“Tchau, Querida”: Justiça determina penhora de direitos autorais de livro de Eduardo Cunha

Valores penhorados servirão para o pagamento de honorários advocatícios

Mônica Bergamo
Folha

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro determinou a penhora dos direitos autorais do livro “Tchau, Querida: O Diário do Impeachment”, de autoria do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. A obra, que relata detalhes sobre o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, será lançada no sábado, dia 17.

A decisão pela penhora é da juíza Virginia Lúcia Lima da Silva, da 20ª Vara Cível. De acordo com publicação do tribunal, os valores penhorados servirão para o pagamento de honorários advocatícios relativos a um processo movido por Cunha contra a Infoglobo.

PROJETO DE LEI – A ação versava sobre uma reportagem que citava um projeto de lei que queria instituir o Dia do Orgulho Heterossexual, de autoria do ex-deputado. “Como perdeu a ação e não foi encontrado dinheiro em sua conta bancária para ser penhorado, a juíza determinou a penhora dos direitos autorais sobre o livro”, afirma o tribunal em nota.

Cunha, que está em prisão domiciliar, promete “detalhes inéditos e minuciosos” sobre a batalha do ex-presidente Michel Temer (MDB) para derrubar Dilma.

9 thoughts on ““Tchau, Querida”: Justiça determina penhora de direitos autorais de livro de Eduardo Cunha

  1. “Jair Bolsonaro mobilizou dois helicópteros oficiais na manhã deste sábado para fazer um tour na cidade de Goianápolis (GO).

    O presidente está acompanhado do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello e do atual ministro da pasta, Marcelo Queiroga. O general Braga Netto (Defesa) e o deputado Major Vitor Hugo também participam da comitiva.

    O helicóptero que transportou o presidente pousou em um campo de futebol na cidade goiana que fica a cerca de 190 quilômetros de Brasília. Bolsonaro, sem máscara, conversou com apoiadores, tirou selfies e provocou aglomeração.” (Antagonista)

    Por isso que d. Micheque reclama da falta de comparecimento do seu Jair.

    Mas o Hélio Negão não tem nada a reclamar.

    Diz que seu Jair é carinhoso.

  2. “Após fala de Michelle Bolsonaro, termo “Bolsonaro Broxa” viraliza na web.

    Internautas levantaram uma hashtag em homenagem ao presidente após a primeira dama Michelle falar que gostaria que ele tivesse um pouco mais de energia dentro de casa.

    “Tá explicado pq ele disse que pegou covid e ela não… Pensei que era o atletismo mesmo”, escreveu uma seguidora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *