Primeira reunião de Braga Netto com o Alto Comando foi apenas ‘congraçamento social’

O ministro da Defesa, Walter Braga Netto, quando apresentou nesta quarta-feira, 31 de março, os três novos comandantes das Forças Armadas.

Braga Netto levou Jair Bolsonaro e dois ministros à reunião

Vicente Nunes
Correio Braziliense

O ministro da Defesa, Braga Netto, se reuniu pela primeira vez, nesta segunda-feira (03/05), com o Alto Comando das Forças Armadas. Entre os temas debatidos no encontro, o “foco nas missões constitucionais” das três Forças.

O clima do encontro foi amistoso, mas houve muitos questionamentos sobre o papel das Forças Armadas neste momento. Há um certo incômodo por parte dos fardados com o excessivo “protagonismo das Forças Armadas” neste momento, o que deixa os militares muito expostos.

Segundo integrantes do Alto Comando, o ministro também falou da necessidade de recomposição dos recursos destinados aos projetos estratégicos da Defesa e para o fortalecimento da Base Industrial de Defesa. O ministério perdeu muitas verbas com o corte do Orçamento.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
A reunião não foi para valer, porque teve a participação d o presidente Jair Bolsonaro, do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina. Ou seja, foi uma espécie de congraçamento social Colocar Braga Netto no Ministério da Defesa foi uma desesperada tentativa de Bolsonaro para continuar sonhando com um regime de exceção que ainda não aconteceu nem vai acontecer. O Alto Comando não quer saber dessas aventuras. E vamos em frente.. (C.N.)

 

2 thoughts on “Primeira reunião de Braga Netto com o Alto Comando foi apenas ‘congraçamento social’

Deixe uma resposta para Espectro Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *