Renan Filho reage à ameaça de Bolsonaro mandar investigar “desvios em Alagoas”

Governador de Alagoas, Renan Filho, anunciou no Twitter que prorrogou decreto de emergência para conter o coronavírus — Foto: Márcio Ferreira/ Arquivo Pessoal

Bolsonaro devia investigar os próprios filhos, responde o governador

Deu no G1

Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sugerir uma investigação contra o filho do senador Renan Calheiros (MDB), relator da CPI da Covid, para apurar supostos desvios de recursos públicos em Alagoas durante a pandemia, o governador Renan Filho (MDB) disse nesta sexta-feira (7) que encara a declaração como “uma retaliação à própria CPI”.

“O que isso parece é que essa investigação seria uma retaliação ao trabalho da CPI. Investigar um governador que, por coincidência, é o filho do relator da CPI da Covid parece bastante que é uma retaliação à própria CPI”, afirmou Renan Filho em entrevista à Globo News.

E OS FILHO DELE? – O governador também lembrou que Alagoas não tem investigação em curso no momento. “O presidente fala em investigar o filho do relator, mas ele sempre falou muito pouco das investigações sobre seus próprios filhos que estão em curso”.

Na live, transmitida na noite de quinta (6) no perfil pessoal de Bolsonaro no Facebook, o presidente comenta a atuação dos senadores na CPI, sobretudo quando o relator Renan Calheiros pergunta ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, se as frases ditas à pandemia.

“Eu queria estar na CPI. Sabe qual seria a minha resposta? ‘Oh, prezado senador, excelentíssimo senador, frase não mata ninguém. O que mata é desvio de recurso público que seu estado desviou. Então vamos investigar o teu filho que a gente resolve esse problema. Desvio mata, frase não mata”, afirmou Bolsonaro.

INVESTIGAR TODOS – Sobre a abertura de uma eventual investigação para apurar desvio nos estados, Renan Filho afirmou que, se acontecer, não haveria interferência do pai, relator da CPI.

“Primeiro, acho que a investigação deve ser para todos, ser imparcial, profunda. No caso de Alagoas, o próprio senador Renan Calheiros se antecipou e garantiu que, para investigações no estado, haveria sub-relatoria, que seria ressalvada no relatório final. Essa conduta garante imparcialidade e garante também que os trabalhos da CPI tenham a devida profundidade”, avaliou o governador.

PARECIA SER AMIGO – Questionado sobre a atitude do presidente, ele lembrou que recebeu uma ligação de Bolsonaro quando o nome de Renan Calheiros foi confirmado como possível relator da CPI.

“Essa conduta errática do governo federal, do presidente Jair Bolsonaro que faz um gesto, uma ligação amistosa, supõe-se meu amigo, ele disse até assim ‘olha, Renan, estou com saudade daquelas nossas peladas do futebol’ e depois ele dá uma declaração desse nível, demonstra que há preocupação do governo central, que a conduta da pandemia foi equivocada, que na hora de preservar vidas, respeitar o que recomenda a ciência, o governo se equivocou”, falou Renan Filho.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Bolsonaro teve um comportamento vexaminoso. Primeiro, telefonou para Renan Filho, na tentativa de usá-lo para influir no relatório do pai. Como não seu certo a armação, agora ameaça investigar. Isso é coisa de moleque. (C.N.)

15 thoughts on “Renan Filho reage à ameaça de Bolsonaro mandar investigar “desvios em Alagoas”

  1. Só internando e amordaçando o Medonho !
    Perdeu o resto do Juízo, que nunca teve.
    O sujeito tá doente !
    Um caminhão de lixo descendo a ladeira!
    Credo !

  2. Como sempre ele fala uma coisa e faz outra.
    Se o vento muda o Mito também pode mudar!
    Sempre escrevo aqui na TI que estamos vivendo de piada em piada. Não tem jeito. E assim será até 2022.

  3. Renan já mostrou que não tem escrúpulos, juntamente com Lewandowisky mudaram cláusula pétrea da constituíção. Deveriam estar na prisão, mas estão soltos, cometendo crimes e envergonhando a nação. Mas o problema é Bolsonaro claro. É por essas e outras que o presidente será reeleito no primeiro turno.

  4. O Boslonaro comporta-se como um frívolo, leviano, traíra: um dia afaga o filho do Renan, no outro o trai. Não vale nada essa peste!

  5. Moro percebeu que para nadar nesse mar de lamas, só nadadeiras não bastam!
    Ainda assim creio: se ele se elegesse, assumiria. Se Lula tiver como se candidatar e ganhar, ele pode até tomar posse, pois se tratar duma formalidade, mas governar 24 horas, jamais!

  6. Prezado CN,

    Concordamos: dentre outras qualificac,oes, este animal, por agora presidente, e’ e sempre se comportou como um moleque. Seguido por moleques.
    POR EXEMPLO, E’ verificar o comportamento moleque e covarde do Queiroga ontem.

    Cleber

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *