal interesse, muito provavelmente face à pegada visionária da Democracia Direta com Meritocracia, como propõe a RPL-PNBC-DD-ME, a reinvenção do Brasil e da nossa Democracia, que encarna a Terceira a Via de Verdade, tal seja o megaprojeto novo e alternativo de política e de nação, a nova política e o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, no qual tanto os EUA, quanto a Rússia e China estão super interessados em ver como funcionaria na prática a grande novidade política mundial e, por isso , dispostos a ajudar, ainda que o Novo de Verdade possa projetar o Brasil na vanguarda democrática do mundo civilizado, que poderá ser a solução ideal para o Brasil e o mundo inteiro para acabarmos com as guerras desnecessárias, domésticas. regionais e mundiais. https://www.brasil247.com/mundo/lula-nao-e-o-personagem-que-os-americanos-querem-para-o-brasil-diz-pepe-escobar?fbclid=IwAR2pTZGjQLZTtbKauf2P997YxOyYAA2xRmmXaqi3FPWMgHOitOSAR1zz960

  2. Ciro, dono no Ceará, afilhado e sócio do Tasso, já foi dedado pelo Ruy Pimenta, está tentando armar mais 171 eleitoral, tá mais na cara do que chuchu na cerca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *